Após lotação dos novos servidores do Sistema Prisional nas unidades distribuídas em diversos municípios do Tocantins, a Escola Penitenciária (Espen) está promovendo capacitações para esses profissionais, no sentido de assegurar uma atuação ainda mais eficiente. Desta vez, foi no sul do Estado, para servidores da Casa de Prisão Provisória de Gurupi (CPPG), do Centro de Reeducação Social Luz do Amanhã (CRSLA), em Cariri, e da Cadeia Pública de Peixe.
Entre as instruções repassadas pela Espen, os servidores aprimoraram técnicas de adentramento tático e, seguindo a padronização das ações em unidades prisionais, também receberam treinamento de tiro com munição letal e menos letal. “As capacitações pela Espen são contínuas, com o objetivo de garantir o máximo de instruções aos servidores que atuam no Sistema Penitenciário, sobretudo, neste momento, aos que acabaram de tomar posse”, explicou o gerente da Espen, Ricardo José de Sá Nogueira.
Também no inicio do mês julho, a Espen realizou treinamento para servidoras da Unidade Prisional Feminina de Palmas (UPF), com foco na condução de presos nas unidades prisionais do Estado, técnicas de algemamento, intervenção em situações de crise, uso e manuseio de armamento, adentramento tático e defesa pessoal. A Espen trabalha em um cronograma intenso de treinamentos e instruções que se estenderá por todo o ano. Na região sul, os instrutores da Espen foram Cristovão Lopes da Silva, Rui Emanuel Marinho, Ricardo José de Sá Nogueira e Rubens Juliate Cantuária. (DO PORTAL AGORA-TO)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here