A economia começa a dar sinais positivos

0
849

Pela primeira vez em 22 meses, o país registrou em fevereiro a  abertura de postos de trabalho com carteira assinada. No mês passado, as contratações superaram as demissões em 35.612 vagas. A boa notícia foi dada na quinta-feira passada, dia 16, pelo presidente Michel Temer e pelo ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira.
Os números têm como base o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). A criação das 35.612 vagas de emprego é resultado de 1.250.831 admissões e de 1.215.219 demissões em fevereiro. No acumulado do primeiro bimestre de 2017, porém, o país registra fechamento de 5.475 postos de trabalho.
Temer disse que os dados do emprego são “boas novas” e um sinal da retomada do crescimento da economia brasileira. Segundo o presidente, esses sinais são “a cada dia, mais claros”.
Ao convocar a imprensa para comentar dados positivos da economia brasileira, Temer disse também que pode “garantir” que a inflação fechará este ano abaixo do centro da meta de 4,5% ao ano.
Em uma rara iniciativa, o próprio presidente anunciou os dados de emprego, durante uma fala no Palácio do Planalto. Nos últimos meses, a divulgação vinha sendo feita pelo ministério apenas via nota em sua página na internet.
De acordo com o presidente, o “otimismo deve guiar” os passos do governo e da economia. “Mais que nunca, eu verifico interesse de investimentos estrangeiros no nosso país”, disse ele, citando as reformas e medidas de ajuste que o Planalto vem implementando ao longo dos últimos meses.
O presidente destacou ainda a mudança da perspectiva da economia brasileira feita na semana passada pela Agência Moody’s. De acordo com Temer, a “queda substancial, em pouquíssimo tempo”, dos pontos negativos, depois que o país perdeu o grau de investimento em fevereiro do ano passado, sinaliza que o país poderá retomá-lo. “Ao longo do tempo é muito provável que se atinja uma pontuação que nos faça retomar o grau de investimento.”
Temer também lembrou o leilão de quatro aeroportos brasileiros, realizado hoje em São Paulo, que atingiu o valor de R$ 3,72 bilhões, considerando que foi um “grande sucesso”.
Ele ressaltou que outras medidas, como a queda dos juros e a injeção na economia de bilhões de reais com a liberação de saque de contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), vão contribuir para a reativação da economia.
Ainda não é possível afirmar que o país saiu de vez da recessão, mas a geração de empregos é um forte indicativo que a equipe econômica está no caminho certo.

Manoel Messias Rodrigues – Editor Executivo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here