Marconi acomoda aliados para manter união da base

0
1051

Marcione Barreira
marcionebarreira@gmail.com

Ao empossar novos nomes em pastas do seu governo, Marconi Perillo (PSDB) também garante espaço para aliados antigos que ficaram sem cargos depois das últimas duas eleições. Três casos específicos evidenciam que o ato do líder da base tem o objetivo de acomodar companheiros e com isso evitar fissuras no seu campo de apoio. Um dos principais apoiadores de Perillo ao longo dos anos, o ex-deputado Sandes Junior (PP) estava sem cargo desde que o deputado federal Thiago Peixoto (PSD) retornou à Câmara dos Deputados, em julho do ano passado. Agora, Sandes vai comandar a Secretaria Extraordinária de Assuntos Federativos e de Relações com Organismos Multilaterais. Outro nome contemplado com as mudanças foi o do ex-prefeito de Catalão Jardel Sebba (PSDB). Jardel, que já foi presidente da Assembleia por três mandatos, é aliado e amigo de Perillo. O ex-deputado assume a chefia do Gabinete de Gestão da Governadoria do Palácio das Esmeraldas. Representando uma reaproximação com a base aliada, o Solidariedade também foi gratificado com uma pasta no Executivo estadual. O ex-vereador Denício Trindade (SDD) vai comandar a presidência das Centrais de Abastecimento do Estado de Goiás (Ceasa). O ato de dar espaço ao partido de Armando Vergilio (SDD), antigo aliado de Marconi e pai do deputado federal Lucas Vergilio (SDD), sinaliza uma reaproximação dos dois. Outros empossados foram Ricardo Brisolla Balestreri, na Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária; Edivaldo Cardoso, que saiu da Ceasa para o comando da Agência Brasil Central; deputado Lucas Calil para a Secretaria Extraordinária voltada para lazer e esportes; e o economista Humberto Tannús, que foi indicado para a vice-presidência da Celg GT.


A maior mudança da Reforma Trabalhista é permitir que os acordos coletivos entre patrão e empregado prevaleçam sobre a legislação

Deputado federal Daniel Vilela (PMDB), presidente da Comissão da Reforma Trabalhista, sobre a importância da matéria


Rápidas

Morreu aos 90 anos Dom Antônio Ribeiro, arcebispo emérito de Goiânia.

Dom Antônio foi arcebispo de Goiânia durante 16 anos e renunciou em 2002.
Aloysio Nunes (PSDB-SP) é o novo ministro das Relações Exteriores.

O senador substitui José Serra, que retorna ao Senado federal.


Câmara
Nessa legislatura a Câmara de Vereadores de Goiânia tem apresentado uma nova postura. Na última semana do mês passado foram formados três blocos parlamentares na Casa. Na legislatura anterior, apenas um era visível, o chamado Bloco Moderado, que perdeu força no decorrer dos anos.

Um deles
Maior entres eles, o bloco liderado pelo vereador Delegado Eduardo Prado (PV) conta com 10 parlamentares. Integram o “Por uma Goiânia Melhor” o vereador Paulinho Graus (PDT), Léia Klébia (PSC), Emilson Pereira (PTN), Jair Diamantino (PSDC), Romário Policarpo (PTC), Paulo Daher (DEM) e Kleibe Morais (PSDC), entre outros.

O outro
O segundo maior bloco é liderado pela vereadora Dra. Cristina (PSDB) e é chamado de Frente Parlamentar Independente. Anselmo Pereira (PSDB), Cabo Senna (PRP), Paulo Magalhães (PSD), Jorge Kajuru, (PRP), Milton Mercêz, (PRP), Priscilla Tejota (PSD), Sargento Novandir (PTN) e Elias Vaz (PSB), dentre outros, fazem parte do grupo.

De olho em 2018
Recém-escolhido como líder do Governo na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Francisco Oliveira (PSDB) destaca que adotará uma postura conciliadora na condução dos diálogos. Francisco Oliveira garante que ao mesmo tempo vai trabalhar para dar assistência às 60 cidades e 28 prefeituras onde tem aliados diretos.

Republicano
O deputado Álvaro Guimarães (PR) foi escolhido na última semana de fevereiro como presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa. A Comissão é tida como a mais importante da Casa e o novo presidente garantiu que vai dar espaço à oposição.

Horário de Verão
A Assembleia Legislativa aprovou de forma definitiva o fim do horário de verão no Estado de Goiás. A proposta foi apresentada pelo deputado Luis Cesar Bueno (PT), que argumentou que a economia de energia é insignificante perto das consequências que a população e as atividades econômicas das cidades sofrem nesse período.

Manifesto
O deputado federal Rubens Ottoni (PT), a deputada estadual Adriana Accorsi (PT) e a deputada Isaura Lemos (PC do B) promovem no próximo dia 13 de março audiência pública para debater a Reforma da Previdência. Os parlamentares são contra a proposta de emenda constitucional.

Carnaval positivo
O Corpo de Bombeiros registrou queda no número de mortes por afogamentos em Goiás. Durante os cinco dias do feriado, foram registrados três óbitos, enquanto em 2016 foram cinco. O foco da operação deste ano foi o trabalho educativo.

OVG
No próximo dia 9, o Programa Bolsa Universitária vai divulgar os nomes dos candidatos classificados para participar da entrevista de seleção. Para saber se foi convocado, o estudante deverá acessar o site da OVG (www.ovg.org.br) e clicar no Portal Bolsa Universitária.

Segurança
A Câmara Municipal de Goiânia manifestou preocupação com a segurança da Casa nesses últimos dias. O vereador Alysson Lima (PRB) pediu monitoramento por câmeras para inibir possíveis abusos nas dependências do parlamento.

Casos
Na última semana houve registro de tentativa de estupro a uma servidora da Câmara Municipal. Neste caso, o suspeito foi preso. No mês de fevereiro outro caso envolveu o furto de um aparelho celular de outra funcionária.

IPVA
A fiscalização imposta pelo governo no mês de fevereiro ajudou a reforçar o caixa do estado. Só no mês passado foram arrecadados R$ 2,7 milhões de tributos atrasados. Nesse período, foram abordados 1.646 veículos, entre carros e motos em diversas cidades do Estado de Goiás.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here