José Eliton tem oportunidade de mostrar que está pronto para substituir Marconi

0
2082
José Eliton tem oportunidade de mostrar que está pronto para substituir Marconi

Ronaldo Coelho-rjcoelhogo@gmail.com

Com a viagem do governador Marconi Perillo à Europa, o vice-governador José Eliton assume o comando do governo do Estado por 15 dias. Marconi viajou no dia 14 e volta no dia 29. Esta é a quinta viagem internacional de Marconi este ano e a 18ª vez que Eliton assume o governo desde 2011. Portanto, a função não é novidade para o vice-governador, que já se acostumou a assumir o governo e, com certeza, não haverá solução de continuidade em nenhuma área da administração estadual. Mas essas duas semanas serão importantes também para que José Eliton, virtual candidato do PSDB ao governo de Goiás em 2018, possa mostrar à base do governador Marconi Perillo que tem competência para administrar, imprimindo sua marca na gestão, e para liderar, assumindo a condição de substituto irrefutável do governador, que não pode se candidatar à reeleição, e liderar essa aliança partidária originária do Tempo Novo, formada em 1998, comanda até hoje com maestria por Marconi. Depois que se filiou ao PSDB, ele se cacifou para substituir Marconi e desde então passou a ser visto nesta condição. E uma oportunidade como esta não pode passar em branco. José Eliton sabe disto. Se já teria ido bem nas outras vezes, nessa, ele, sem dúvida, deve se superar.


“Na medida em que pede a instauração de inquérito, a gente vai ter acesso e poder se defender”

Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) comenta denúncias de que é dono de conta na Suíça que recebeu dinheiro oriundo de propinas


 

Aumento do IPTU
Foi estabelecido na Constituição Federal de 1988, através da Emenda Constitucional nº 42/03, o princípio da não-surpresa ao contribuinte, evitando que o governo suba os impostos de uma hora para outra. É a chamada noventena. Ou seja, não se pode haver aumento de impostos sem que seja respeitado o prazo de 90 dias para que entre em vigor. O alerta foi dado por vereadores de oposição

Inconstitucional
Mas há também na Constituição Federal o princípio da anterioridade, estabelecendo que o aumento do tributo fica postergado para o ano seguinte ao da sua publicação. Portanto, como não houve aumento do IPTU de Goiânia até agora, o prefeito Paulo Garcia (PT) está constitucionalmente proibido de aumentar o IPTU em 2016. Esse prazo terminou em setembro. Será que vai valer?


Obras paralisadas
Dados do Tribunal de Contas do Estado (TCE) mostram que mais de 160 obras do Estado estão paralisadas em todas as regiões de Goiás. Na grande Goiânia são 25, entre elas o Estádio Olímpico, na capital, e o Credeq, em Aparecida de Goiânia. Motivos: falta de dinheiro e de planejamento.

Transparência
Projeto do deputado Henrique Arantes (PTB), já aprovado, dá poder à Assembleia Legislativa de participar da escolha dos nomes dos titulares dos cargos de presidente, vice-presidente e diretores indicados para atuarem em autarquias ou fundações públicas do Estado de Goiás. Os deputados vão avaliar os currículos e ainda poderão sabatinar os indicados pelo Poder Executivo. Só não poderão vetá-los.

Estilo Iris
Pré-candidato a prefeito de Aparecida de Goiânia pelo PSDB, o Professor Alcides Ribeiro Filho promoveu almoço para cinco mil pessoas neste domingo, dia 18, no pátio de estacionamento da Unifan, para  comemorar seu aniversário junto com familiares, amigos, funcionários, moradores e lideranças da cidade. Ele completou 62 anos.

Caixa preta
De aliados a inimigos em pouco tempo, o prefeito de Senador Canedo, Misael Oliveira (PDT), ameaça abrir a “caixa preta” para denunciar irregularidades praticadas por Vanderlan Cardoso quando administrou o município por dois mandatos, o último interrompido precocemente por causa de sua candidatura a governador em 2010. Será?
Inferno astral
Vanderlan Cardoso (PSB) pode ver seu projeto de administrar a capital virar água. Isto porque tramita e pode ser julgado no Tribunal de Justiça de Goiás (TJGO) a qualquer momento ação por improbidade adminsitrativa que poderá caçar seus direitos políticos, tornando-o inelegível por oito anos. Vanderlan é acusado de doação irregular de R$ 550 mil ao time de futebol profissional da cidade.

Aqui se paga
O ex-governador Iris Rezende não demonstra simpatia à pretensão do deputado federal Daniel Vilela de presidir o diretório estadual do PMDB. Motivos: Iris não engoliu o apoio de Daniel a Júnior Friboi no ano passado e parece não ser defensor de uma candidatura do deputado e filho de Maguito ao governo de Goiás em 2018.

Eleição na OAB
Além da dívida de mais de R$ 9 milhões que esta gestão da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-GO) vai deixar, comenta-se muito nos bastidores da campanha eleitoral dos advogados a penhora do prédio da Caixa de Assistência dos Advogados de Goiás (Casag), no centro, e do prédio que sedia a entidade, no Setor Marista, em Goiânia. Penhora total seria de R$ 13, 5 milhões.

Happy hour
Vereador e advogado Ezizio Barbosa promoveu, na semana passada, happy hour visando a reeleição de Walter de Araújo para a subseção de Aparecida de Goiânia e Enil filho para a OAB-GO. O evento contou com a presença de dezenas de advogados, além dos vereadores William Ludovico, Vencerlino Amendoim e Gustavo Mendanha, presidente da Câmara Municipal de Aparecida de Goiânia.

Câmara Itinerante
Durante os festejos de aniversário da capital, a Câmara Municipal de Goiânia será transferida simbolicamente para o bairro de Campinas. O vereador Anselmo Pereira (PSDB), que preside a Casa, anunciou que o Poder Legislativo estará nos dias 22 e 23, no Cepal da Vila Abajá, realizando a quarta edição da Câmara Itinerante. Além dos serviços sociais prestados à comunidade, haverá sessão comemorando os 80 anos da Câmara.

Só pra lembrar
Teve início à meia noite deste domingo, dia 18, o Horário de Verão nos estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste brasileiro. Com isso, os relógios foram adiantados em uma hora. A medida segue em vigor até a zero hora do dia 21 de fevereiro de 2016, totalizando 126 dias de vigência. Portanto, é hora de levantar mais cedo.


Rápidas

Ex-prefeito Adhemar Santillo, hoje fialiado ao PSDB, é pré-candidato a vereador por Anápolis nas eleições do ano que vem. O recomeço na carreira do irmão do ex-governador Henrique Santillo pode ser marcado por uma votação consagradora para Adhemar no município. A expectativa é de que seja o mais votado na cidade.

Adhemar e sua esposa, Onaide Santillo, que já foi deputada estadual três vezes, comandaram o PMDB por muitos anos em Anápolis. Por discordarem da direção dada ao partido por Iris Rezende, eles se filiaram ao PTC e depois migraram para o PSDB. Assim, o PMDB continua sem nomes fortes para a disputa da prefeitura da cidade em 2016.

Prefeito de Hidrolândia, Paulo Sérgio de Rezende, o Paulinho (DEM), usa a criatividade para driblar a crise e fazer obras no município. Ele também trabalha intensamente para conseguir instalar no município um polo metalmecânico para abrigar duas montadoras de veículos, gerando milhares de emprego na cidade.

Mesmo com a boa administração, Paulinho enfrenta forte oposição patrocinada por ex-aliados que o ajudaram na última eleição, entre eles o vereador Rogério Jorge de Lima (PTB) e o empresário Bruno do Posto, que denunciam improbidade adminsitrativa na gestão do prefeito. Até agora o prefeito não disse se será ou não candidato à reeleição.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here