Atende fácil tem 99,5% de satisfação

0
1708
Central funciona das 7 às 19 horas. Aos sábados e pontos facultativos vai das 7 às 12 horas

Serviços relacionados a IPTU e Nota fiscal lideram atendimentos na primeira semana de atividade da central de relacionamento
O índice de satisfação dos usuários chegou a, em média, 99,52% na primeira semana de atividade da Atende Fácil, Central de Relacionamento Presencial com a Prefeitura de Goiânia. A unidade instalada no Palácio das Campinas Venerando de Freitas Borges (Paço Municipal), no Park Lozandes, fechou a semana com tempo médio de dois minutos de espera e 10 minutos para conclusão do atendimento, aponta balanço da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin). A central funciona desde o último dia 30, das 7 às 19 horas, de segunda a sexta-feira e, das 7 às 12 horas, aos sábados e pontos facultativos.
Dos 856 atendimentos realizados até a manhã de sexta-feira, dia 3, a liderança entre os serviços demandados é do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), responsável por 22,43% das procuradas. Em seguida, aparecem as demandas de nota fiscal (17,20%) e protocolo geral (15,14%). Nas posições seguintes estão outros serviços prestados pelas secretarias de Administração (Semad), 10,47%; Sefin, 9,16%; Planejamento e Habitação (Seplanh), 7,29%; Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec), 5,05%; e da Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT), 4,49%. Ainda aparecem na lista demandas relativas a Imposto Sobre Transmissão de Imóveis (ISTI), 2,24% e Simples Nacional, 0,75%. As demandas diversas somam 5,79%.
“Fora da Atende Fácil se leva até 10 dias para cálculo do ISTI. Aqui, é feito na hora. O cidadão consegue resolver em cinco minutos algo que levava dias para resolver”, ilustra o secretário municipal de Finanças, Jeovalter Correia. A central de atendimento do Paço Municipal também concentra serviços prestados pela Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma), Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) e Vigilância Sanitária. Paulatinamente, outras pastas devem ter serviços incorporados à Atende Fácil. Um dos exemplos é o Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Goiânia (IPSM), que já acionou a Secretaria Municipal de Finanças com intuito de oferecer no Paço Municipal atendimento relacionado a pensões e aposentadorias.
“Queremos concentrar aqui todo o atendimento da prefeitura. Evidentemente, ainda não está aqui todo o atendimento, ainda tem órgãos que prestam serviço em outro local, mas – aos poucos – vamos trazê-los para a Atende Fácil”, afirma Jeovalter Correia, à frente da pasta que coordena a nova unidade. O Mercado Municipal Pedro Ludovico, inclusive, sediará a segunda central de relacionamento presencial. A ordem de serviço para construção do espaço foi assinada na segunda-feira, dia 30, pelo prefeito Paulo Garcia .
“Assinei uma determinação para que seja dada início a construção da segunda agência, ali no Mercado do Pedro Ludovico. Um lugar que fica bem próximo a um terminal do transporte coletivo, portanto de fácil acesso”, antecipa o prefeito Paulo Garcia. O objetivo do prefeito Paulo Garcia é expandir o modelo para outras regiões da cidade.
“Temos programada a unidade do Mercado Pedro Ludovico, mas o prefeito quer criar outras agências, quer ver se conseguimos iniciar outras construções para atender o centro, a periferia, outros bairros da cidade”, conta. Todas funcionarão em sistema similar. A agência modelo, localizada no térreo do bloco F do Paço, tem atendimento por senha e mecanismos de avaliação do serviço prestado por 81 servidores que atuam em dois turnos. Uma das principais diferenças da Atende Fácil em relação ao modelo padrão das centrais de atendimento, segundo ele, é que os guichês funcionam em sistema de multiatendimento, ao invés de serem reservados por órgão. O objetivo é reduzir tempo de espera e impedir a ociosidade de um posto enquanto outro tem fila de espera. A carteira de serviços também é maior.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here