Italianos sinalizam interesse em Goiás

0
571

O governador Marconi Perillo encerrou sua viagem em missão comercial na França e na Itália, que durou toda a semana anterior, com saldo positivo. Em vários encontros, ele apresentou os potenciais do Estado para receber investimentos dos dois países e saiu animado com as possibilidades geradas nos encontros.

Nesta quinta-feira, 12, na Itália, representantes das 50 empresas italianas presentes no Seminário Potencialidades de Goiás, proferido pelo governador, na Embaixada do Brasil em Roma, por exemplo, demonstraram grande interesse pela economia goiana durante o evento. Após explanação do governador sobre os números de geração de emprego, crescimento dos setores industrial e agropecuário, além da melhoria dos indicadores sociais, os executivos italianos fizeram uma série de perguntas sobre carga tributária, logística, proximidade a portos e aos maiores mercados consumidores, além de qualificação profissional.
O Seminário Potencia­li­da­des de Goiás foi aberto pelo embaixador do Brasil na Itália, Ricardo Neiva Tavares, que chamou a atenção da plateia para o desempenho da economia de Goiás, sempre acima da média nacional, e para a melhoria dos indicadores sociais nos últimos anos. “O PIB de Goiás, em 2013, cresceu cinco vezes mais que o PIB brasileiro. Se Goiás fosse um país, com seu PIB anual, cuja previsão é de R$ 143 bilhões em 2014, seria o 70º país do mundo”, disse Neiva Tavares, lembrando ainda os indicadores sociais goianos são melhores do que “muitos países da América Latina”.

Investimentos
O embaixador destacou também o dinamismo e a liderança do governador Marconi Perillo na condução dos destinos de Goiás e, mais uma vez, afirmou que o Estado precisa ser incluído, pelos europeus, entre as regiões economicamente estratégicas para novos investimentos no Brasil. Em sua explanação, o governador ressaltou o elevado crescimento do PIB goiano desde 1999 – de R$ 17,4 bilhões para R$ 143 bilhões em 2014, mais de 8 vezes – e a industrialização do Estado, ao mesmo tempo em que os setores agropecuário e de mineração, de grande peso na composição das exportações locais, se modernizaram e ampliaram sua participação nos mercados nacional e estrangeiro.
Incentivos fiscais
Marconi também detalhou o programa de incentivos fiscais do Estado, o Produzir, e citou os investimentos em logística e em infraestrutura realizados nos últimos quatro anos em Goiás. O governador observou que, além de dinamizar o escoamento da produção, os investimentos dos governos do Estado e da União já estão reduzindo os custos das empresas. Ao final da apresentação, os empre­sários italianos fizeram diversas perguntas para o governador. A Embaixada classificou o evento como de grande sucesso e os empresários goianos que integram a delegação se disseram otimistas quanto à possibilidade de novos negócios com os italianos.
Com o seminário na Emba­i­xada do Brasil na Itália, o governador Marconi Perillo e a delegação do Estado de Goiás encerraram a missão comercial à Europa, que teve início na última segunda-feira, em Paris. Em quatro dias de reuniões com representantes dos governos e de empresas italianas e francesas, a comitiva inteirou-se dos segmentos que têm interesse em fazer investimentos no Brasil e apresentou as potencialidades goianas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here