Maratoninha mobiliza alunos à prática esportiva

0
495
Com a participação na Maratoninha os educandos aprendem a respeitar regras

Atividade faz parte das ações pedagógicas desenvolvidas pela rede municipal de Educação

Luiz Fernando Nunes Hidalgo

O Circuito Caixa de Maratoninha 2016, ainda no clima das Olimpíadas e Paralimpíadas, ocorreu no último domingo, 16, com a participação de alunos de 18 instituições educacionais de Goiânia. Realizada no Parque Leonídio Di Ramos Caiado, a Maratoninha mobilizou cerca de 350 crianças e adolescentes com idades entre 6 e 12 anos.
Fruto da parceria entre a Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME) e a Caixa Econômica Federal, o Circuito teve provas de 100 e 300 metros em quatro categorias de disputa, sendo uma delas para alunos com necessidades especiais. O vencedor de cada bateria foi premiado com uma bicicleta e os demais ganharam camisetas, bonés e medalhas.
Após o término das provas, alunos reconheceram o valor da socialização com os colegas, proporcionada pela Maratoninha. “É a primeira vez que participo e já ganhei. Gostei de estar aqui também porque vim de ônibus com os meus amigos e meus pais também vieram, além de conhecer outras pessoas”, destacou Júlia Grazielle, 8 anos, da Escola Municipal Abrão Rassi.
O Circuito Caixa de Maratoninha 2016 tem como padrinhos os ex-atletas corredores Claudinei Quirino, Vanderlei Cordeiro de Lima e Vicente Lenilson, entre outros nomes. De acordo com Jair Marinho, gerente de Iniciação Esportiva, Esporte Educacional e Rendimento da SME, o evento da Caixa já é tradicional em Goiânia. “As crianças de nossas escolas interagem com outras instituições, o que promove socialização e aprendizagem por meio do esporte”, ressalta.
Ana Clara Monteiro, 11 anos, da Escola Municipal Zevera Andrea Vecci, falou sobre a importância do esporte para saúde das pessoas. “Eu acho legal praticar esportes porque eles são fundamentais para o nosso corpo. Além de ser muito bom estar aqui na Maratoninha para competir”, afirmou.
Sobre o processo de inclusão no Circuito, o professor Hélio Martins, da Escola Municipal Itamar Martins Ferreira, enfatizou a importância da interação dos educandos. “A inclusão na atividade física proporcionada pela participação na Maratoninha é fundamental, isso é crucial, porque as diferenças são minimizadas. As crianças interagem com os demais e, para eles, isso será marcante, vão carregar pra sempre”, destacou.
Os professores reconhecem o valor da participação dos alunos no evento dentro do plano pedagógico. “Este evento é muito significativo para alunos porque eles podem conhecer como funciona um evento esportivo, como é a organização das baterias, das largadas e da premiação. Isso influencia positivamente na formação pedagógica dos educandos porque eles aprendem que tudo precisa de planejamento”, comentou Érica Dias, professora da Escola Municipal Herbet de Souza.

Ao final da Maratoninha todos venceram
Ao final da Maratoninha todos venceram

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here