Tribuna do Planalto, 30 anos a serviço de Goiás

0
2849

No distante dia 7 de julho de 1986, Sebastião Barbosa, que acabara de se desligar do emprego na área industrial da Organização Jaime Câmara, colocava em circulação a primeira edição da Tribuna do Planalto, então com o nome de Jornal da Segunda. Foi uma ousadia, um ato de coragem, como bem lembra hoje, durante conversa com o editorialista.

“Foi uma aposta que fiz. Larguei meu trabalho garantido para iniciar uma empreitada. Apesar de tudo, saí com a certeza de que as coisas iriam dar certo, como deram”, rememora Sebastião Barbosa

Inicialmente, contou com a parceria de José Carlos Rangel, que também deixara o emprego na Organização Jaime Câmara para montar o novo jornal, mas que deixou a sociedade três anos depois. “Muitos me diziam que, devido à minha humildade, o jornal não iria muito longe”, rememora Sebastião Barbosa.

Nesses trinta anos – observa Sebastião Barbosa a Tribuna passou por dificuldades, mas ocupou seu espaço com respeito, credibilidade, especialmente na área de educação. Ele se orgulha de jamais ter utilizado ou permitido que utilizassem o jornal para denúncias infundadas.

Além de jamais ter se curvado à tentação do denuncismo, o diretor-presidente se orgulha de comandar uma empresa que sempre se primou pelo acolhimento e formação de novos profissionais da comunicação, mantendo ao longo desses anos parceria com universidades para oferecer estágio a jornalistas.

A primeira sede do jornal estava localizada na Rua 24, Centro, próximo ao Colégio Lyceu de Goiânia. Antes de se estabelecer no Setor Castelo Branco, onde funciona hoje desde 1995, o jornal funcionou também na Rua 3, Setor Aeroporto.

Em 2003, o Jornal da Segunda foi reformulado graficamente e passou a se chamar Tribuna do Planalto, já que o primeiro nome, que remetia ao pioneirismo em ser o único jornal que circulava em Goiás às segundas-feiras, não comportava mais a dinâmica e força do veículo.

No momento, o jornal tem duas metas: implantar um novo projeto gráfico e editorial, para modernizar seu visual e conteúdo, e investir no portal Tribuna do Planalto On Line.

“A Tribuna tem um público jovem, especialmente devido ao caderno Escola e aos concursos que realiza na área educacional, o que exige um constante aprimoramento e modernização de suas plataformas”, destaca Sebastião Barbosa.

“Nesses trinta anos, fiz muitas amizades e sempre mantivemos o profissionalismo”, resume.

Manoel Messias – Editor Executivo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here