Goiânia na Ponta do Lápis: motivação é o maior segredo

0
1964
Professora Doraney Oliveira: “O segredo é envolver o educando com o tema e sempre se dispor a ajudá-lo”

Concurso de redação já está sendo divulgado e trabalhado em sala de aula, por estudantes das redes municipal e particular de ensino

Fabiola Rodrigues

Os estudantes da Capital têm a oportunidade de participar da 17ª edição do concurso Goiânia na Ponta do Lápis, que já está sendo divulgados nas unidades escolares. Os autores das melhores redações serão premiados. Este ano o tema é “Educação alimentar: em busca de uma vida saudável!”. A ideia é incentivar professores e educadores das redes municipal e particular de ensino a discutir com os alunos as questões relativas à má alimentação e obesidade.
A professora Doraney Oliveira dá aula de Português na rede municipal de ensino e diz que o certame é muito importante para o aluno, pois sempre proporciona a reflexão de temas importantes. Ao ressaltar que o professor tem um papel muito importante, ela lembra que o educador precisa motivar o estudante a fazer as pesquisas, pois o tema precisa ser amplamente estudado para que os trabalhos sejam realizados com sucesso. Ela também dá algumas dicas de como empenhar o estudante para produzir boas redações.
“É necessário levar para os alunos textos diferentes: jornalísticos, informativos, literários, além de vídeos e palestras. O estudante antes de escrever precisa estar envolvido com o tema, pois assim terá capacidade argumentativa”, orienta a professora.
Em uma segunda etapa os professores são vistos pelos estudantes como motivadores. Doraney Oliveira sempre consegue levar seus alunos a ter destaque com os melhores trabalhos no certame. O segredo, segundo ela, é envolver o educando com o tema e sempre se dispor a ajudá-lo.
“Deixar o estudante envolvido com o tema, levar ele a aprender mais sobre o assunto proposto e saber mais sobre a norma da língua padrão da escrita”, diz Doraney Oliveira.
Tratar de assuntos referentes à alimentação é sinônimo de falar sobre qualidade de vida. A professora diz que a escolha do tema desta edição foi muito feliz, uma vez que crianças e adolescentes estão com maus hábitos alimentares cada vez mais cedo.
“Discutir esse tema em sala de aula leva os estudantes a repensarem como eles estão se alimentando. O que depender de mim, farei o possível para alertá-los sobre os riscos que eles podem ter ainda muito jovens se comerem mal”, diz a professora.


Concurso é divulgado com expectativa

Os professores da rede municipal já estão motivando os alunos a trabalhar o tema do concurso da melhor maneira possível
Os professores da rede municipal já estão motivando os alunos a trabalhar o tema do concurso da melhor maneira possível

A Secretária Municipal de Educação e Esporte, Neyde Aparecida, diz que está com grandes expectativas relacionadas a esta edição do concurso, inclusive com a quantidade de alunos participantes das escolas públicas e particulares.
“Estamos envolvendo todos os nossos professores a motivar os alunos e trabalhar o tema do concurso da melhor maneira possível. A mobilização nas escolas já está acontecendo”, diz a secretária.
O concurso Goiânia na Ponta do Lápis é realizado pela Tribuna do Planalto com o apoio da Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Educação e Esportes e das escolas da rede particular de ensino. Neide Aparecida observa que o concurso ganha notoriedade a cada ano, promovendo conhecimento, interatividade, aprendizado e distribuindo premiações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here