Agehab construirá casas no Jd. Curitiba

0
933

A Agência Goiana de Habitação (Agehab) finaliza até abril a contratação da construção de 315 moradias pulverizadas no Jardim Curitiba, região Noroeste de Goiânia, cumprindo as últimas etapas do programa de regularização fundiária plena do bairro. As moradias serão construídas em lotes do Estado para reassentamento de famílias que vivem em habitações precárias, ocupam áreas de risco ou de preservação ambiental. O investimento gira em torno de R$ 23 milhões, sendo R$ 19 milhões de recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC-2) e R$ 4 milhões em Cheque Mais Moradia.
Diferentemente dos outros nove bairros da Região Noroeste já regularizados pelo Governo de Goiás por meio do programa Casa Legal, executado pela Agehab, o Jardim Curitiba (1, 2, 3 e 4) está recebendo obras de melhoria urbana e equipamentos comunitários dentro do processo de regularização fundiária. “Estamos finalizando o processo de contratação junto à Caixa e providenciando as licenças junto ao município para realização da obra”, destaca Stival, salientando que mais de duas mil escrituras do bairro estão em cartório para registro.

Outras obras
A Agehab entregou à comunidade do bairro uma praça com mais de sete mil metros quadrados equipada para oferecer atividades de esporte, lazer e recreação para os moradores. Também está finalizando a construção de um Centro de Educação Infantil e um Centro Comunitário, além de obras de asfalto, rede de esgoto e galerias de águas pluviais. A previsão é de que a construção das 315 moradias se inicie ainda neste semestre. Integra ainda o pacote de obras do PAC-2 para o bairro a construção de um Centro de Cidadania e Cultura, com anfiteatro para 300 pessoas. O investimento é superior a R$ 50 milhões.
Segundo Luiz Stival, a meta é concluir este ano todo o processo de regularização da região Noroeste, onde estão sendo regularizados em torno de 16 mil imóveis distribuídos em 13 bairros. Foram entregues mais de oito mil escrituras na região. “O governador Marconi Perillo fez o enfrentamento do problema e transformou regularização fundiária em programa de Estado, com criação de uma lei sintonizada com os avanços da legislação federal e do programa Casa Legal, destacado com premiação nacional como o melhor do País”, argumenta o presidente da Agehab.


OVG abre inscrições para capacitação de voluntários

O Centro Goiano de Vo­lun­tários (CGV), da Orga­ni­zação das Voluntárias de Goiás (OVG), está com ins­crições abertas para a primeira palestra do ano. Com o tema “Capacitando Voluntários”, o treinamento será realizado no próximo dia 10 de fevereiro, às 15 horas, no novo endereço do CGV, na Rua 16-A, nº 885, Setor Aeroporto. Serão abordadas a Lei do Voluntariado (Lei nº 9608/98), ética e orientações sobre o trabalho e atitudes do voluntário.
O pré-cadastro pode ser feito pelos telefones: 3201.9707 ou 9711 ou, ainda, pessoalmente até uma hora antes da palestra. Os participantes recebem certificados e declaração, caso necessitem, para apresentar no local de trabalho.
Atualmente, são 168 instituições cadastradas no CGV, preparadas e aptas a receber os voluntários. De 2001, quando foi criado, até hoje, foram capacitadas 12,4 mil pessoas para a área e 5,7 mil foram encaminhadas às entidades para colocar em prática o que aprenderam. Os voluntários também atuam em unidades da OVG e em eventos promovidos pela Organização, como a campanha Show de Natal e o Centro de Apoio ao Romeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here