Gestores e aliados orientarão Vitti na defesa do governo

0
894

Depois de perder o principal nome de sua linha defensiva na Assembleia Legislativa, com derrota de Túlio Isac (PSDB) nas eleições passadas, a base governista acredita que o próximo líder do governo – deputado José Vitti (PSDB) – conseguirá exercer bem esse papel. Mas, para tanto, Vitti será abastecido diariamente com informações sobre a realidade da administração estadual, tanto por secretários como pelo próprio governador, para rebater as possíveis críticas e ataques que deverão ser desferidos pelos quatro principais nomes da oposição da próxima legislatura, que são os deputados José Nelto (PMDB), Adib Elias (PMDB), Ernesto Roller (PMDB) e Luis César Bueno (PT). Eles prometem ser mais duros que a oposição atual. “Ele, que já tem vasta experiência em debates, será constantemente orientado por aliados, secretários e pelo próprio governador para executar a defesa do governo. Confiamos nele para esse trabalho”, disse um deputado da base aliada eleito pela primeira vez para a Alego. Além de José Vitti, outro nome que continuará defendendo o governo como já o fez em legislaturas anteriores é o deputado Júlio da Retífica (PSDB), “resgatado”da suplência pelo governador Marconi Perillo (PSDB).


“Desta reforma administrativa eu não tenho participado na condição de vice-prefeito”

 

Agenor Mariano (PMDB), vice-prefeito de Goiânia


Outra via
Eles não conseguiram se reeleger na Assembleia Legislativa de Goiás, mas isso não quer, necessariamente, dizer que eles deixarão a sede do legislativo goiano. Ao menos dois deputados já estão próximos de garantir diretorias na Casa.

Comunicação e…
Túlio Isac (PSDB) e Wagner Siqueira (PMDB) e Frederico Nascimento (PSD), deverão ficar como diretores na Alego. O peemedebista Waguinho ainda não tem definida qual a sua diretoria, mas Túlio Isac já fala como diretor de Comunicação.


De volta?
O PSDB realizará encontro regional nesta terça, 20, para deliberar sobre algumas pautas, entre elas a eleição no Diretório Regional. O nome da vez para assumir a presidência tucana é o do ex-presidente Antônio Faleiros.

Metropolitano
Os nomes de Sérgio Cardoso e de Cyro Miranda foram cotados para assumir o partido, mas não demonstraram muito entusiasmo. No diretório metropolitano, o ex-vereador Maurício Beraldo já trabalha para permanecer na presidência.

Comissão
O deputado estadual eleito Lissauer Vieira (PSD), além da liderança de seu partido na Casa, também será o presidente da comissão de Agricultura e Pecuária da Alego.

Permanente
O deputado estadual Valcenor Braz (PTB), que já assumiu a secretaria do Entorno, avisou que lutará para transformar a pasta de extraordinária para permanente. “O Entorno é uma região que foi muito relegada. Merece atenção permanente”, disse.

Trabalhando
O presidente do PT do B em Goiás e presidente do Ceasa, Edivaldo Cardoso, afirmou que seu partido já começa a trabalhar em torno do lançamento de candidaturas a vereadores e prefeitos em cidades do interior.
Reforma já
No entanto, Cardoso fez uma ressalva em relação às eleições de 2016: “Creio que antes desse pleito haverá uma Reforma Política, que mudará todo o panorama. Apesar de eu ser presidente de um partido, vejo a reforma extremamente necessária nesse momento”, admite.

União
Em Goiânia, o PT do B apoiará o candidato lançado pelo PSDB à prefeitura. Edivaldo não acredita que PSD, PP, PTB e PSDB – maiores partidos da base governista – lancem candidatos distintos na disputa. “Seria o primeiro passo para a derrota”, finaliza.

Blocão
O deputado federal eleito Marcos Abrão (PPS) deverá focar seu trabalho em Brasília junto ao Ministério das Cidades, voltado para a área de habitação. Ele adianta que seu partido montará um bloco no Congresso ao lado de SDD e PV, que contará com mais de 70 deputados.

Responsável
Abrão também disse que buscará fazer oposição de forma limpa, sem ataques gratuitos ou baixos. “Quero trabalhar fazendo uma oposição de sugestões, pois sei o quanto uma oposição que só critica atrapalha um gestor”, afirmou o deputado eleito.

Relações interinas
O presidente do Tribunal de Justiça de Goiás, Ney Teles de Paula, que governou Goiás interinamente na última semana, em função de viajem do já governador interino, deputado estadual Hélio de Sousa (DEM), recebeu a visita do presidente interino da OAB-GO, Sebastião Macalé. Pois é.


Digam que fico
O deputado fe­de­ral Heuler Cru­vinel (PSD) foi convidado pelo governador Mar­coni Perillo (PSDB) para assumir a Secretaria de Estado da Saúde, mas, atendendo ao pedido de lideranças empresariais e políticas da Região Sudoeste, preferiu permanecer no Congresso.


Rápidas

 

 

Os novos diretores da Câmara Municipal de Goiânia tomaram posse na última quinta-feira, 15. Ao contrário da legislatura anterior, na qual Clécio Alves (PMDB) escolheu toda a diretoria, nesta vários vereadores indicaram nomes.

A Diretoria Legislativa, por exemplo, ficou a cargo de Rogério Paz Lima, indicado pelo vereador Elias Vaz (PSB), enquanto que a Diretoria de Comunicação será comandada pelo jornalista Diogo Luz, indicado por Zander Fábio (PSL).

Outra indicação é a de João Augusto França Neto, que será o novo diretor administrativo da Câmara Municipal. Ele é ligado ao vereador Djalma Araújo (SDD). França já foi diretor da AMT e comandante da antiga Guarda Municipal de Goiânia.
Os outros diretores são Júlio César Prado, que ficou com a Diretoria Geral; Aurécio de Oliveira Lobo, que será o novo diretor financeiro, Aderilton Bezerra dos Santos, que ficou com a Diretoria de Recursos Humanos e Lourival de Moraes Fonseca Júnior, o novo procurador.

Assim como Paulo Garcia (PT) fará na administração de Goiânia, o prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela (PMDB) promoverá uma reforma administrativa nos primeiro e segundo escalões de sua equipe.

Alguns prefeitos do DEM de cidades do interior torceram o nariz para a possibilidade de aliança entre seu partido e o PMDB de Iris Rezende. É que em alguns desses municípios, os dois partidos são inimigos históricos.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here