Madeiras recolhidas pela Comurg são leiloadas

0
1665

Lotes que totalizam dois mil metros cúbicos são provenientes de podas e extirpações realizadas pela Companhia em 2015. Apenas o material que não foi utilizado em construção de bancos, pergolados e outros equipamentos públicos serão inseridos no leilão

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Companhia de Urbanização (Comurg) prepara uma comissão especial de licitação para realizar um leilão público presencial de madeiras recolhidas pela Companhia. Os lotes estão à disposição para visitação e totalizam dois mil metros cúbicos entre Sete-Copas, Monguba, Jambolão, Leucena, Dilênia, Quaresmeira, Jambo do Pará e outras espécies. As madeiras estão dispostas no Aterro I, localizado na GO-060, saída para Trindade, KM 3,5.O leilão atende decisão do Ministério Público e os valores arrecadados serão destinados para suprir despesas da Companhia. As lenhas e os troncos são provenientes de podas e extirpações realizadas em 2015, quando a Comurg contabilizou 1.633 árvores caídas e 1.551 galhos retirados. O departamento de Obras e Infraestrutura aproveitou o possível desse material para construir bancos, pergolados e móveis em diversos pontos da cidade. “Somente o material inservível para a prefeitura foi destinado ao leilão”, explica o presidente do órgão, Edilberto Dias.

A comissão responsável pelo processo deve ser apresentada nos próximos 10 dias e em seguida será formalizado o edital com todas as informações referentes aos lances, data, horário e local do leilão. O edital será publicado no Diário Oficial do Município no site da Prefeitura de Goiânia e em jornal diário de grande circulação na Capital. Mais informações podem ser adquiridas na sede Comurg (Avenida Nazareno Roriz, nª1122, Vila Aurora, Goiânia – Go) ou pelos telefones 3524-8500, 3524-8585 e 8596-8555.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here