Prefeitura capacita servidores na 1ª Oficina do Projeto Palmas 50 Anos

0
764

Tocantins 3 - Prefeitura de Palmas capacita servidores

Representantes de todas as secretarias da Gestão Municipal participaram nos últimos dias 12, 13 e 14 da I Oficina do Projeto Palmas 50 Anos. Esta é a primeira etapa do trabalho de capacitação da equipe técnica sobre a metodologia de elaboração do planejamento estratégico da Capital para os próximos 24 anos.

Segundo o secretário Municipal de Planejamento, Gestão e Desenvolvimento Humano, Alan Barbiero, este projeto é mais uma demonstração da preocupação que o prefeito Carlos Amastha tem com o desenvolvimento de Palmas para o futuro. Ainda segundo Barbiero, os servidores capacitados serão orientadores metodológicos do processo de planejamento que envolverá toda a população de Palmas. “Precisamos pensar a cidade para além da gestão, saber para onde estamos indo e o que queremos para Palmas. Vamos planejar a cidade de forma ampla e sustentável, levando sempre em consideração os anseios dos seus moradores”, explicou.

A oficina foi ministrada pelo professor Elimar Pinheiro do Nascimento, doutor em sociologia pela Universidade de Paris. Com experiência em planejamento estratégico, tendo iniciado seus trabalhos em 1987 junto à Eletronorte, Nascimento pertence ao Centro de Desenvolvimento Sustentável da UnB desde 1998, conduzindo pesquisas nas áreas de Território, Meio Ambiente, Sociedade, Tecnologia de Consumo, Sustentabilidade e Turismo, dentre outras.

De acordo com Elimar, a metodologia adotada tem um forte caráter participativo, com passos e resultados previamente definidos. O primeiro deles é a estruturação de um ponto de partida e um ponto de chegada do planejamento, traçando neste meio as estratégias. Os servidores serão capacitados para levantar um diagnóstico de Palmas, suas dimensões e contextos. “Não se trata de uma capacitação tradicional, teórica ou formal, mas uma capacitação voltada para resultados, e de caráter sumamente prático. Os participantes aprendem técnicas de planejamento e, simultaneamente, fazem a aplicação do conteúdo com resultados substantivos, que são avaliados”, ressaltou.

O secretário municipal de Implementação de Projetos Especiais, Ephim Shluger, apresentou modelos de planos estratégicos das cidades de Barcelona, Saint Petersburg e São Paulo como forma de contribuição na oficina. O arquiteto e urbanista, com vasta experiência na área de planejamento, também compõe a equipe técnica do projeto.

A I Oficina de Planejamento do Projeto Palmas 50 Anos encerra nesta sexta-feira, 14. Ao todo, serão seis encontros de três dias, com carga horária total de 144 horas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here