Ozair José representa Maguito em seminário do IFG

0
604

A - Aparecida - Ozair José

O vice-prefeito de Aparecida de Goiânia, Ozair José, representou o prefeito Maguito Vilela na abertura do II Seminário de Iniciação Científica, nesta quinta-feira, 12. O evento, que promove a divulgação do trabalho de pesquisa desenvolvido por alunos dos cursos técnicos e de nível superior e pelos professores-orientadores, em uma ampla programação que inclui debates, minicursos e apresentações culturais, ocorreu até a noite desta sexta-feira, 13, no IFG – Câmpus Aparecida de Goiânia.

Após uma apresentação musical em Libras feita pelo coral do Colégio Elmar Arantes Cabral, a abertura solene do Seminário foi feita pelo gerente de Pesquisa e Extensão, professor Carlos Rangel Otto. A diretora geral do Câmpus Aparecida de Goiânia, Ana Lucia Siqueira, envolveu os alunos participantes com um breve relato sobre sua vida como estudante e como profissional, destacando a importância da pesquisa em sua carreira.

Ana Lucia ressaltou que o valor do evento vai além de valorizar as pesquisas desenvolvidas no Câmpus, mas tem também o poder de estimular os alunos que ainda não estão envolvidos em projetos. A mesa de abertura do II Seminário de Iniciação Científica contou com a presença de representantes das áreas de Educação, Ciência e Tecnologia nas esferas municipal, estadual e federal.

O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação do Instituto Federal de Goiás, Ruberley Rodrigues de Souza, parabenizou a equipe da Gerência de Pesquisa e Extensão pela realização do evento e desejou sucesso aos alunos participantes. Ele falou do trabalho desenvolvido pelo IFG em seus vários câmpus, com vistas à valorização da pesquisa em ciência e tecnologia.

O gerente de Inovação e Difusão Tecnológica da Secretaria de Ciência e Tecnologia de Goiás, Pedro Luiz da Costa Oliveira, abordou a inovação, destacando aos estudantes a necessidade de acreditar em suas ideias e de trabalhar seriamente para a execução delas. “A sua ideia pode ser uma grande ideia”, afirmou.

Resultados positivos advindos da parceria entre os governos federal, estadual e municipal, para o desenvolvimento da Educação no município de Aparecida de Goiânia foi frisado pelo vice-prefeito Ozair José. Ele citou a presença do IFG, da UFG e da UEG na cidade e do apoio mútuo entre as instituições em benefício da população. A relação respeitosa entre as instituições de ensino foi lembrada também pelo diretor geral do Câmpus Aparecida de Goiânia da Universidade Federal de Goiás, Júlio César Valandro Soares, e pelo secretário municipal de Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia de Aparecida de Goiânia, Ralph Vicente.

O pesquisador

Curiosidades sobre o trabalho de um pesquisador foram apresentadas aos participantes do Seminário de Iniciação Científica na Mesa-Redonda “Cartas na Mesa: O que você ganha com a pesquisa?”, que contou com participação da engenheira agrônoma Heloisa de Piva Breseghello, da Embrapa Arroz e Feijão, e da professora Elaine Alves de Faria, do IFG. O debate foi mediado pelo professor Carlos Rangel.

Ao relatar a história da Embrapa e o trabalho desenvolvido pela Empresa, Heloísa Piva falou aos estudantes sobre as possibilidades de trabalho para um pesquisador, que pode seguir a carreira acadêmica ou profissional. A professora Elaine fez uma abordagem sobre o conceito de iniciação científica, com destaque ao contexto da Química.

“Com a pesquisa, a gente ganha conhecimento e pode ajudar muitas pessoas com nossos estudos”, respondeu Enrique Mateus, aluno do 1º ano do curso Técnico Integrado de Agroindústria, ao falar sobre o tema da Mesa-Redonda. Ele diz ter se motivado a estudar ainda mais após as apresentações. Wanessa Neves, do 3º ano do curso de Edificações também gostou muito da atividade, especialmente por causa das dicas passadas sobre o direcionamento dos estudos e enriquecimento do currículo profissional.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here