Diálogo será “matriz principal” do MEC, diz ministro

0
1405
Deputado federal Mendonça Filho (DEM-PE)

Em seu perfil do Facebook, o ministro da Educação e Cultura, Mendonça Filho comentou reportagem publicada pelaAgência Brasil neste final de semana, na qual especialistas dizem que a gestão deverá dialogar sempre e priorizar o Plano Nacional de Educação (PNE). Em publicação na rede social, Mendonça Filho diz: “Dialogar, Dialogar e Dialogar. Essa é palavra que será a matriz principal de nossa ação à frente do Ministério”. Abaixo do comentário, o ministro publicou o link da matéria da EBC, reproduzida pelo portal UOL.

Sobre o PNE, lei que estabelece metas desde o ensino infantil à pós-graduação, incluindo a valorização de professores e ampliação de investimento para a área, Mendonça Filho diz que será “uma prioridade nesse novo processo. Os programas serão mantidos e daremos continuidade aos projetos e andamento”.

O ministro também divulgou no Facebook vídeo no qual diz ser mentira a informação de que o MEC poderá descontinuar programas de educação. “Isso é absolutamente mentira, é uma inverdade que está sendo propagada”, diz, e acrescenta que todo os “projetos relevantes” serão mantidos. Ele cita especialmente o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que oferece financiamento de cursos em instituições privadas e o Programa Universidade para Todos (ProUni), que ofere bolsas de estudo para estudantes de baixa renda também em instituições particulares.

O novo ministro da Educação e Cultura, Mendonça Filho, assumiu a pasta na semana passada em meio a manifestações contrárias tanto no setor da Cultura quanto no da Educação. Em ambas as áreas, entidades se posicionaram contrárias ao impeachment da presidenta afastada Dilma Rousseff. Na Cultura, o descontentamento é ainda maior, com o temor de que o setor se perca na ampla agenda educacional.

A pasta já tem dois nomes confirmados, como secretária Executiva, Maria Helena Guimarães de Castro e como presidenta do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini. Ambas atuaram na Educação no governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here