Alunos expõem conceitos escolares

0
1579
Estudantes cumprem missão de apoiar a gestão escolar e fortalecer as ações desenvolvidas pelos planejamentos pedagógicos

Seduce e Instituto Unibanco reúnem estudantes para discutir gestão escolar e o papel do jovem para estimular o desenvolvimento educacional

A Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), em parceria com o Instituto Unibanco, reuniu nos dias 5 e 6 de outubro, mais de 600 estudantes no II Fórum Estadual de Agentes Jovens, realizado em Pirenópolis (GO), município distante 120 quilômetros de Goiânia. O evento teve o intuito de ouvir os jovens do Ensino Médio da rede pública de Goiás sobre o que entendem por gestão escolar e qual o papel que podem desempenhar nesse processo.
Por meio de atividades de arte e escrita voltadas para facilitar a expressão dos jovens, as produções refletiram o que eles pensam da escola, os problemas e dificuldades enfrentados no ambiente escolar e como eles podem ser implicados na sua gestão. Os participantes são lideranças escolares da rede estadual de Ensino Médio e foram divididos em dois grupos, um em cada dia do Fórum. Os alunos trabalharam em grupo e cada mesa, após dialogar sobre o tema do encontro, elaborou uma apresentação a respeito do que foi tratado.
As apresentações foram divididas em sete modalidades: rádio, carta documento, fanzine, cartaz, letra e rima, vídeo-reportagem e cordel musical. Ao chegarem ao local do evento, cada estudante optou pela forma de participação e apresentação. Eles foram apoiados por 30 facilitadores e mediadores para aprimorar a elaboração da atividade final.

Satisfação dos estudantes
Estudante do 3° ano do Ensino Médio do Colégio Estadual Rui Barbosa, em Aparecida de Goiânia, Luis Henrique Ribeiro Lima, 17, considera que a iniciativa é fundamental para os avanços que a educação brasileira precisa. “Não tem como a gente mudar a educação do nosso país se a gente primeiro não sentar e conversar com os alunos, conversar com os professores, debater com institutos, como o Instituto Unibanco, e com a Secretaria de Educação o que precisa ser feito”, defende.
O estado de Goiás tem 625 escolas que oferecem Ensino Médio e conta com mais de mais de 8 mil Agentes Jovens, uma metodologia que faz parte do projeto Jovem de Futuro, criado e desenvolvido pelo Instituto Unibanco em conjunto com as secretarias estaduais de educação.
Os estudantes cumprem a missão de apoiar a gestão escolar e fortalecer as ações desenvolvidas na escola. “O Agente Jovem deve atuar como protagonista do processo de mobilização da comunidade escolar e contribuir para a melhoria da qualidade do ensino”, acrescentou a nova superintendente de Ensino Médio da Seduce, Regina Efigênia.

Projeto Jovem de Futuro
O projeto Jovem de Futuro é uma tecnologia educacional desenvolvida e testada pelo Instituto Unibanco, validada pelo Ministério da Educação (MEC), e implementada em escolas públicas do Ensino Médio para o aprimoramento contínuo da gestão escolar orientada para resultado. O projeto disponibiliza diferentes instrumentos que oferecem suporte para o trabalho de gestão das escolas e das redes de ensino público, em um período de quatro anos.
Os profissionais envolvidos no projeto recebem formação do Instituto Unibanco, composta de módulos presenciais e a distância. A proposta é relacionar o conceito de Gestão Escolar para Resultados de Aprendizagem com as práticas escolares, para que eles possam planejar, executar, monitorar e avaliar as ações da escola, com base nos objetivos traçados e almejados. O Instituto Unibanco também presta assessoria técnica à Secretaria de Educação, fornecendo instrumentos e produzindo análises que apontam caminhos para a melhoria dos resultados de aprendizagem dos estudantes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here