Marconi diz que Goiás vence crise financeira

0
1124
Marconi Perillo, na Espanha: “crise é passageira e recuperação começou por Goiás”

Governador afirma a empresários e autoridades espanholas que não há o mínimo risco de uma ruptura institucional que possa impedir os investimentos estrangeiros

O governador Marconi Perillo mostrou as potencialidades de Goiás e, sobretudo, a força do Centro-Oeste brasileiro neste momento de crise econômica enfrentado pelo Brasil Na missão europeia, que começou na sexta-feira, dia 16, na Espanha. No auditório de conferências da Federação Empresarial em Madri, Marconi apresentou vídeos e dados, ressaltando a diversidade da indústria goiana, a força do setor de serviços e a pujança do comércio.
Marconi afirmou que a crise econômica brasileira é passageira e a superação já começou por Goiás, que vem apresentando índices melhores que a média nacional. O governador goiano afirmou aos empresários e autoridades espanholas que não há o mínimo risco de uma ruptura institucional que possa ser considerada impedimento para os investimentos estrangeiros.
O governador reafirmou aos europeus a pretensão de avançar com a abertura do setor público às parcerias com o setor privado, a exemplo do que fez na saúde e inicia com a educação. Setores como produção de energia, concessão de rodovias, gestão terceirizada e principalmente transferência de tecnologia foram temas de perguntas e debates com os empresários presentes. A iniciativa de vir à Europa foi vista como indispensável por especialistas em comércio exterior.
Ainda como parte da agenda do primeiro dia na Europa, Marconi Perillo iniciou tratativas com a Fundação Iberoamericana de Administração e Políticas Públicas – uma fundação do setor público espanhol que existe para participar de projetos de administração e gestão pública nos países latinos e ibéricos. É uma das mais importantes entidades de cooperação multilateral europeia desde que influenciou reformas profundas em sistemas de saúde, educação gestão pública – sobretudo na América Latina.
Marconi aproveitou para testar com a FIIAPP os caminhos do projeto de modernização administrativa iniciado no atual mandato. O governador voltou a prever que em pouco tempo conquistará índices que elevarão Goiás à condição de um dos estados mais competitivos do Brasil.
Além do combate ao crime, Marconi está decidido a trabalhar em parceria com entidades internacionais experientes para a modernização da gestão tributária em Goiás. “Desde a deficiência de planejamento até a própria criminalidade financeira, precisamos progredir. Não é admissível perder na gestão dos recursos”, reclama o governador.
O que mais impressionou – e surpreendeu os dirigentes da FIIAP foi a disposição de Marconi em relação ao Cumprimento das 17 metas do milênio, estabelecidas pela ONU. São desafios como a extermínio da fome, igualdade social e sexual, qualidade de vidas e sustentabilidade ambiental, etc. “Se nós não começarmos a trabalhar, à espera do Governo Central, não avançaremos como é desejável. Vamos fazer nosso dever de casa de forma a influenciar os rumos de uma temática tão importante para o Brasil”, disse o Governador
Ficou acertada a visita de uma comissão de técnicos a Goiás, liderada pelo diretor Pedro Flores , em atendimento a uma proposta do próprio governador: “Me levem as ferramentas para o avanço sobre as metas do milênio e teremos bons projetos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here