Todo mundo de olho na prefeitura de Anápolis

1
1876
Prefeito João Gomes é nome certo do PT na disputa eleitoral

Base e oposição devem se fragmentar na cidade. PT e PMDB estarão separados. PSDB e PTB com candidatos próprios no ano que vem

Marcione Barreira-repórter de política

A disputa pela prefeitura de Anápolis promete ser movimentada em 2016. A maioria dos principais partidos do Estado deve lançar candidato na cidade. Partidos como PSDB, PT, PMDB e PTB devem ter candidatos, acirrando a concorrência no terceiro maior colégio eleitoral de Goiás.
De olho em 2018, os partidos sabem que a conquista do município é um importante passo para aumentar a densidade eleitoral daqui ate lá. Comandada pelo PT nos últimos anos, os adversários vislumbram alguma chance de êxito na cidade baseado no mau momento vivido pelo partido em termos nacionais.
Embasado no desejo de lançar candidato em todos os municípios do estado, o PMDB tem na cidade de Anápolis, com 251.908 eleitores, o vereador Eli Rosa como pré-candidato.
Pelo lado do PT, o atual prefeito João Gomes (PT) é o indicado pelo partido para tentar a reeleição. Gozando de boa aprovação popular, João Gomes e o PT não devem ter dificuldades para lograr êxito na disputa pela reeleição e continuar a gestão petista na cidade.
Com chapa pura no último pleito em 2012, Antonio Gomide (PT) e João Gomes encabeçaram a majoritária e venceram a disputa em Anápolis. Desta vez, o vislumbro é o mesmo, mas apesar disso o presidente do partido em Goiás, Ceser Donisete, observa que as agremiações devem colocar seus nomes. “Temos uma aliança ampla com 13 partidos. Vamos discutir com quem estiver com a gente”, disse.
O presidente deixa em aberto a vaga na vice de João Gomes na esperança de aumentar o campo de apoio na cidade. Para ele, primeiro é preciso discutir quem vai se unir ao PT e ai sim, abrir o processo para a escolha do vice. “Neste momento é certo que João Gomes é candidato. A vice deve ser dos partidos aliados”, assegura Ceser.

União
A possibilidade de composição entre PT e PMDB num cenário de primeiro turno na cidade de Anápolis é considerada zero pelo deputado José Nelto. Para ele, a candidatura do PMDB em Anápolis já é consolidada, união com PT só em segundo turno. “Chance de compor com PT é zero, no primeiro turno”, disse Nelto.
Na cidade, José Nelto destaca que a candidatura está nas mãos do vereador Eli Rosa (PMDB). Empresário da região, Eli Rosa está com total liberdade, segundo Nelto, para buscar composições e lançar o seu nome. “Eli é um nome de respeito e credibilidade. Ele é o pré-candidato do partido”, sentenciou Nelto.
Assim, Anápolis é mais uma cidade aonde pestistas e peemedebistas não devem encaixar os diálogos, pelo menos na primeira fase da eleição. Desta maneira, dos 13 partidos que compõem a base do PT na terceira maior cidade do Estado, pelo menos o PMDB deve lançar candidatura própria e desfalcar o campo de apoio dos petistas.

Governistas
Pelo lado da base aliada, o cenário atual também é de fragmentação. Em Anápolis o PSDB tem como competidores o ex-secretário de indústria e comércio e atualmente deputado federal Alexandre Baldy (PSDB). Recentemente surgiu o nome do ex-deputado Frederico Jayme (PSDB) que já manifestou ao presidente do partido que está à disposição dos tucanos.
Para o presidente do PSDB de Goiás, Afrêni Gonçalves, os dois nomes são importantes para os tucanos e darão força para a legenda na cidade. “Eu penso que deve ter muito diálogo daqui até lá”, alertou Afrêni.
Afrêni destacou as qualidades dos parceiros correligionários e apontou que o partido quer entrar na disputa pela prefeitura para valer. “Frederico Jayme é um importante nome, experiente, Alexandre Baldy foi um grande secretário de Indústria e Comércio. O PSDB quer ser protagonista do processo”, afirmou o ex-deputado e presidente do PSDB.
O PTB de Anápolis, segundo o deputado federal Jovair Arantes, presidente regional da sigla, está consolidado. A agremiação conta com dois vereadores da cidade e são eles os nomes para a disputa. O vereador Frei Valdir e o vereador Jean Carlos (PTB) são os dois nomes mais bem contados dentro da legenda.
Assim como em 2012, no PDT o ex-deputado José de Lima (PDT) tem o desejo de concorrer, mas a posição por enquanto não é assegurada pelo presidente do partido George Moraes (PDT). Em entrevista concedida à Tribuna do Planalto. o mandatário da legenda em Goiás deixou em aberto a hipótese do ex-deputado se lançar na cidade.


Criatividade e parcerias são a saída para crise nas eleições de 2016, avaliam partidos

O momento econômico vivido pelos municípios tem ganhado destaque especialmente neste ano. Com isso, o fator financeiro é tido como preocupante em 2016. Com este cenário, lideranças avaliam que os candidatos terão que usar da criatividade para se sobreporem a este empecilho.
Para Ceser Donisete, presidente da legenda petista  em Goiás, é neste momento onde as parcerias e a criatividade devem falar mais alto. Ele cita o exemplo de Anápolis, onde o governo federal e estadual possuem bom vinculo com o município, aliado com a gestão do petista João Gomes. “Temos obras importante pela cidade, além de programas sociais”, disse.
Segundo Ceser, as pesquisas avaliam positivamente a gestão de João Gomes, importante fator que o levou a ser aclamado pela legenda como candidato. “Hoje as pesquisas apontam uma aprovação de cerca de 80% à gestão”, revela.
O ex-prefeito Antônio Gomide (PT) terá papel fundamental na campanha, segundo Ceser Donisete. Para ele, Antônio Gomide e o deputado federal Rubéns Ottoni (PT) terão papel de coordenadores. “São dois dos maiores nomes do partido no Estado. Não só eles como eu também vamos contribuir na campanha”, finalizou.
O presidente do PSDB avalia que a campanha de 2016 será um teste importante. Afrêni destaca que com o poder econômico enfraquecido, os candidatos terão que se esforçar e serem criativos. “Será positivo por esse lado, é o momento de mostrar criatividade e se sobressaírem em suas ideias”, disse o presidente.

Afreni Gonçalves: criatividade
Afreni Gonçalves: criatividade
Ceser Donisete: parcerias
Ceser Donisete: parcerias

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here