Cursos a distância são boa opção para qualificação

0
295

Mensalidades mais baratas e menos gasto com deslocamentos são principais atrativos para quem opta por fazer cursos online, usando a tecnologia a favor do conhecimento

Fabiola Rodrigues

Seja para se qualificar para o mercado de trabalho ou formação acadêmica, o Ensino a Distância (EAD) é uma das opções de estudo cada vez mais procurada por jovens e adultos. Essa tendência mundial tem alcançado a população brasileira devido à acessibilidade e praticidade que os aparelhos eletrônicos e tecnológicos oferecem por meio de videoaulas, plataformas de estudos e conteúdos explicativos de cursos online.
O EAD vem se popularizando e o crescimento da modalidade de ensino foi registrado pelo Censo de Educação Superior, feito pelo Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais (Inep), que comparou o aumento de pessoas que procuraram cursos superiores, de pós-graduações e de aperfeiçoamento. Em 2002, 50 mil pessoas estudavam a distância no Brasil, enquanto em 2012, os números registraram mais de 1 milhão de estudantes, registrando, portanto, crescimento extraordinário nos últimos anos.
O aumento da procura pelos cursos a distância se deve, entre outros fatores, ao menor preço da mensalidade, geralmente bem abaixo dos cursos presenciais, e também por possibilitar ao aluno definir seus horários de estudo. A coordenadora de EAD do Senac Goiânia, Luzélia de Oliveira, diz que o estudante cada vez mais busca por praticidade e aprimoramento quando procura uma instituição de ensino.
“Quem procura por esses cursos são pessoas que querem ‘ganhar tempo’ ou estão trabalhando e visam aproveitar o pouco prazo para se profissionalizarem. O profissional que já está no mercado opta pelo ensino a distância para se atualizar e até mesmo fazer novas descobertas”, relata a coordenadora.
Outro fator decisivo para escolha da educação a distância é o custo das mensalidades e outros gastos. Sem a necessidade de frequência diária, diminuem os custos com transporte, alimentação, materiais e fotocópias. Tudo isso é levado em conta quando o estudante escolhe essa forma de ensino.
“Mesmo que o aluno tenha bastante tempo disponível para um curso presencial, ele analisa os gastos da mensalidade e demais despesas”, diz Luzélia de Oliveira.
Junto com o aumento da procura, também chegaram as melhorias. A coordenadora ressalta que o mais importante são os resultados positivos que o estudante tem ao descobrir que o curso online traz benefícios tanto quanto o presencial.
“A didática do EAD só melhora. O estudante precisa dedicar-se ao máximo em cada módulo. Os planos de estudos devem ser cumpridos, caso contrário haverá desistência. A dedicação é a mesma ou até maior que a de um curso presencial”, diz Luzélia de Oliveira.
Portanto, a coordenadora lembra que ter disciplina é fundamental para quem decide estudar a distância. Quem é disciplinado poderá ter sucesso na carreira, mas quem não for está ‘jogando o dinheiro fora’.
“Considero a disciplina essencial para quem estuda em casa. Ela é indispensável para que o cronograma de estudos flua. O autogerenciamento se torna fundamental para quem assiste vídeos ou conteúdos online, mas essas práticas trazem benefícios até mesmo para a vida pessoal”, ressalta.
Os cursos EAD de um modo geral estão sendo bem-vistos, diferentemente de cinco anos atrás. As empresas vêm dando oportunidade para aqueles que se formam ou estão fazendo cursos nessa modalidade de ensino.
“A aceitação social é maior a cada dia e estes indicativos são ótimos. As pessoas estão evoluindo seus conceitos, já que estão compreendendo e aproveitando o avanço da tecnologia”, lembra a coordenadora.
Algumas empresas mais tradicionais podem ser relutantes quanto à contratação de profissionais formados a partir de cursos a distância. Porém, segundo Luzélia de Oliveira, a maioria delas aceita bem esses profissionais. Para se destacar, é recomendado optar por cursos em instituições com maior credibilidade, além de demonstrar que, como profissional, o estudante consegue colocar em prática tudo o que aprendeu.


“Disciplina é essencial para obter aprendizado”

O estudante que opta pelo ensino a distância precisa ter disciplina e foco, gestão de tempo, autonomia e proatividade; essas competências são bastante valorizadas pelo mercado de trabalho. Por isso Joyce Amaral vem se dedicando aos estudos. Ela está cursando Gestão de Recursos Humanos online há quase um ano.
“Tento permanecer disciplinada. Esse fator é necessário para se obter o aprendizado. A plataforma de atividades me ajuda muito a acompanhar o curso referente ao cronograma de estudo. Quando eu leio sobre o assunto da matéria, compreendo melhor. Realizar as atividades é fundamental para ter melhor rendimento no estudo”, diz Joyce Amaral.
A estudante revela que escolheu curso a distância levando e conta a questão financeira e também a segurança. Ela estava precisando evitar gastos, além de que temia ser vítima de assaltos e acidentes.
“Posso estudar em casa e evito sair. Já sofri acidente de moto e fui assaltada. Como trabalho durante o dia, teria que estudar à noite e ficaria correndo perigo. Para mim no momento é conveniente estudar online”, relata.
A estudante conta que o mercado de trabalho tem dado oportunidade para quem está se dedicando a essa modalidade de ensino. Ela relata que entrou na empresa onde trabalha exercendo atividades no departamento de pessoal, porém ao iniciar o curso de EAD de Gestão em RH foi promovida.
“É muito importante o profissional demonstrar e aplicar o que aprende para se destacar na profissão”, frisa.


Praticar o que se estuda é grande desafio

Quem procura por um curso na modalidade ensino a distância deve estar ciente de que, assim como em sala de aula, a dedicação deve ser a mesma. A flexibilidade para quem opta por um curso não presencial é um atrativo, mas deve haver dedicação para os estudos.
O professor de inglês Paulo Victor dá aulas presenciais e já teve a oportunidade de ministrar cursos online. Ele relata que os estudantes que fazem cursos a distância nunca devem acumular material de estudo.
“Já ministrei curso a distância e sei que muitos alunos deixam quase tudo para a última hora e isso prejudica o desenvolvimento do aprendizado. Quanto mais matéria for acumulada mais desanimado ficará o estudante. A chance de evasão neste caso é grande”, observa o professor.
Paulo Victor ressalta que a educação a distânia oferece mais teoria do que prática em sua grade curricular de ensino, independentemente de qual seja a área ou profissão. Por isso, ele orienta o estudante para que se esforce ao máximo para praticar, de alguma maneira, aquilo que aprende.
“Quem procura por essa modalidade de ensino deve estar ciente que existe mais teoria do que prática. O estudante precisa ter conhecimento e se esforçar bastante para pôr em prática o que vem aprendendo, assim fica mais fácil ter melhores resultados”, diz o professor.
Para o professor, que já fez um curso a distância de Arte de Falar em Público durante seis meses, a experiência foi positiva, mas ele conta que permaneceu focado. Para ele, o ensino online oferece a mesma qualidade do que o presencial.
“O curso a distância é ótimo para profissionalização. É uma modalidade nova, cada vez mais procurada pelos estudantes. Inovar faz parte da sociedade contemporânea e para quem procura espaço no mercado de trabalho ou quer ampliar o currículo os cursos a distância são excelentes, desde que haja dedicação e prática, porque somente ouvir e ler não vai resolver”, diz Paulo Victor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here