Ronaldo Caiado trabalha em duas frentes visando 2018

0
806

A 4 - Recortar - Ronaldo Caiado foto- Jose CruzO senador Ronaldo Caiado (DEM) aproveitará o recesso no Congresso Federal para realizar uma agenda de viagens a várias cidades de diferentes regiões do país. Já está marcada para a próxima semana uma viagem para o Paraná, onde se reunirá com lideranças políticas do Estado em alguns municípios. De lá, o senador seguirá para Minas, onde também terá reuniões com lideranças do Triângulo Mineiro. Também estão pré-agendadas visitas a cidades de São Paulo nos próximos dias. Fora isso, ele também continua viajando pelo Estado, como há duas semanas, quando visitou várias cidades ao lado de integrantes do PMDB. Além disso, na última sexta, 17, visitou algumas lideranças na região norte de Goiás. A intenção com as viagens é trilhar duas frentes de atuação em vistas das eleições de 2018: uma estadual, com possibilidade de ser o candidato da oposição em Goiás ao lado do PMDB, e outra nacional, já que tem recebido uma série de convites para reuniões em vários estados, por conta do destaque que tem conquistado como oposição no Senado. A ideia é não abandonar nenhum dos dois projetos, ao menos por enquanto, até o quadro político se delinear com mais clareza nos próximos anos.


“A medida invasiva e arbitrária é flagrantemente desnecessária”

 

senador Fernando Collor (PTB-AL), sobre ação da Polícia Federal em sua residência.


Agosto
O PMDB intensificará suas ações no próximo mês, quando o partido irá rodar o interior para incrementar seus quadros. A ideia é realizar o maior número de filiações possíveis, tanto de candidatos a prefeito como de vice e vereadores.

Prefeitos
O partido também buscará com essas novas filiações substituir muitos dos prefeitos que deverão deixar a legenda após a expulsão do empresário Júnior do Friboi, e também por terem apoiado o governador Marconi Perillo (PSDB) nas últimas eleições.


Presidência
O deputado estadual Fábio Sousa (PSDB), que busca viabilizar-se para disputar a prefeitura de Goiânia em 2016, lançou o nome do governador Marconi Perillo à presidência da República, em discurso na última terça, 14, na Câmara dos Deputados.

Apoio
A presença da deputada federal Flávia Morais (PDT) e do presidente regional do PDT, George Morais, em Anápolis, na última semana, deixou encaminhado o apoio do partido à reeleição do atual prefeito João Gomes (PT) em 2016.

Afundou
Com isso, foi por água abaixo a vontade do ex-deputado estadual José de Lima em disputar mais uma vez a prefeitura do município pelo PDT. Brigado com o casal Morais, Lima deverá trocar de partido em breve.

Em alta
Marconi Perillo anda em alta com prefeitos da oposição. Somente na última semana, ele participou de eventos com Paulo Garcia (PT), Maguito Vilela (PMDB). Também receberá honraria de João Gomes (PT) no fim do mês.

Ocorrência
O vice-presidente Metropolitano do PSDB, Carlos Sulim, tem reclamado contra a previsão de que o 8º DP, no Setor Pedro Ludovico, deixe de ser em breve uma delegacia de flagrantes, que passariam a ser registrados apenas nas delegacias especializadas.
Atraso
Segundo um desportista selecionado para receber a bolsa do programa Pró-Atleta, que teve seu convênio assinado no último mês pelo governo estadual, o valor prometido para junho ainda não foi repassado pelo Estado.

Presença
Vários vereadores e ex-vereadores estiveram no Paço na última quarta, 15, despachando com o prefeito Paulo Garcia (PT). Ele se preparava para a viagem ao Vaticano, onde se encontrará com o Papa juntamente com mais 50 prefeitos.

Rápidas
Em menos de meia hora foram vistos os vereadores Clécio Alves (PMDB), Milton Mercêz (S/P) e o ex-vereador Alfredo Bambu (PEN), que tentaram despachar com Paulo, sem sucesso, pela agenda lotada do petista.

Recomendações
Paulo, inclusive, recebeu também o vice-prefeito Agenor Mariano (PMDB), com quem conversou por mais de uma hora, repassando recomendações enquanto estiver em viagem.

Estilo
Chamou a atenção o estilo de Clécio Alves. Ele estava de óculos escuros e usando um chapéu, que por pouco não esqueceu para trás. Aliás, o uso chapéu tem sido moda na prefeitura, desde Luiz Carlos Orro, no passado, até Sebastião Peixoto e Jeovalter Correia, no presente.

Demissão
O relatório final da comissão que investigou as denúncias contra o Padre Luiz Augusto na Assembleia recomendou a sua demissão, além da cobrança dos salários recebidos indevidamente por ele.


Rápidas

 

 

O PTB deverá perder dois de seus deputados estaduais nos próximos meses, caso seja aprovada a janela no Congresso. Marlúcio Pereira seguirá mesmo para o PRB, enquanto que Talles Barreto deverá seguir para o PP, a convite do vice-governador José Eliton.

O senador Wilder Morais (DEM), que comemorou aniversário com uma grande festa que contou com a presença de representantes de várias cidades do Estado no último mês, se decidiu: irá concorrer à reeleição ao Senado em 2018, e não mais à Câmara Federal.
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), anunciou, na última semana, que irá ler os requerimentos da abertura da CPI do BNDES no dia 6 de agosto. A Mesa Diretora, agora, aguarda a indicação dos representantes de cada partido.

O ex-prefeito de Inhumas João Antônio (PSD) tem se aproximado do grupo político do deputado federal Roberto Balestra (PP) e poderá ser o candidato a prefeito apoiado por ele nas próximas eleições, já que o nome preferido, Abelardo Vaz (PP), não irá concorrer.


Algodão
O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) e suplente de deputado federal, José Mário Schreiner (PSD), participou na sexta, 17, da celebração do Dia do Algodão, promovido pela Associação Goiana dos Produtores de Algodão (Agopa), em Luziânia.

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here