Parceria com Google aproxima cultura digital de alunos

0
3244
Educandos da Escola Municipal Recanto do Bosque são beneficiados em parceria com o Google

A Escola Municipal Recanto do Bosque recebe projeto-piloto que motiva e facilita a aprendizagem de educandos

Daniela Rezende

Aliar educação e tecnologia na sala de aula é um dos desafios da modernidade no ambiente escolar. A Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME), de forma a aproximar essa cultura digital contemporânea da sala de aula, firmou convênio com Google Suite for Education, desde o início de novembro, durante o V Simpósio de Educação e Tecnologia.
Na região noroeste de Goiânia, a Escola Municipal Recanto do Bosque recebe o projeto-piloto. A ação intitulada Google for Education disponibiliza contas de e-mail para funcionários, professores e alunos da instituição sob o domínio @emrecantodobosque.com. Dentre essas ferramentas estão: as contas Gmail Educacional, o Google Classroom, o Google Drive e o Google Hangout, entre outras.
Liderci Maria de Andrade Kempfer, professora apoio do Núcleo de Tecnologia Educacional (NTE) da SME e que acompanha o projeto na escola, visualiza diariamente a importância do uso das tecnologias digitais para o trabalho pedagógico. “Cria-se uma nova cultura e o próprio aluno sente-se o autor desse processo, com mais motivação. Os educandos se tornam produtores do conhecimento”, explica.
De acordo com Liderci, a implantação do projeto teve início na turma de terceiro ano. “As crianças pequenas não têm uma leitura digital ampla, mas tiveram facilidade e conseguiram entender o processo com ferramentas mais lúdicas no primeiro contato. Antes do Google for Education, a escola trabalhava com a plataforma do mural digital e na migração para o Classroom, os alunos já se sentem em casa”, completa.
Para a professora da turma de terceiro ano, Adriana Lúcia da Silva, as atividades com mídias digitais na escola trabalham o pedagógico no processo de alfabetização. “As crianças primeiramente tiveram acesso a blogs, conheceram o computador e o tipo de comunicação. Depois, com a assessoria do NTE, fizemos a aula inaugural da plataforma do Google Educacional e uma sala de aula virtual, onde percebemos várias possibilidades”, afirma.
“Tanto as crianças que já dominam o processo de leitura e escrita, como as crianças que estão em processo de alfabetização, conseguiram trabalhar na plataforma com facilidade, o que evita a exclusão pedagógica do aluno. O projeto também é facilitador no acesso às famílias, que podem conhecer o que está acontecendo na escola”, relata.
Poemas, jogos, quebra-cabeças, utilização do e-mail, postagem de textos são algumas das estratégias desenvolvidas com a turma. Para Gabriel Ferreira Barbosa, 9 anos, o aplicativo o ajudou a dar agilidade em suas atividades. “Eu era devagar para copiar texto, mas quando chegou o programa, eu fiquei melhor, já copio texto mais rápido e faço respostas. Antes, eu não tinha muita motivação”, destaca.

Implantação
A primeira ação do projeto foi desenvolvida durante o Simpósio, ocasião em que o educador selecionado e certificado pelo Google, Cleber Ferreira Oliveira, ministrou palestra sobre as ferramentas Google na cidade de Goiânia, em especial, o Google Classroom. O professor, que é líder do Grupo de Educadores Google na cidade de Uberlândia, presta assessoria no processo de implantação técnica e pedagógica da plataforma na Escola Municipal Recanto do Bosque.
Além do terceiro e sexto ano do ensino fundamental, turmas da Educação de Adolescentes, Jovens e Adultos (Eaja) integram as ações do Google for Education. A previsão é que, no primeiro semestre de 2017, as ações sejam estendidas para outras turmas da escola. “Na mesma perspectiva do projeto-piloto, visando maior integração da cultura digital no processo de ensino e aprendizagem, a SME pode ampliar a parceria com Google for Education para contemplar mais unidades educacionais”, afirma o gerente de Tecnologia Educacional da SME, Divino Alves Bueno.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here