Hélio de Sousa a caminho do PSDB

0
645

P 4 - Recortar Hélio de Sousa principalO presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, deputado estadual Hélio de Sousa (DEM), deve ser o mais novo “reforço” das fileiras do PSDB em Goiás. A mudança de ares poderá se dar pela possibilidade de união entre o DEM e o PTB, que negociam a junção das duas siglas em nível nacional. Hélio, que é fundador do antigo PFL em Goiás, há muito tem demonstrado insatisfação com os rumos que o Democratas vem tomando em nível estadual (o partido é de oposição ao governo em Goiás, por decisão do senador Ronaldo Caiado, presidente da legenda, enquanto que Hélio tem forte ligação com o governador Marconi Perillo) e em nível federal, aonde vem perdendo cadeiras no Congresso Nacional. Com a união do partido com o PTB, Hélio seguiria o mesmo rumo de seu grupo político em Goianésia, onde o prefeito Jalles Fontoura e o ex-prefeito Otavinho Lage que deixaram o PFL e se filiaram ao PSDB em 2003. “Será o caminho natural caso a junção de DEM e PTB se concretize realmente. Outros nomes dos dois partidos também sairão, mas ainda sem destino certo”, disse uma fonte próxima do ainda democrata.

 

“Unir PTB e DEM é como unir getulistas e lacerdistas”,

Jovair Arantes, deputado federal e líder do PTB no Congresso Nacional.

Incômodo

A possibilidade do ex-prefeito de Senador Canedo Vanderlan Cardoso (PSB) se integrar à base aliada do governo de Goiás e ter seu nome apoiado pelo governador Marconi Perillo (PSDB) para a disputa pela prefeitura de Goiânia em 2016, vem incomodando alguns governistas.

Mostras

O nome que estaria mais irritado com essa possibilidade é, claro, o presidente da Agetop, Jayme Rincón (PSDB), que tem sido um dos nomes mais cotados para o posto ao lado do deputado federal Fábio Sousa (PSDB).


 

Encontro

Vanderlan Cardoso já tem encontro marcado com o governador Marconi Perillo neste final de semana para discutir sua entrada na base. Esta aproximação seria um ponto vital para a filiação da senadora Lúcia Vânia no partido socialista.

Aparecida

Segundo fontes ligadas ao PMDB de Aparecida de Goiânia, o único nome que tem tirado a tranquilidade de Maguito Vilela sobre a certeza de eleger seu sucessor na cidade atende por um nome: deputado federal Delegado Waldir (PSDB).

Embate

E que de acordo com pesquisas internas, somente Waldir teria forças para derrotar o sucessor apoiado pelo atual prefeito, que, pelo andar da carruagem, deverá ser mesmo o secretário de Governo do município e ex-deputado federal Euler de Morais.

Mas…

Waldir tem dito a amigos mais próximos que não tem a intenção de se candidatar em Aparecida. A saída poderia ser apoiar um nome na cidade. Daí a aproximação dos últimos dias com o comandante geral da PM, coronel Silvio Benedito, que poderia ser esse nome.

Nina

Aliás, o Delegado Waldir, que chegou a ser acusado por alguns de ser o mentor da soltura de roedores durante a CPI da Petrobrás durante a semana, adotou uma das roedoras soltas no plenário. A ela, ele deu o carinhoso nome de Nina.

Futuro

PTB começará a decidir seu futuro em relação às eleições municipais em 2016 na sugestiva data de 14 de maio, quando fará sua primeira grande reunião interna. Na pauta, permanência ou saída da base do governo e aliança com o PMDB. Isso se não se unir com o DEM…

Liberdade

Conforme adiantado há dois meses pelo deputado federal e presidente da sigla em Goiás, Jovair Arantes, os diretórios municipais do PTB terão liberdade para se aliar a quem convier para cada um deles. “Daremos liberdade a todos”, avisa Jovair.

Rio Verde

Embora os deputados, o estadual, Lissauer Vieira (PSD), e o federal, Heuler Cruvinel (PSD), mantenham excelente relação entre ambos, o mesmo não ocorre entre seus apoiadores em Rio Verde, que têm brigado como gato e rato na cidade.

Confirmado

Hoje o nome certo para a disputa da prefeitura de Rio Verde pelo partido no ano que vem é o de Heuler Cruvinel, embora alguns pessedistas defendam o nome de Lissauer para tentar substituir o prefeito Juraci Martins (PSD) nas eleições do próximo ano.

Brasília

Com isso, Lissauer daria um salto em sua carreira política, já que contaria com o apoio do próprio Heuler Cruvinel na disputa por uma cadeira na Câmara dos Deputados. A cadeira que hoje é a do próprio Heuler.

Canedo

O deputado estadual Sergio Bravo (Pros) tem afirmado a todos os aliados em Senador Canedo que irá disputar a prefeitura da cidade nas eleições do próximo ano. Hoje ele é a maior oposição ao grupo do prefeito Misael Oliveira (PDT).

Rápidas

– O deputado estadual Victor Priori (PSDB), depois de postergar por algumas semanas, finalmente tomou posse na Assembleia Legislativa na última semana. Ele substitui Daniel Messac, que tirou licença por 120 dias para realizar uma cirurgia.

– Durante a retomada das obras do aeroporto, o prefeito Paulo Garcia anunciou que tenta viabilizar a construção de um viaduto na BR-153 que dará acesso a entrada do novo terminal. O valor da obra (R$ 18 milhões) seria incorporado ao contrato da reforma do aeroporto.

– O deputado federal João Campos (PSDB) tentou justificar, via redes sociais, seu voto a favor do projeto de lei que libera a terceirização de atividades-fim de empresas e indústrias. Mas acabou sendo muito criticado por seus seguidores pelo posicionamento.

– Relator do texto do Novo Código de Processo Civil (CVC), o deputado federal Paulo Teixeira é um dos convidados do 1º Encontro Notáveis do Direito, evento que será realizado no dia 5 de maio, das 7h30 às 21 horas, no Centro de Convenções de Goiânia.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here