ATM e Policia Militar discute segurança nos municípios

0
1315
A Associação Tocantinense de Municípios (ATM) promoveu reunião entre prefeitos e representantes do alto escalão da Polícia Militar do Estado do Tocantins, na sede da entidade municipalista, em Palmas. Mobilizados pelo presidente da ATM, prefeito de Pedro Afonso, Jairo Mariano, os prefeitos tiveram a oportunidade de discutirem diretamente com o Comandante Geral da PM, Coronel Glauber de Oliveira Santos, a adoção de medidas conjuntas entre prefeituras e polícia para ampliar a presença de policiais nos municípios, bem como melhorar os serviços de segurança.
O presidente da ATM lembrou que a audiência é resultado de um primeiro encontro entre prefeitos e o comando da PM, ocorrido no final de março. “Estamos atendendo as constantes demandas de prefeitos e prefeitas que se encontram preocupados com a falta de efetivo policial em seus Municípios, o que tem resultado no aumento dos indicies de criminalidade nas localidades que não possuem policiamento. Estamos convictos que muitos gestores municipais estão dispostos a colaborar com o trabalho da polícia”, disse.
Antes de debaterem as estratégias conjuntas, o Comandante de Policiamento do Interior, Jefferson Nunes de Alecrim, apresentou um recorte do efetivo policial, das ferramentas de trabalho, das dependências dos destacamentos e os indicies de criminalidade nos municípios do Tocantins. “Nos batalhões e comandos da PM nos municípios do interior consta a participação de 1.231 policiais militares, para atender a 108 cidades. Atualmente, temos 79 destacamentos ativos e outros 19 desativados”, revelou.
Estratégias
O Comandante Geral da PM elencou algumas medidas que poderão ser executadas em parceria com os Municípios. “As prefeituras podem auxiliar a Polícia Militar com a reforma dos prédios dos destacamentos, com a cessão de servidor para o atendimento telefônico das chamadas emergenciais, a disponibilização de aparelhos celulares, a implantação de sistema de videomonitoramento e a criação dos conselhos municipais de segurança. De nossa parte, vamos trabalhar para remanejar os policiais para suas respectivas cidades de domicílio, além de solicitar a ampliação do numero de viaturas que já está prevista para ser entregue a PM pelo Governo do Estado”, disse.
Por fim, o presidente da ATM se comprometeu em repassar as prefeituras as principais estratégias de cooperação que poderão ser estabelecidas entre Municípios e Policia Militar, além de elaborar em conjunto com a PM uma minuta de convênio que certifique as medidas conjuntas adotadas. (Do Portal Agora-TO)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here