29 anos e com fôlego para muito mais

0
789

SLIDES - SEBASTIÃO

A Tribuna do Planalto comemorou na terça, 7, seus 29 anos de vida. São 29 anos, 348 meses, 127.027 dias de uma busca incessante pelo jornalismo de qualidade, com a apuração das notícias com muita responsabilidade e zelo pelo trabalho bem feito. Isso tudo garantiu à Tribuna a credibilidade de um jornal que goza hoje de prestígio no meio jornalístico, com a realização de vários projetos no decorrer destes 29 anos. E fôlego cada vez mais forte para ultrapassar novas fronteiras no decorrer dos próximos meses e anos.

Apesar da crise financeira que assola Goiás e o Brasil, além da discussão atual do espaço do jornal impresso dentro das novas possibilidades digitais que foram abertas com o desenvolvimento da Internet, a Tribuna do Planalto vem preparando novidades para seus leitores, que serão implementadas no decorrer dos próximos meses. A meta é prosseguir inovando e oferecendo ao público goiano o melhor da cobertura jornalística, principalmente nas áreas que o jornal sempre se destacou – Educação, Política, Comunidades e Cultura.
A maior inovação da Tribuna para os próximos meses será a estreia do novo portal do jornal, que já está em fase final de desenvolvimento. Com o aprofundamento do mundo digital na vida da população e a utilização cada vez maior dos gadgets – smartphones, tablets, notebooks e etc… – a implantação de um novo portal que dê aos nossos leitores acesso à informação em tempo real é mais que uma necessidade. A nova plataforma contará com as ferramentas mais atuais no campo da interatividade e do jornalismo instantâneo. Ou seja, de um jornal semanal impresso, a Tribuna se transformará em um jornal diário digital.
O diretor-presidente da Tribuna, Sebastião Barbosa, comemora esta nova fase do jornal e fala dos princípios que regerão o novo portal. “Será um espaço onde os goianos poderão conferir notícias e informações de qualidade no momento em que elas ocorrerem. Os nossos princípios, porém, não mudarão. Buscaremos sempre informações no esteio do jornalismo responsável. A Tribuna se orgulha de ser um jornal que sempre informou o cidadão, mas nunca participou de jogo baixo, falando da vida pessoal e familiar das pessoas. O que nos importa é o foco no interesse público”, frisa.
Além do portal, a Tribuna do Planalto também prepara uma grande reforma gráfica do jornal, que terá mudança em seu formato. “Faremos esta reforma, com o objetivo de modernizar o nosso produto e adaptá-lo à nova realidade jornalística. Isso também mostra que, apesar de estarmos prestes a lançar um portal completo, também manteremos o nosso jornal impresso. A intenção é que as duas plataformas se comuniquem entre si e cumpram a missão de informar”, diz Sebastião.

Mais projetos
A Tribuna continuará dando prioridade na área da Educação, com o seu já consagrado caderno Escola e os concursos de redação Goiânia e Goiás na Ponta do Lápis. No segundo semestre, realizaremos a 16ª edição do Goiânia na Ponta do Lápis, com o tema “Sustentabilidade: responsabilidade de todos!”. O objetivo é levar para os alunos da rede pública e privada da capital a discussão de como construir uma cidade que produza riquezas e, ao mesmo tempo, mantenha preservados os seus recursos naturais.
O debate político-eleitoral sempre foi um dos maiores focos da Tribuna, com a cobertura de todas as eleições desde a fundação do jornal. A busca foi sempre informar com texto interpretativos, que leve informações para o leitor formar a sua própria opinião em relação aos assuntos que permeiam as discussões sobre o tema. “Já estamos focados na cobertura das eleições municipais de 2016 que, inevitavelmente, nos leva a 2018, com a sucessão dos comandos do Estado e da presidência da República. Não descuidaremos da nossa missão de informar com ética e responsabilidade”, explica Sebastião Barbosa.
Junto com o debate eleitoral, a Tribuna trará – como é de costume – a sua sequência de pesquisas eleitorais, com a quantificação dos cenários nos principais municípios do Estado. “Essa já é uma marca nossa, que manteremos. Apesar das dificuldades, a nossa intenção é publicarmos números eleitorais já nos próximos meses”, revela o diretor-presidente.
A discussão eleitoral nas cidades leva, inevitavelmente, à análise da realidade dos municípios, tanto de Goiânia quanto no interior. Essa é a missão do caderno Comunidades que ganha ainda mais importância ao abrir o diálogo entre a população e as autoridades, mostrando os problemas das comunidades e sugerindo soluções. Nesse contexto, também é de grande importância levar aos nossos leitores as novidades da produção cultural local, tema que sempre teve espaço no jornal.

História
Parece que foi ontem, mas, na verdade, já se passaram 29 anos. A “edição zero” do jornal foi lançada no dia 7 de julho de 1986. À época com o nome de “Jornal da Segunda”, o objetivo principal era fornecer informações aos goianos todas as segundas-feiras. Havia uma lacuna no jornalismo goiano, já que os principais jornais diários do Estado não circulavam às segundas. O motivo era que estes jornais não tinham expediente no domingo.
Tudo começou por Goiânia, mas logo alcançou outros municípios do Estado. A cobertura do interior começou em Iporá, com o trabalho do jornalista Noildo Miguel, depois alcançando outras regiões do Estado, como Anápolis e Rio Verde. O jornal também chegou ao Tocantins e ao Distrito Federal, com o objetivo sempre em mente de expandir o ideal de jornalismo com responsabilidade por todos os cantos do Brasil Central.
Em 2003, a realidade do jornalismo goiano já era outra e o Jornal da Segunda não se furtou em encarar as mudanças necessárias. Desta forma, nasceu a Tribuna do Planalto e a publicação do jornal mudou de segunda para domingo. Com isso, o foco do jornal também mudou. Ao invés de ser a fonte de informações de todas as segundas, a Tribuna nasceu com o intuito de fazer uma discussão mais abrangente, trazendo materiais analíticos e diferenciados do restante da mídia goiana.
Durante todos estes anos, muitos jornalistas renomados passaram pelo Jornal da Segunda / Tribuna do Planalto e deixaram a sua contribuição para o fortalecimento do projeto nascido em 1986. Só para citar alguns exemplos – Luiz Carlos Bordoni, Divina Marques, Paulo Beringhs, Lorimá Dionízio – o Mazinho -, José Carlos Rangel, Ivan Mendonça, Vassil Oliveira, Elizeth Araújo, Filemon Pereira, Marcos Bandeira, Deusmar Barreto e tantos outros.
Outra marca que a Tribuna se orgulha é a de ser considerada uma escola de jornalismo em Goiás. Inúmeros foram os exemplos de jovens profissionais que saíram da faculdade e deram os seus primeiros passos na carreira dentro desta redação. Pelo jeito acolhedor e espaço de aprendizado adequado, o jornal foi, aos poucos, ganhando destaque na formação de profissionais. Tanto que várias faculdades têm preferência por enviar seus alunos para cá, por saber do histórico de respeito e de desenvolvimento profissional que os novos jornalistas recebem aqui. É com essa história que a Tribuna completa seus 29 anos. E com um longo caminho pela frente.


Autoridades cumprimentam a Tribuna pelos 29 anos

Edivaldo Cardoso de Paula, presidente da Ceasa Goiás e presidente regional do PT do B;

Tradição e credibilidade são dois valores que resumem bem a trajetória do jornal Tribuna do Planalto nestes 29 anos completados agora neste mês de julho. Trata-se de uma marca conquistada pela visão empreendedora do presidente Sebastião Barbosa da Silva, que soube investir e atrair profissionais de grande talento que construíram e constroem a história deste grande veículo de comunicação. A toda a equipe do jornal meus cumprimentos pelo trabalho de qualidade! Que continuem inovando e sigam na vanguarda da comunicação com novos projetos e novos horizontes!” 


Fernando Machado de Araújo, secretá­rio municipal de Saúde de Goiânia;

Para se fortalecer, o Sistema Único de Saúde (SUS) precisa de um jornalismo comprometido com a verdade, que ouça os dois lados. Veículos como a Tribuna do Planalto, que sabem fazer esse equilíbrio de aproximar a sociedade do ideal do SUS de garantir saúde pública de qualidade universal e integral. A saúde pública depende muito da divulgação dos jornais para concretizar suas ações. Um grande exemplo são nossas campanhas de vacinação, que quase sempre conseguem atingir suas metas graças à cobertura da imprensa. Aproveito este espaço para agradecer a toda equipe da Tribuna do Planalto pela divulgação das ações de saúde. Parabéns a todos!”


Giuseppe Vecci, deputado federal e vice-presidente nacional do PSDB;

Congratulo-me com a equipe do Jornal Tribuna do Planalto pelo aniversário de 29 anos deste importante veículo. Sempre defendi a liberdade de imprensa, um dos pilares para o exercício pleno da democracia. É dever da classe política assegurar o livre exercício da informação pautada pela ética e isenção”


Jorcelino Braga, empresário e presidente regional do PRP;

“Parabéns Tribuna, pelos seus 29 anos. Parabéns, por fazer jornalismo sem vender opinião, em um Estado onde o governo comanda boa parte das editorias”,


Paulo Garcia (PT), prefeito de Goiânia;

“Parabéns à Tribuna do Planalto, já completando 29 anos de compromisso com o jornalismo sério e de qualidade. Em especial, pela prioridade dada aos assuntos de maior interesse público, como a educação, destacada no tradicional caderno Escola. Aliás, parabéns principalmente pelo concurso Goiânia Na Ponta do Lápis, que em profícua parceria com a Prefeitura de Goiânia, este ano abordará o tema Sustentabilidade: responsabilidade de todos. Felicidades ao Diretor-Presidente Sebastião Barbosa da Silva, a todos os funcionários administrativos e jornalistas, verdadeiros construtores do jornalismo goiano, como ferramenta do bem comum”


Roberto Balestra (PP), deputado federal;

“Quero parabenizar o jornal Tribuna do Planalto e cumprimentar toda a equipe pelos 29 anos de contribuição jornalística para Goiânia e para os outros municípios em que está presente, como Inhumas. Um jornalismo que é feito de forma competente e comprometidos com o desenvolvimento de Goiás. Desejo aos profissionais que fazem parte da equipe da Tribuna do Planalto continuem trilhando esse caminho e trazendo temas importantes para o debate social. Vocês fazem parte de um jornal que fortalece a democracia e da liberdade de expressão em nosso Estado”


Carta da filha, Gardênia Ataídes, ao pai, Sebastião Barbosa, pelo aniversário da TribunaGARDENIA

Goiânia,7 de julho de 2015

Bom dia pai,
Hoje é dia de festa, de muito orgulho, pois o seu filho mais novo completa 29 anos com muita luta e dedicação.
Durante esses 29 anos nossa vida mudou muito. O senhor, de funcionário do jornal O Popular, se tornou um empresário de sucesso na área de Comunicação, com muito prestígio e responsabilidade. Conseguiu, assim, um número enorme de amigos.
Em meio a todos essas mudanças, porém, o senhor não esqueceu um só instante de Deus e de colocar tudo na frente Dele. Já passou por várias dificuldades, já perdeu alguns companheiros de trabalho, já teve várias decepções por esses caminhos da vida. Mas Deus nunca perdeu o lugar dele na frente de tudo.
À medida que eu crescia, o que eu mais queria era estar ao seu lado, te ajudando e crescendo junto. O senhor, porém, nunca permitiu. Sempre preferiu eu mais longe das coisas do jornal, seguindo outros caminhos. No ano passado, tivemos uma surpresa desagradável. Após alguns exames meus, a descoberta de um câncer. Nesse momento, contudo, o senhor me deu a honra de estar ao seu lado, te ajudando.
Mais uma vez o jornal tem um papel fundamental nas nossas vidas, pois através desse trabalho eu ocupo o meu tempo – apesar de não poder me dedicar como gostaria, pois a cabeça pede e o corpo não obedece.
Mas como tudo acontece com a permissão de Deus, ele me permitiu também que tivesse uma surpresa agradável. Como ele sempre está à frente de tudo, colocou também anjos na minha vida, que me encaminharam para Barretos-SP, onde estou em tratamento. Graças a Deus eu estou bem e com certeza da vitória!
O senhor mesmo, com todas as dificuldades, não abaixa a cabeça. Segue em frente, sempre segurando nas mãos de Deus e lutando pelo jornal. Me orgulho da sua dedicação e força. Pois mesmo com algumas restrições médicas, o senhor não deixa de trabalhar; não pode deixar o filho muito tempo sozinho, né pai?!
Sei o quanto o senhor ama essa empresa e se dedica a ela. O sucesso e a credibilidade da Tribuna do Planalto é mérito seu.
Parabéns! Te amo, Gardênia

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here