Marconi empossa dois secretários

0
635

Em postagens feitas em suas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram, o governador Marconi Perillo informou que João Furtado (foto), atualmente no comando da Casa Civil, assumirá a Secretaria da Fazenda (Sefaz) e o retorno de José Carlos Siqueira para a Casa Civil. O governador relatou que José Carlos Siqueira aceitou o convite e “está disposto a dar continuidade ao trabalho sério e transparente de João Furtado na Casa Civil”. A Sefaz era comandada por Fernando Navarrete, que, segundo Marconi, sugeriu o nome de João Furtado para substituí-lo. O governador ressaltou ainda o trabalho da antiga comandante da pasta Ana Carla Abrão, a quem responsabilizou pela política de austeridade no estado, facilitando a implantação do programa Goiás na Frente. A posse dos novos titulares ocorrerá no próximo dia 14, segundo o governador.


“Goiás está, de fato, à frente dos demais estados”

Vice-governador José Eliton (PSDB), durante assinatura de ordem de serviço para dar início à construção da rodovia GO-474, trecho entre Abadiânia e Lago Corumbá IV


Rápidas

Os bancos lideram ranking das 50 empresas mais reclamadas por consumidores em Goiás

O levantamento foi realizado pelo Procon Goiás e levou em conta todo o mês de maio
A Assembleia Legislativa concedeu título de Cidadão Goiano ao jornalista e escritor carioca Arnaldo Niskier

Niskier faz parte da Academia Brasileira de Letras, onde ocupa a cadeira número 18


Monitoramento
Chegou ao fim o imbróglio envolvendo a prefeitura de Goiânia, Câmara de Vereadores e a empresa que fará o serviço de monitoramento eletrônico no trânsito de Goiânia. Depois de ajustar os detalhes do contrato, o compromisso foi assinado pelo prefeito Iris Rezende na última quarta-feira.

Qualidade
A empresa vencedora da licitação é a Eliseu Kopp Ltda. A instalação dos primeiros equipamentos nas vias começará em oito dias. O prefeito afirmou que a assinatura trará tranquilidade para a população, que terá um serviço de alta qualidade e responsabilidade.

Últimos ajustes
O novo contrato, segundo a prefeitura, trará uma economia de 40,63% se comparado com o anterior. Antes de assinar o contrato, Iris se reuniu com alguns vereadores, entre os quais Elias Vaz, Jorge Kajuru, Cabo Sena e Wellington Peixoto, que discutiram alguns pontos levantados sobre a licitação e o contrato assinado com a Eliseu Kopp.

PMDB de Aparecida
O peemedebista Léo Mendanha, pai do prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, tomou posse na última semana na presidência do PMDB de Aparecida. A cerimônia contou com a presença do ex-prefeito da cidade Maguito Vilela. Em mensagem no Facebook, Gustavo desejou sucesso ao pai à frente da legenda.

História
Léo Mendanha é da velha guarda do partido, do qual é filiado desde 1976.  O peemedebista já atuou pela sigla como secretário municipal, vereador e deputado estadual por dois mandatos. O evento reuniu vereadores e autoridades do partido e o ex-prefeito da cidade Ademir Menezes.

Consórcio Brasil
Após a prisão do filho, chegou a vez de José Francisco das Neves, o Juquinha, ex-presidente da Valec, ser preso, suspeito de lavagem de dinheiro em obras da Ferrovia Norte-Sul. Ele foi preso preventivamente pela Polícia Federal na manhã de sexta-feira, 2, na Operação De Volta aos Trilhos.

Doação da JBS
O deputado estadual Karlos Cabral (PDT) se defendeu, na última quinta-feira, 1º, de citação do seu nome no jornal “O Popular” de que ele teria recebido doações em dinheiro da JBS. Segundo ele, sim, recebeu doações, mas todas elas foram dentro da legalidade.

Crítica
Karlos Cabral explicou ainda que o recurso financeiro não foi recebido por ele em dinheiro vivo, mas por intermédio do PT, sua antiga sigla. “Estou tranquilo quanto a isso. Tenho aqui a relação com todos os doadores para minha campanha e está à disposição do jornal”, disse.

Apoio
Pegando carona no assunto, o deputado estadual Jean (PHS) subiu à Tribuna para defender os colegas que receberam doações da JBS. Ele disse: “Quero ressaltar que as doações da JBS foram feitas dentro das devidas autorizações legais, pois nenhum dos deputados citados estava envolvido em eventuais ações espúrias do grupo”.

Veto
O governador Marconi vetou integralmente projeto de lei do deputado Gustavo Sebba (PSDB) que permitiria o ingresso de animais domésticos de estimação em hospitais. A ideia do projeto de Sebba era ajudar na recuperação médica dos donos dos animais.

Projeto Lote Limpo
Por iniciativa do vereador Kleybe Morais (PSDC), tramita na Câmara Municipal de Goiânia projeto que prevê a opção de implantar horta comunitária em lotes urbanos não edificados, ou seja, lotes baldios. “Esse lotes criam um ambiente propício para a proliferação de animais peçonhentos e vetores de doenças como dengue e chikungunya”, disse.

AGM
Cinco prefeitos de cidades do interior goiano estiveram na capital na sede da Agência Goiana dos Municípios em busca de assessoramento e aproveitaram para se inteirar de informações atualizadas sobre assuntos de interesse do municipalismo. Entre os gestores estavam Itamar Leão (Sanclerlândia), Wolnei Moreira (Moiporá) e Edmar Borges (Buriti de Goiás), além Osvaldo Moreira (de Hidrolina).

COMPARTILHE
Artigo anteriorIris propõe parceria a vereadores
Próximo artigoRigidez

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here