Senadores aprovam indicação de Leonardo Euler para a direção da Anatel

0
2030

Indicado pelo presidente Michel Temer para ocupar vaga no Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o economista Leonardo Euler de Morais foi sabatinado na semana passada pelos senadores membros da Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) do Senado. Goiano, Leonardo é funcionário de carreira e chefe da assessoria técnica da Anatel. “Recebi com muita honra, humildade e senso de responsabilidade a indicação de meu nome para integrar o Conselho da Agência Nacional de Telecomunicações”, disse. Durante a sabatina, o indicado respondeu a várias perguntas dos senadores. Ele destacou que houve avanços no sentido da universalização dos serviços, mas reconheceu as deficiências de atendimento a populações que vivem em localidades distantes dos centros urbanos. Ao final, os senadores elogiaram a formação e a capacidade técnica de Leonardo e por 18 votos a favor e apenas um contrário seu nome foi aprovado para a função. O presidente da CI, senador Garibaldi Alves Filho (PMDB-RN), já encaminhou a indicação para votação no plenário do Senado. O goiano vai ocupar a vaga de Rodrigo Zerbone, cujo mandato de cinco anos se encerrou no início de novembro deste ano. Leonardo é filho do ex-deputado federal e atual secretário de Governo da prefeitura de Aparecida de Goiânia, Euler de Morais.


“Estamos dispostos a dar essa contribuição no sentido de reduzir o déficit da Previdência, que é uma necessidade do Brasil”

Ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmando que as Forças Armadas estão dispostas a contribuir para reduzir o déficit da Previdência, novo foco do governo para equilibrar as contas públicas


Ajuda financeira
Durante encontros com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e com o presidente Michel Temer, na semana passada, o governador Marconi Perillo acertou a contrapartida dos governadores para fechar acordo de ajuda financeira da União, estabelecendo teto de gastos estadual. Também formalizou a proposta ao presidente para que os estados possam ter acesso a novos créditos.

Contas em dia
Após os encontros, Marconi lembrou que o Estado vive hoje situação financeira privilegiada. “Goiás está com salários em dia e cumpre suas obrigações, mas outros estados precisam de solução rápida para sair do caos financeiro”, disse no Twitter.

Reforma no secretariado
A reforma no secretariado que o governador Marconi Perillo pretende fazer em janeiro pode ser maior do que muitos imaginam. Durante encontro com deputados da base aliada para apresentar o Programa de Austeridade pelo Crescimento do Estado de Goiás, no Palácio das Esmeraldas, o governador disse que não vai tolerar falta de diálogo no seu governo, justamente o motivo das reclamações dos parlamentares desde o início da atual gestão.

Boa medida
De autoria do deputado Marlúcio Pereira (PTB), projeto de lei que tramita na Assembleia Legislativa prevê incluir automaticamente no Programa Bolsa Universitária, do Governo estadual, alunos da rede pública de ensino com média escolar acima de 8,5 no ensino médio. Além disso, para conquistar o benefício, o aluno deve comprovar renda mensal inferior a R$ 2 mil.

Ciências e Tecnologias
Apesar da austeridade que pretende implementar na sua gestão com fusão e extinção de pastas e órgãos de primeiro escalão, reduzindo de 22 secretarias e quatro autarquias para apenas 18 no total, prefeito eleito Gustavo Mendanha decidiu criar a Secretaria de Ciências e Tecnologias. Tudo a ver, é claro, com sua proposta de transformar Aparecida de Goiânia numa cidade inteligente.

Estratégias idênticas
Assim como em Goiânia, onde Iris Rezende não abre a boca para falar sobre seu secretariado, em Aparecida Gustavo Mendanha também mantém o mistério. Os dois peemedebistas só devem anunciar seus auxiliares depois do Natal. Gustavo deve esperar Iris para só depois informar os nomes que vão compor sua equipe.
Geração e distribuição
A transição do controle da Celg D para a empresa italiana Enel vai ocorrer em janeiro. O cronograma de transição foi discutido entre o governador Marconi Perillo e o presidente da Enel, Carlo Zorzoli, na semana passada. A Enel, além de dona da Celg D, é também dona da Usina de Cachoeira Dourada.

Transição de governo
A transição do governo Paulo Garcia (PT) para o governo Iris Rezende (PMDB) está sendo conturbada. O prefeito eleito Iris Rezende evita dar entrevistas neste momento. Ele não quer falar sobre equipe nem sobre a situação em que vai assumir a prefeitura. Mas o deputado estadual Bruno Peixoto (PMDB) deixou escapar que Iris pode assumir a prefeitura de Goiânia com um buraco que beira a R$ 500 milhões. Será?

Compra de voto
A Polícia Federal (PF) está investigando o presidente a Agência Goiana de Habitação (Agehab), Luiz Stival, por suposta compra de votos em Nova Veneza, cidade onde sua esposa, Patrícia Stival (PSDB), foi eleita prefeita no dia 2 de outubro. Segundo denúncia feita à PF, Luiz Stival teria distribuído 800 cheques-reforma na cidade, o que caracteriza compra de votos para sua mulher.

Parceria
Governador Marconi Perillo vai a Aparecida de Goiânia na quinta-feira, dia 15, para solenidade em que o prefeito Maguito Vilela vai sancionar o novo Plano Diretor do município. Na oportunidade, Marconi vai assinar documento doando área da Companhia Desenvolvimento de Goiás (Codego) à prefeitura para a implantação do Complexo Logístico, Industrial e Alfandegário de Aparecia (Clia), uma porto seco mais avançado e quatro vezes maior do que o de Anápolis.

Lava Jato chega ao PSDB
Após centenas de prisões de petistas e políticos dos mais variáveis matizes, a Operação Lava Jato finalmente atingiu o PSDB. E é exatamente uma das figuras mais emblemáticas do partido, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, quem aparece nas famosas delações das empreiteiras e construtoras envolvidas em tramoias Brasil afora.

Para o bem e para o mal
Ainda não se sabe o tamanho do estrago que a citação de Geraldo Alkmin fará no ninho tucano. O certo é que o nome de Alckmin, em alta após a vitória surpreendente de João Dória Jr. no primeiro turno na capital paulista, agora está seriamente ameaçada. Com isso, sobe a cotação do governador Marconi Perillo como eventual candidato do PSDB à presidência da República em 2018.


Rápidas

– Os deputados Jovair Arantes (federal) e Henrique Arantes (estadual), pai e filho, foram multados em R$ 5 mil pelo juiz da 128ª Zona Eleitoral, Cristiano Tavares, acusados de terem praticado propaganda eleitoral extemporânea na cidade de Acreúna.
– Conforme o promotor Sandro Halfeld de Barros, Jovair Arantes, Henrique Arantes e Elias Fernandes fizeram em Acreúna, no dia 19 de julho, pedido expresso de voto e propaganda eleitoral, o que só era permitido a partir de 16 de agosto de 2016.
– A Assembleia Legislativa aprovou projeto de lei de autoria do governo que cria o Colégio da Polícia Militar de Goiás de Goianira. Emenda do deputado Carlos Antônio (PSDB) possibilitou também a criação de unidades em Anápolis e em Silvânia.
– As inscrições para 20ª edição do Projeto Luzes se encerram nesta segunda-feira, dia 12. O concurso premia as melhores iluminações de Natal com isenção de IPTU nas categorias residencial e comercial. Inscrições no www.goiania.go.gov.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here