Marcione Barreira
marcionebarreira@gmail.com

O deputado estadual José Vitti (PSDB) vai comandar as ações da Assembleia Legislativa no próximo biênio. Em conversa com este colunista, o parlamentar falou dos seus objetivos frente à nova missão. Vitti foi líder de governo nos últimos anos e encara a presidência da Casa como maior desafio de sua carreira política. Segundo ele, o objetivo é aproximar a população do Poder Legislativo. “Acho que esse período tenho como maior desafio e objetivo aproximar mais a Casa da comunidade”, disse. Aliado a isso, José Vitti acredita que a Assembleia pode se modernizar ainda mais com a digitalização de documentos e aprimorar a TV Assembleia. “Temos que ter ideias que façam com que a população se interesse mais pela TV Assembleia. Fazer com que ela seja mais atrativa para as pessoas”, destacou. Apesar de não estar entre os principais objetivos de sua gestão, a construção da nova sede da Casa é destacada pelo presidente como importante para a modernização da estrutura do Parlamento estadual. “Temos o objetivo de licitar e dar continuidade à construção da nossa nova sede. No endereço atual, estamos com a estrutura muito limitada”, ressalta. Ao falar da relação com a oposição, Vitti garante que será a mesma que manteve enquanto ocupou o papel de líder do Governo. Para Vitti, a relação com a oposição naquele período foi “muito respeitosa” e ele pretende repetir o mesmo vínculo estando na presidência. Ao assumir, Vitti fez questão de ressaltar que pegou a Casa organizada e que dará sequência ao trabalho.


“Afirmo mais uma vez: o México não pagará por qualquer muro”

Peña Nieto, presidente dos México, em mensagem publicada em sua conta no Twitter. O comunicado foi um recado direto a Donald Trump sobre a afirmação de que o México pagaria pela construção do murro na fronteira entre os dois paises


Rápidas

O vice-governador José Eliton recebeu das entidades ligadas à construção civil o projeto Goiânia 2033. O mesmo estabelece metas e indicadores para acompanhar e melhorar a qualidade de vida da população goianiense.

Partindo de indicadores sociais e econômicos, o Goiânia 2033 pretende ampliar a discussão sobre a qualidade de vida e contribuir para o avanço das políticas públicas.

Um dos principais objetivos do projeto é transformar Goiânia em uma das melhores cidades do país até 2033. Atualmente, a capital do estado ocupa a posição 45 no ranking do Índice de Desenvolvimento Humano no país.


Aguardando
O governador Marconi Perillo continua aguardando a resposta do deputado federal Roberto Balestra (PP) sobre assumir ou não uma secretaria do seu governo. Perillo convidou o pepista para comandar a Secretaria de Desenvolvimento Econômico no final do ano passado, mas até agora nenhuma resposta.

De olho
Caso assuma a pasta, Roberto Balestra abriria vaga na Câmara dos Deputados. Quem esta acompanhado bem de perto é o suplente de deputado federal Sandes Junior (PP) que está de olho na lacuna. Sandes é aliado de Marconi e a mudança tem como principal objetivo, de forma velada, acomodar o partidário.

Tranquilo
Sobre as articulações para 2018, Balestra demonstra frieza. O PP tem o senador Wilder Moraes (PP) que encerra o mandato e que até agora não se manifestou se pretende ou não concorrer. Segundo o pepista, dando pista de que o senador deve querer espaço, no momento oportuno o companheiro de partido vai entrar na discussão.

Oposição na Assembleia
A Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do próximo biênio garantiu espaço para a oposição. Além de José Vitti, integram a nova Mesa Diretora: Mané de Oliveira (PSDB), 1º vice-presidente; Henrique Arantes (PTB), 2º vice-presidente; Helio de Sousa (PSDB), 1º secretário; Bruno Peixoto (PMDB), 2º secretário; Lincoln Tejota (PSD), 3º secretário; e Humberto Aidar (PT), 4º secretário.

Papel de primeira-dama
A ex-deputada Iris Araújo (PMDB) garante que desempenhará o papel de primeira-dama de Goiânia. Mais: ela afirma que será uma primeira-dama participativa, acordando de manhã e se vestindo de trabalho “sem qualquer remuneração”.

FGM
O novo presidente da Federação Goiano dos Municípios é o prefeito de Campos Verdes Haroldo Naves (PMDB). Ele foi empossado na última semana e durante o evento reforçou que sua gestão seguirá um caminho técnico para a qualificação dos prefeitos que integram a federação.

Presenças
No encontro, que ocorreu durante o Fórum Goiano de Gestores Públicos, estiveram o ex-presidente da FGM, Divino Alexandre da Silva; o presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-GO), conselheiro Joaquim Castro; o diretor da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Valdecir Luiz Colle; e o secretário de Estado do Governo, Tayrone di Martino.

Fábio Sousa
Sempre atento às articulações, o deputado federal Fábio Sousa (PSDB) tem ficado distante dos holofotes. Ele não vai assumir nenhuma comissão da Câmara dos Deputados e diz que está distante da conjuntura política estadual. Tudo para se dedicar à atividade parlamentar. “Minha missão neste momento é ser um bom deputado”.

Eleição
O objetivo de Jovair Arantes (PTB) de comandar a Câmara dos Deputados está cada vez mais difícil. Ele, que rodou o país nas últimas semanas, vê a candidatura do principal adversário ganhar apoios contundentes. Nos últimos dias, Rodrigo Maia (DEM-RJ) conquistou apoio do PSDB, partido com a terceira maior bancada na Casa com 48 deputados. A bancada do PSDB goiano deve seguir orientação do partido, mas vários parlamentares não descartam apoiar Jovair.

Homologação de concurso
O vice-governador José Eliton e o procurador Geral de Justiça, Lauro Machado, se reuniram na semana passada para definir os detalhes de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que deve ser assinado, em breve, entre o Governo do Estado e o Ministério Público. O TAC possibilitará a homologação e o chamamento dos aprovados no concurso de agentes de segurança prisional, promovido em 2014.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here