Ana Carla Abrão:“Há espaço para cortar ainda mais”

0
757

Mesmo com a implantação da reforma administrativa que, segundo alguns membros da base aliada, já cortou muitos gastos financeiros do governo estadual, ainda há mais o que ser cortado, segundo avalia a nova secretária da Fazenda, Ana Carla Abrão Costa. Segundo ela, mesmo estando em um patamar melhor que a média nacional, Goiás ainda precisa equilibrar melhor suas contas. “Já reduzimos em pessoal, mas ainda há espaço para cortar ainda mais, com gastos em espaço físico, por exemplo, que diminuirão com a redução das secretarias. Este será o segundo ponto de redução dos gastos. Além desses também teremos outros cortes, como a redução do custeio das supersecretarias e secretarias, que permitirão economia em despesa corrente no Estado”, revela a economista. Ela, juntamente com o novo secretário de Gestão e Planejamento, Thiago Peixoto (PSD), avalia o tamanho do esforço que será feito por meio da reforma administrativa nesse ano para que em quatro anos o déficit estadual seja zerado. “O orçamento de 2015 já prevê um superávit primário, mas nossos esforços deverão ser também focados nos próximos anos, já que teremos um ano difícil, de sacrifícios, pela frente”, finalizou.


“Não existe mais latifúndio no Brasil”

Kátia Abreu (PMDB), nova ministra da Agricultura de Dilma Rousseff (PT).


Avisados
O vice-governador José Eliton, que assumiu a Secretaria de Desen­volvimento Econômico, Científico e Tecnológico e Agricultura, Pecuária e Irrigação, pediu para seus auxiliares que montassem suas estruturas físicas enquanto ele viajava pelo exterior.

Volta
A ideia é, quando ele voltar, já iniciar o trabalho na superpasta. José Eliton, assim como todos os outros secretários, já passaram lista de comissionados que trabalharão em suas pastas a partir deste mês de janeiro.


Superintendências
Todas as superintendências serão nomeadas nas próximas semanas. Algumas delas ainda serão da cota do governador, enquanto outras deverão ser indicadas pelos supersecretários e, claro, por partidos aliados.

Clima pesado
O clima foi ruim na volta ao trabalho na última semana em autarquias e em secretarias de governo. Alguns funcionários comissionados e temporários insistiram em ir trabalhar, mesmo sem terem mais contrato. Resultado: foram despachados de volta para casa.

Líder
O deputado estadual eleito José Nelto será o novo líder da bancada do PMDB, que conta com cinco deputados nesta legislatura, na Assembleia Legislativa. Ele deverá ser a voz mais estridente da oposição na Casa. O anúncio será realizado no dia 26 deste mês.

Nova meta
Como não foi contemplado na composição do governo, já que não conseguiu assumir seu mandato, ficando na suplência na Câmara Federal, o presidente nacional do Pros, Eurípedes Júnior, buscará um cargo no governo federal.

Afago
Talvez para acelerar sua nomeação no governo, Eurípedes, por meio de nota, elogiou a presidente Dilma Rousseff pela escolha do ex-governador do Ceará Cid Gomes (Pros), como novo ministro da Educação.
Não creem
Muitos deputados federais e estaduais da oposição não acreditam que Jayme Rincón será o candidato do PSDB à prefeitura de Goiânia. Apostam em Fábio Sousa e Lúcia Vânia.

Limpeza
Mesmo com críticas vindas de dentro da própria sigla, o PMDB segue com sua dissolução dos diretórios municipais pelo Estado. Ao todo 25 diretórios já foram dissolvidos e mais trinta dissoluções já estão em andamento.

Cobiçado
O deputado federal Jovair Arantes, depois de ser ‘escanteado’ pelo governador, passou a ser alvo de grande cobiça dos partidos da oposição em Goiás, na opinião de um deputado de oposição.

Novo cargo
O ex-prefeito de Inhumas Abelardo Vaz (PP) foi nomeado novo diretor técnico do Detran-GO. O pepista é do grupo do deputado federal Roberto Balestra (PP) e apontado como virtual candidato à prefeitura do município em 2016.

Outro cargo
Horácio Melo, que ocupava cargo de diretor técnico até o fim do ano passado, irá para a presidência do Conselho Estadual de Trânsito.


Rápidas

O deputado estadual reeleito José Vitti confirmou oficialmente o convite feito a ele pelo governador Marconi Perillo para que assumisse a liderança do governo na Assembleia Legislativa, cargo ocupado na última legislatura por Fábio Sousa.

Com isso, conforme adiantado pela Linha Direta há duas semanas, o deputado estadual Talles Barreto (PTB), que estava cotado para ser o líder, deverá agora assumir a presidência da Comissão de Constituição e Justiça da Casa.

José Taveira, que assumiu a presidência da Saneago nesta semana, disse ter saído com sentimento de dever cumprido da Secretaria da Fazenda. “Mesmo com todas as dificuldades, não atrasamos nenhum pagamento na pasta”, disse, com orgulho.
O deputado estadual eleito Francisco Oliveira (PHS), que desistiu de sua pré-candidatura à presidência da Alego, confirmou compromisso de representar Aruanã na Casa, em reunião realizada com o prefeito e com vereadores da cidade.

O deputado estadual Humberto Aidar (PT) mandou um recado ao PMDB: “Se não estiverem satisfeitos com os cargos na prefeitura de Goiânia, que deixem todos eles e abram espaço para uma gestão somente com membros do PT”.

Francis­co Gedda (PTN), deputado estadual, já se recupera em casa do grave acidente doméstico que sofreu há pou­co mais de dois meses. Ele já está andando normalmente e tem feito sessões de fonoaudiologia, fisioterapia e neuropsicologia.


Novo auxiliar
O presidente regional do PT do B Edivaldo Cardoso assumirá o co­mando da Ceasa. Antes de viajar, o governador Mar­coni Perillo (PSDB) passou o ato de indicação de Cardoso para a Casa Civil. Edivaldo voltará ao comando do órgão, cargo que ocupou entre 2008 e 2010.

Enxuto
Assim como outros órgãos deste governo de Marconi Perillo, o Ceasa também passará por diminuição estrutural. A chefia de gabinete e duas diretorias serão extintas. Com isso, a sociedade terá apenas uma diretoria, além da presidência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here