PT quer mais um vereador em Goiânia

0
888

 

O PT está em busca de mais uma cadeira na Câmara Municipal de Goiânia. Para tal, o diretório metropolitano do partido vem sugerindo ao prefeito Paulo Garcia (PT) que busque dois vereadores do PMDB na Câmara para assumirem duas das novas pastas que serão criadas após a aprovação do projeto da reforma administrativa, que deverá seguir nesta semana para votação no legislativo goianiense. Com o chamado de dois vereadores do PMDB, automaticamente assumiriam mandatos os vereadores Eudes Vigor (PMDB), que é o primeiro suplente da chapa PT/PMDB, criada nas eleições de 2012, e o vereador Serjão (foto – PT), segundo suplente. As duas vagas seriam destinadas para apenas dois nomes a serem escolhidos entre a vereadora Célia Valadão e os vereadores Clécio Alves, Denício Trindade e Paulo Borges, todos do PMDB. Os destinos mais cotados são Semdus, Semob e a Setec. Com a presença de Serjão, o vereador Carlos Soares (PT) teria mais um companheiro para defender a gestão do prefeito e, principalmente, o partido, nas discussões da Casa.


“É uma piada essa peça do procurador”

Eduardo Cunha (PMDB), presidente da Câmara Federal sobre a lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot.


Em tempo

O encontro entre a presidente Dilma Rousseff e o governador Marconi Perillo, que deveria ter ocorrido na última terça-feira, 10, foi adiado por incompatibilidade de agenda. Pode ser remarcado para essa semana, em visita da presidente à Goiânia.

Impeachment

Marconi Perillo continua destoando da grande maioria de seu partido, ao rechaçar qualquer possibilidade de impeachment contra a presidente. Paulo de Jesus, presidente do PSDB em Goiás, já se disse a favor do impeachment, por exemplo.

Sem cargo

Petistas avisam que depois de deixar a chefia de gabinete do prefeito Paulo Garcia para apoiar o governador Marconi Perillo nas eleições passadas, Iram Saraiva Jr. voltou a advogar. Mas ele continua de olho em um cargo no governo estadual.

Não creio

Nenhuma das lideranças do PMDB acreditou que o presidente da Agetop, Jayme Rincón, irá desistir de ser candidato em Goiânia em 2016. “Pelo que sabemos, ele conta com o apoio de Marconi Perillo. O que ele não quer é ser vitrine”, disse um ex-deputado peemedebista.

Apoio

O deputado federal João Campos (PSDB) disse ao Coronel Sílvio Benedito, eleito na última semana como presidente do Conselho Nacional de Comandantes-Gerais, que contasse com seu auxílio na Câmara Federal para o que precisasse no novo cargo.

Mostra

Em sessão da Alego de terça-feira, 10, o deputado Ernesto Roller (PMDB) pediu a palavra e discursou duramente contra o Detran. Para ele, a paciência da população com o órgão está no fim. “Se quem lá está não sabe fazer o serviço, que dê lugar a quem saiba”, bradou.

Aquiles

Além de Roller, outro que também criticou a atuação do Detran foi o deputado Adib Elias. Ele disse que o órgão, junto das estradas estaduais do interior que estão em condições ruins, são os dois calcanhares de Aquiles do governo.

Novos trechos

Pelo sim ou pelo não, em seu bate papo virtual com internautas, Marconi anunciou a inauguração de vários trechos de rodovias no interior do Estado, entre eles os de Jussara a Jacilândia, Ipameri a Campo Alegre, Pirenópolis a BR-153 e Porangatu a Novo Planalto.

Sem Fiat

Ainda no bate papo, ocorrido na última quarta-feira, 11, o governador garantiu que não houve conversação com a Fiat para que a empresa italiana instalasse uma fábrica em Goiás, ao contrário do que havia noticiado os sites oficiais do governo, durante sua viagem à Itália.

Convite

A secretária Raquel Teixeira, foi chamada pela Fundação Bill Gates para participar de um grupo internacional de estudos voltados para a busca da melhoria da formação de professores em todo o mundo. Ela disse que não sabe se aceitará o convite.

Câmara

Enquanto a discussão entre oposição e base ocorre na Assembleia, na Câmara o prefeito Paulo Garcia poderá voltar a sofrer com a volatilidade de sua base, já que um dos vereadores – Paulo Magalhães (SDD) – ameaçou votar contra o prefeito nas próximas matérias.

É que…

Na última quarta-feira o vereador Paulo Magalhães ameaçou passar para a oposição caso o prefeito continuasse com o projeto de verticalização no entorno do Jardim Botânico por meio de uma Operação Urbana Consorciada. “Não queira me ter como inimigo, prefeito”, frisou.

Mais à vista

Outro problema que poderá incomodar a relação Paço x Câmara é a convocação, aprovada pela CCJ na última semana, do procurador-geral do município, Carlos de Freitas, e do secretário de Administração, Valdi Camarcio.

Esclarecer

Ambos terão de prestar esclarecimentos sobre o contrato da prefeitura com a empresa Trana, na manutenção de fotossensores na capital. “O valor do contrato é de R$ 33 milhões, vence em maio, e o Paço quer prorrogá-lo por 60 meses, sem licitação”, relata Djalma Araújo (SDD).

Adeus?

O vice-prefeito de Aparecida de Goiânia, Ozair José, pode ir para outro partido. Segundo pessoas ligadas a ele, há uma insatisfação por parte do ex-deputado estadual com o PT. Ele vem recebendo convites de outras siglas.

Rápidas

* O presidente do Detran, João Furtado, disse que os problemas ocorridos com os boletos de pagamento do IPVA de vários usuários do Detran, que acarretaram em estorno do valor pago à conta dos usuários, foram problemas em torno da impressão dos boletos.

* Segundo ele, muitos dos usuários imprimiram os boletos em casa ou em vapt-vupts e o código de barras saiu com defeito. “Não foi detectado problema com o novo sistema que está sendo implantado no Detran”, finalizou Furtado.

* Na defesa do governo durante a semana, o deputado estadual Manoel de Oliveira (PSDB) afirmou que os deputados do PMDB deveriam se preocupar com Goiânia. “O PMDB e o PT acabaram com Goiânia. Adib deveria cobrar do prefeito Paulo Garcia”, comentou.

*Na terça, 10, Manoel se reuniu com a titular da Delegacia de Homicídios, Lúcia Silvestre. Na pauta a discussão da destinação de uma área exclusiva, dentro do próprio complexo da Polícia Civil na Cidade Jardim, ao atendimento dos familiares das vítimas de violência.

* Na última terça uma leva de prefeitos esteve no Palácio Pedro Ludovico para agenda com o governador. Lá estiveram os prefeitos de Pires do Rio, Cida Tomazini; de Águas Lindas, Hildo do Candango; de Iporá, Danilo Gleic; de Anápolis, João Gomes; e de Itumbiara, Chico Bala.

* Depois do pedido de desfiliação do ex-deputado Frederico Jayme, a cúpula do PMDB espera que o empresário Júnior do Friboi siga pelo mesmo caminho, evitando um processo de expurgação do partido por infidelidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here