Alunos apresentam canções natalinas

0
1843
Atividade com o Coral colabora na formação dos alunos participantes

Coral Vozes em Canto realiza musical e cantata em centros comerciais e parques da cidade

Luiz Fernando Nunes Hidalgo
A Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME) valoriza a arte como linguagem a ser trabalhada dentro das instituições educacionais. Um exemplo é a implantação do “Coral Vozes em Canto” na rede municipal de Educação, que tem a participação de alunos de oito escolas. A atividade compõe as ações da prefeitura em comemoração ao Natal, com as apresentações Cantata de Natal e musical “Natal Todo Dia”, encerradas nesta semana.
Para facilitar o acesso da população, vários locais foram reservados para as performances como a Polo Imóveis e o Parque Mutirama no caso da Cantata, com repertório natalino. Já o Teatro Goiânia Ouro recebeu o Musical que apresentou canções de nomes como Franz Gruber, M. Leontovich, Andy Beck, Caetano Veloso e Elza de Almeida, compositora goianiense. O repertório também teve músicas populares e eruditas, com participações em latim.
O projeto é composto por 350 alunos que levam às ruas, teatros, empresas, repartições públicas e centros comerciais da cidade o resultado de atividades desenvolvidas ao longo do ano, voltadas para o canto, a interpretação e a apreciação musical. “Participar do Coral foi ótimo porque me ajudou a interagir mais com as pessoas e vencer a timidez, além de conhecer outras músicas novas”, destacou Maria Júlia da Silva Campos, 11 anos, da Escola Municipal Geralda de Aquino.A regente do Coral, professora Adriana Goulart, avalia os resultados alcançados com o projeto nos últimos anos. “Temos experimentado expansões quantitativas e qualitativas, o que o tornou um projeto sólido e relevante, que está presente nas principais ações durante o ano letivo e em eventos educacionais e culturais promovidos pela Prefeitura”, comenta.
Na Escola Municipal Benedita Luiza da Silva de Miranda, a participação dos alunos no Coral, tem influenciado no trabalho pedagógico da instituição. “Estou gostando muito de participar do projeto porque estamos aprendendo músicas diferentes. Dentro da sala de aula, estou mais tranquila e minha aprendizagem melhorou bastante porque consigo concentrar mais”, afirmou Brunna Stefany Resende Silva, 11 anos.
Para a coordenadora pedagógica, Nayara Lesley Queiroz, a oportunidade dos educandos de fazer parte do projeto tem ajudado no convívio dentro da escola. “Com esta atividade observamos uma melhora acentuada nos relacionamentos entre os alunos e com os professores. Isto acontece porque a participação do Coral requer maior disciplina e senso de responsabilidade consigo e com o outro, pois esta atividade é essencialmente coletiva”, ressaltou.

Coral Vozes em Canto
O projeto surgiu em 2005 com a finalidade de iniciar o processo de musicalização de alunos das escolas municipais com a prática do canto coral. A proposta foi iniciada com a junção de grupos de canto já existentes para a composição de um grande coral da rede municipal de Educação explica Goulart. Atualmente, oito escolas municipais integram a proposta que tem a colaboração também da professora Andréa Stewart, que acompanha o Coral com teclado.
As unidades que se apresentaram em 2016 são: Escola Municipal José Alves Vila Nova, Escola Municipal Geralda de Aquino, Escola Municipal Benedita Luíza da Silva Miranda, Escola Municipal de Tempo Integral Marechal Ribas Júnior, Escola Rotary Goiânia Oeste, Escola Municipal Eng.º Antônio Félix da Silva, Escola Lions Clube Bandeirantes e Escola Municipal Manoel José de Oliveira.

COMPARTILHE
Artigo anteriorEducação em foco
Próximo artigoPREMIAÇÃO AOS VENCEDORES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here