Com novos integrantes, PSB visa eleições de 2016 e 2018

0
1797
Senadora Lúcia Vânia: Marlúcio já foi seu primeiro suplente

Partido passa a contar com duas cadeiras na Assembleia e dois representes de regiões estratégicas do Estado

Marcione Barreira, repórter de Política
O PSB ganhou na última semana dois importes aliados para as próximas disputas eleitorais. Os deputados estaduais Lissauer Vieira e Marlúcio Pereira passam a integrar o campo político da senadora Lúcia Vânia e do ex-prefeito de Senador Canedo, Vandelan Cardoso.
Com isso, o PSB terá candidatos a prefeito em dois polos importantes em termos eleitorais: Aparecida de Goiânia e Rio Verde. O partido se fortalece também para as eleições de 2018 já que na última eleição teve Marina Silva (PSB) como candidata, o mesmo nome que é ventilado para concorrer à Presidência novamente.
O deputado Lissauer Vieira é tido como um dos favoritos na disputa pela prefeitura de Rio Verde e, segundo consta, o partido e a senadora Lúcia Vânia garantiram apoio a ele na corrida pela prefeitura da cidade. “Ela nos deu total apoio para concorrer aqui em Rio Verde”, ratificou o parlamentar.
Para o deputado Marlúcio Pereira, que tem domicilio eleitoral em Aparecida, a filiação representa mais um importante passo na sua carreira política e estratifica seus projetos políticos para 2016. No seu discurso, Marlúcio já se confirma como futuro candidato à prefeitura de Aparecida de Goiânia.
No ato de adesão ao novo partido Marlúcio Pereira ressaltou que sua história em Aparecida é longa, deixando claro que não vai abrir mão do pleito. “Temos uma história em Aparecida com mais de 30 anos na vida pública, não poderemos agora fugir à nossa responsabilidade”, ressaltou o deputado.
Lissauer Viera, em contato com a reportagem da Tribuna do Planalto, detalhou que já vinha conversando com Lúcia Vânia há bastante tempo. Segundo ele, o simples fato de Lúcia ter demonstrado interesse em contar com ele como companheiro de partido o deixou bastante honrado. “Já vínhamos conversando há mais de 30 dias. A credibilidade que ela tem é muito importante. É uma pessoa com uma experiência muito grande”, disse Lissauer.
O parlamentar disse que a estruturação do partido tem olhos atentos em 2018 já que os deputados estaduais são angariadores de voto por todo o Estado. Segundo ele, o partido tem a intenção de sedimentar o caminho até lá. “A senadora já está trabalhando para fazer uma chapa forte de candidatos em 2018,” revela.
Lissauer deixou o Rede Sustentabilidade (Rede), partido que ficou filiado por seis meses, mas antes já havia saído do Partido Social Democrático (PSD), sigla que o elegeu deputado estadual em 2014 com cerca de 29 mil votos. Já Marlúcio foi eleito com mais de 30 mil votos pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).
Apesar das especulações de que iria para o Partido Progressista (PP), Lissauer optou pelo partido da senadora Lúcia Vânia e do ex-prefeito do município de Senador Canedo, Vanderlan Cardoso, que garantiram a ele incondicional apoio na cidade do Sudoeste do Estado.
O partido que antes não contava com cadeira na Assembleia Legislativa passa agora a contar com dois nomes representado duas importantes regiões do Estado. A importância se dá por conta do peso eleitoral que Aparecida de Goiânia e Rio Verde possuem no Estado.
A base do governador Marconi Perillo (PSDB) não sofre desfalque, já que o PSB é comandado pela senadora Lúcia Vânia, aliada de Marconi Perillo há décadas. Vale lembrar que Lúcia trocou o PSDB pelo PSB no ano passado.
Evento  
A cerimônia de filiação dos dois deputados foi realizada no escritório político da senadora Lúcia Vânia, no Setor Sul, em Goiânia. No local estavam diversas lideranças da região metropolitana e também da cidade de Rio Verde. O presidente metropolitano do partido, Vanderlan Cardoso, descreveu a alegria em receber o deputado Marlúcio como integrante do partido.
“A vinda do Marlúcio nos traz muita alegria, tenho certeza que ele vai ajudar muito ao nosso partido e vamos ajudá-lo a fortalecer sua pré-candidatura em Aparecida e assim mantermos uma parceria, ele lá e nós aqui em Goiânia”, ponderou Vanderlan.
Lucia Vânia também elogiou o deputado Marlúcio. “Tive a honra de termos em nosso primeiro mandado no Senado o Marlúcio como nosso suplente, daí fomos acompanhando com grande admiração o trabalho dele que foi crescendo assustadoramente. Ele é um moço que tem uma forma simples de fazer política e com esse seu jeito vai conquistando todo mundo”, disse Lúcia Vânia.
Com informações de que Marlúcio não teria o apoio da cúpula do PTB para uma possível postulação em Aparecida, o parlamentar disse que não tem mágoa do partido e que, além disso, recebeu suporte durante o tempo em que lá permaneceu. Na ocasião, ele aproveitou e agradeceu pelo tempo em que esteve no PTB.


 

Deputado Talles Barreto deixa o PTB e deve ir para o PSDB

O deputado estadual Talles Barreto oficializou na quinta-feira, dia 10, sua desfiliação do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). A mudança de sigla já era aguardada para esta janela da infidelidade, que se fecha no próximo dia 18 de março e permite a parlamentares trocar de partido sem o risco de ficar sem mandato.
No comunicado distribuído à imprensa, Talles Barreto, agradeceu ao PTB e disse que foi vitorioso no tempo em que permaneceu na sigla. “O sentimento de agradecimento é o que melhor descreve esse momento em que me desfilio do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Durante os 10 anos em que fui filiado, aprendi grandes lições, fui vitorioso, fiz verdadeiros amigos e tive mais que um líder, um professor, meu amigo Jovair Arantes. Mantenho meu respeito e carinho pelos membros e pela história do partido, da qual fiz parte e ajudei a construir.
Talles Barreto ainda não informou em qual partido vai se filiar, mas nos bastidores a informação que circula é de que ele deve ir para o PSDB do governador Marconi Perillo. Em outro trecho do comunicado, ele fala em novo lar, mas não diz para onde vai.  “Este novo passo em minha trajetória, me remete àquela fase da vida em que saímos da casa de nossos pais, não significa que o acolhimento de nosso lar não se faz mais necessário, mas sim que é tempo de traçar uma nova etapa em nossa vida. Sigo mantendo a minha convicção de continuar a trabalhar pela população e de continuar sendo o deputado defensor do esporte e de atuação municipalista pelo qual sou reconhecido. (Ronaldo Coelho)


Crise Econômica

FGM expõe ao TCM situação das prefeituras no último ano de mandato

O presidente da Federação Goiana de Municípios (FGM), Divino Alexandre da Silva, e o assessor jurídico da instituição, Célio Sanches, levaram ao presidente do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM-GO), Honor Cruvinel, na tarde da última quinta-feira, dia 10, a situação das prefeituras em ano de fechamento de contas nos municípios. Também participou da reunião o prefeito de Campo Alegre, Thiago da Silva.
De acordo com Divino Alexandre, a visita ao TCM foi motivada pela redução de repasses de recursos nos últimos meses que comprometeram algumas prefeituras no último ano de mandato. “Com a crise econômica que atingiu diretamente os municípios, os prefeitos passaram a se preocupar ainda mais com a sua prestação de contas, principalmente devido aos atrasos nos repasses do governo estadual e federal”, explicou o presidente da FGM.
Honor Cruvinel ressaltou que todos os gestores municipais devem fazer um acompanhamento mensal das contas, comprovando os motivos de maneira detalhada que levaram a uma queda significativa dos valores das contas municipais. “Todos devem fazer um relatório completo com uma justificativa plausível que comprovem a atual situação financeira local. Caso os gestores ainda tenham dúvidas, devem procurar os conselheiros do TCM para explicar a situação de cada município e expor as dúvidas em relação às prestações de contas”, explicou o presidente do tribunal.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here