Guarda Civil recebe equipamentos para auxiliar a segurança pública na capital

0
1297

Nesta terça-feira, 23, às 8h30, comando da GCM apresenta 22 veículos que serão usados para fazer policiamento comunitário e preventivo visando reduzir o índice de criminalidade em Goiânia

Além de proteger patrimônio, bens, serviços e instalações públicas municipais, a Guarda Civil Metropolitana (GCM) atua na capital auxiliando os órgãos estaduais na manutenção da segurança pública. Nesta terça-feira, 23, às 8h30, o comando da GCM lança mais um programa para contribuir com a redução do número homicídios na Capital, o “Goiânia + Segura”. Serão apresentados à população os 22 veículos adquiridos especificamente para a ação: 10 viaturas, 10 motos, um microonibus e uma saveiro. O prefeito Paulo Garcia estará presente no evento.“O objetivo do programa é fazer o policiamento comunitário e preventivo visando à redução dos índices de criminalidade em todas as regiões da capital. Será um programa itinerante e em parceria com as demais forças da Segurança Pública do Estado”, explica o comandante da GCM, Elton Magalhães, destacando que os agentes da GCM iniciam os trabalhos já nesta terça-feira.

Estudos feitos pelo Observatório da Violência, do Centro Integrado de Inteligência e Controle da Secretaria de Segurança Pública do Estado, e o Observatório da Violência da GCM, apontam que a região Leste de Goiânia teve aumento substancial em relação às outras regiões no quesito da criminalidade em geral: homicídios, furtos, roubos, etc. A atuação dos guardas civis no “Goiânia + Segura” começará pelo Jardim Novo Mundo, mas passará por todas as regiões da Capital.

A comerciante Luiza Ferreira, moradora do Jardim Novo Mundo, vê a intervenção da Guarda Civil junto aos órgãos estaduais como muito positiva para a segurança pública em Goiânia. “Acredito que esta ação trará bons resultados, pois aqui no nosso bairro não podemos sair de casa que somos assaltados, ou, no meu caso, quando abro minha loja, sempre peço proteção divina para não ser roubada”, comenta.

Elton Magalhães, conta que, mesmo sendo responsabilidade constitucional do Governo do Estado, a Prefeitura de Goiânia é solícita e disponibiliza equipamentos e pessoal para contribuir com a segurança pública. “Especificamente para este programa, foram treinados no nosso Centro de Formação cerca de 80 guardas civis, que passaram pelos cursos de Abordagem Policial, Policiamento Comunitário, Uso Progressivo da Força e Prática Operacional (aulas práticas), totalizando 40 horas de curso”, pontua.

Realizado por meio de convênio com o Governo Federal, o programa “Goiânia + Segura” prevê ainda, por meio de processo licitatório, a aquisição de armas de fogo, munições, coletes balísticos, rádio comunicadores, fardamentos e locação de outras viaturas. O investimento estimado é de aproximadamente R$ 10 milhões.

Ações da GCM ajudam a reduzir homicídios

Em janeiro deste ano, relatório divulgado pela Gerência de Articulação, Integração de Ações Segurança e Defesa da GCM aponta diminuição do número de homicídios em Goiânia, com destaque para as áreas de atuação do Programa “Crack, é Possível Vencer”. Enquanto em Goiânia houve queda de 12,08% no número de registros de homicídios dolosos em 2015 em relação a 2014, nos bairros Ipiranga e São Francisco e adjacências, e Campinas, onde há intervenção do agentes da Guarda, a redução foi de 27% e 42%, respectivamente.

Para o comandante Elton Magalhães, o resultado positivo é um estímulo para que a Guarda continue executando um trabalho diferenciado, que auxilia os órgãos estaduais na manutenção da segurança pública em Goiânia. “Estes números só vêm reforçar o nosso trabalho nas ruas da Capital. Para isso acontecer, tivemos que remanejar guardas civis de postos fixos para as equipes de rondas ostensivas, analisar manchas criminais e indicadores de criminalidade, ampliar o sistema de câmeras de monitoramento, aumentar a frota de viaturas em 60% e implantar a participação da GCM em operações e programas de segurança sazonais”, explica.

Além do Programa “Crack, É Possível Vencer”, a Guarda também realiza as Operações Brasil Integrado, Goiás Integrado, Operações Férias – realizada nas Unidades Escolares -, Natal Seguro – na região da Rua 44 -, e o Eixo Anhanguera mais seguro. “Ao realizar essas atividades, a Prefeitura de Goiânia colabora com o trabalho do Estado, que é o responsável pela segurança pública”, esclarece o comandante.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here