De pires na mão, prefeitos vão a Brasília

0
1362

Marcione Barreira
marcionebarreira@gmail.com

Administradores municipais de todo o Brasil se preparam para realizar manifestação em Brasília na segunda quinzena do mês de maio.  A mobilização faz parte da vigésima edição da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios e é uma realização da Confederação Nacional dos Municípios.  A Agência Goiana dos Municípios faz parte do grupo que ira a capital federal com objetivo de discutir, estabelecer e apresentar a pauta prioritária para as autoridades federais para que os municípios voltem a ser grandes. A mobilização que é pacífica é realizada uma vez por ano e está prevista para ocorrer nos dias 15 e 18 do próximo mês. A AGM através do presidente Paulo Sérgio vai aproveitar o evento para entregar da carteira de prefeitos aos integrantes da agência. Além disso, uma equipe técnica da entidade estará disponível para orientaros prefeitos em termos financeiros quanto a finanças dos municípios em temáticas que evolve previdência própriadas administrações municipais e outros temas. O presidente da AGM que também é prefeito da cidade e Hidrolândia ressaltou a importância da realização do evento e a presença dos prefeitos de todo o Brasil no encontro. “A presença de todos os prefeitos é muito importante, principalmente os goianos. Nessa mobilização vamos levar para Brasília todas as demandas dos municípios, por isso precisamos estar juntos”, disse o presidente Paulo Sérgio de Rezende. Está prevista para ocorrer durante o evento a liberação de R$ 1 bilhão para pavimentação e saneamento dos municípios durante.


“Não há como promover crescimento econômico equilibrado sem simplificar o sistema tributário”

Deputado federal Giuseppe Vecci (PSDB), em seu twitter ao defender a Reforma Trabalhista


Rápidas

O governo de Goiás arrecadou este ano com tributos do IPVA cerca de R$ 190 milhões

Este ano a expectativa de arrecadação está na casa de R$ 1 bilhão e 300 milhões

O consorcio que administra o BRT disse está semana que entregará as obras em dois anos

Consorcio e prefeitura entraram em acordo na última semana e a previsão é para Março de 2019


Limpeza
A prefeitura de Goiânia iniciou no final da última semana, pelo Jardim Atlântico, a limpeza dos lotes baldios na capital. Os proprietários destes lotes foram notificados via edital e aqueles que não providenciaram a limpeza no prazo de oito dias terão agora de pagar a multa e os serviços.

Dor no bolso
Oitenta lotes já foram vistoriados e seus proprietários serão multados pelos fiscais da Agência Municipal do Meio Ambiente (Amma). No caso de quem não limpou, a Comurg fará a roçagem, remoção e destinação final dos resíduos. Mas será cobrada uma taxa de R$ 2.32 (por metro quadrado) pelos serviços prestados.

Dor no bolso II
Além da taxa, o proprietário arca com multa no valor de R$ 1.000 para os imóveis localizados na 1ª e 2ª zonas fiscais, de R$ 500 para os imóveis da 3ª Zona Fiscal e de R$ 250 para os imóveis da 4ª Zona Fiscal.

Goiás Sem Fronteira
Chegou à Assembleia no final da última semana o projeto de lei que institui as bases do programa Goiás Sem Fronteira. A matéria foi enviada pelo governador Marconi Perillo (PSDB) e tem como objetivo proporcionar educação e capacitação a estudantes do ensino médio, superior, pós-graduação, pesquisadores e pessoas com iniciativas empreendedoras em áreas tidas como prioritárias para o Estado de Goiás.

Tramitação
O projeto está na Comissão Mista da Casa e as discussões devem ser iniciadas até o fim desta semana. O projeto de lei estabelece ainda os critérios gerais para a participação no Programa, modalidades, duração e procedimento de seleção, a partir da atuação conjunta de algumas secretarias do Governo.

Assoprou e mordeu
O deputado estadual José Nelton (PMDB) fez um pedido rigoroso ao presidente da Casa José Vitti (PSDB). Antes de pedir, porém, teceu elogios ao comandante do poder legislativo ao reforçar sua lisura por interferir nos direitos parlamentares da bancada de oposição. Depois solicitou que a Assembleia acabasse com artigo 39 da Constituição Estadual.
Artigo 39?
O artigo 39 da Constituição Estadual estabelece a necessidade de autorização, por voto de dois terços dos deputados estaduais, para que o governador seja processado por crime comum. Hoje, o Supremo Tribunal de Justiça precisa pedir autorização da Casa para qualquer processo que se encaixe nessa tipificação de crime.

Homenagem
Na última sexta-feira (07/04) foi comemorado o Dia do Jornalista e a Câmara Municipal prestou homenagem a algumas figuras do meio. O legislativo abriu sessão especial, que foi realizada às 19h30, e homenageou dezenas de profissionais. Entre eles alguns que já passaram pela Tribuna do Planalto, como Rubens Salomão e Larissa Quixabeira.

União
Em evento realizado na Câmara de vereadores de Aparecida de Goiânia na última semana, o senador Ronaldo Caiado (DEM) declarou que não haverá racha na oposição. Ronaldo reforçou o desejo de se candidatar ao governo, mas deixou claro que não será a qualquer custo.

Em Brasília
O governador Marconi Perillo se encontrou com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, em Brasília na semana passada. Marconi pediu aumento de recursos federais para o custeio do Hospital de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol). Solicitou ainda ajuda para a conclusão dos hospitais Águas Lindas e Santo Antônio do Descoberto.

Presenças
O senador Wilder Morais (PP), o secretário de Saúde, Leonardo Vilela (foto), e o secretário Extraodiário, Lucas Calil (PSL) estiveram presentes. Hoje o valor repassado pelo governo federal ao Hugol é de R$ 2,5 milhões, mas segundo o governo, havia um compromisso de aumentar o repassa para R$ 7 milhões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here