Zé Eliton aponta “delírio das oposições” que fazem críticas ao Goiás na Frente

0
442
“Enquanto questionam, vamos continuar compensando cheques e realizando obras”, afirmou o vice Zé Eliton, durante solenidade de repasse de recursos a mais 56 prefeituras. “Vamos seguir em frente, respondendo aos anseios da população” (JOTA EURÍPEDES)

Segundo vice-governador, o programa “modifica a paisagem dos municípios goianos, e a população vê florescer a esperança com o volume de empreendimentos em todas as regiões do estado”

O vice-governador Zé Eliton contestou, na manhã de segunda-feira, 25, questionamentos ao programa Goiás na Frente, durante solenidade de repasse das primeira e segunda parcelas de convênios do programa firmados entre o governo estadual e 56 prefeituras.
“As oposições vivem um delírio”, disse. E emendou: “Enquanto criticam, nós vamos continuar compensando os cheques e realizando as obras”.
Em solenidade no Auditório Mauro Borges do Palácio Pedro Ludovico, em Goiânia, o vice-governador garantiu que todos os recursos estão em caixa e que 102 prefeituras já receberam as primeiras parcelas para a realização de obras de infraestrutura. Outros 177 processos estão em fase de análise. Já foram liberados mais R$ 11 milhões.
“Os cheques para as prefeituras estão sendo compensados”, disse, sob aplausos.
“Já inauguramos, inclusive, obras de pavimentação asfáltica e recapeamento em Gameleira de Goiás, feitas totalmente com recursos do Goiás na Frente e há outras em andamento em todo o estado, inclusive hospitais, rodovias e presídios”, garantiu Zé Eliton.
Segundo o vice-governador, em entrevista a um programa de rádio, “o jornalista me indagou sobre críticas das oposições, segundo as quais iríamos dar um cheque sem fundo para as prefeituras”. Zé Eliton respondeu: “A oposição que continue assim, delirando, porque vamos seguir em frente e fazendo um governo que responda aos anseios da população”.
O vice-governador fez também analogia em relação a governos do PMDB ao lembrar de atrasos no pagamento do funcionalismo e falta de eficiência na aplicação dos recursos públicos. Ele citou um período histórico em que existiam recursos para investimentos “mas ninguém sabe onde foram parar”.

Esperança
“O Goiás na Frente modifica a paisagem dos municípios goianos”, disse o vice-governador Zé Eliton durante a solenidade.
“A população vê florescer a esperança com o volume de obras em todas as regiões do estado”, completou.
De acordo com Eliton, “a população verifica que é possível fazer política com responsabilidade”. Segundo analisa, “este é um Governo que responde aos anseios da população”.
No total, 56 municípios receberam parcelas do programa durante a cerimônia da segunda-feira da semana passada. Participaram da solenidade os secretários Talles Barreto (Fiscalização do Programa Goiás na Frente), Sérgio Cardoso (Articulação Política), Tayrone di Martino (Governo); deputado Lincoln Tejota, representante da Assembleia Legislativa, além de parlamentares, prefeitos, vereadores e líderes estaduais e municipais.

Marconi Perillo acompanhou a abertura do festival, no Cine Pireneus, que teve transmissão ao vivo pelas redes sociais
Marconi Perillo acompanhou a abertura do festival, no Cine Pireneus, que teve transmissão ao vivo pelas redes sociais (Eduardo Ferreira)

“É muito bonito ver o Canto da Primavera chegar à sua maturidade”, diz governador

Ao abrir na noite de quarta-feira, 27, a 18ª edição do festival Canto da Primavera, em Pirenópolis, o governador Marconi Perillo destacou o sentimento de realização ao constatar que o festival atingiu sua “maioridade e maturidade”, graças aos investimentos constantes realizados ao longo de todos esses anos.
“Não é qualquer governo de Estado que investe R$ 50 milhões por ano em cultura, por meio de leis e fundos. Cultura é investimento, não é jamais um gasto, ou uma despesa. É um compromisso sagrado que eu tenho. Sempre valorizei e amei a cultura. Ao longo do tempo, procurei valorizar mais e mais a cultura goiana”, declarou.
A abertura foi realizada no Cine Pireneus, com transmissão ao vivo pelas redes sociais do Governo de Goiás (www.facebook.com/GovernodeGoias), pelo portal de notícias Goiás Agora e pela página do governador no Facebook (www.facebook/marconiperillo). Mantendo a tradição, a Banda Fênix, de Pirenópolis, abriu o evento.
O Canto da Primavera deste ano homenageia os 290 anos da cidade de Pirenópolis. São 30 atrações goianas, dentre elas, quatro de Pirenópolis; oito atrações nacionais e 12 oficinas. O festival vai até o dia 8 de outubro. Os shows serão no Cavalhódromo de Pirenópolis e no Cine Pirenéus. A programação completa pode ser acessada no site da Seduce: www.cantodaprimavera.seduce.go.gov.br. O investimento do governo estadual no festival deste ano é da ordem de R$ 1,9 milhão.
Marconi ressaltou que o Canto da Primavera é a demonstração inequívoca do compromisso de seus governos com a cultura e com as artes.
“O legado que deixamos nestes 18 anos é um portfólio de investimentos e de valorização da cultura e dos artistas goianos. O Canto da Primavera foi um programa que criamos justamente para promover o desenvolvimento do setor da cultura, e para garantir a preservação desse patrimônio material e imaterial de Pirenópolis e de Goiás”, enfatizou.
“Patrimônio materializado na música, no folclore, na arquitetura e nas demais artes. Quando resolvemos criar esse festival ouvimos Pompeu, Ita e Alaor, e tantos outros ícones da cultura pirenopolina”, completou, ressalvando que o Canto da Primavera promove, também, a movimentação do turismo.
“Pessoas vêm de todos os cantos de Goiás e do Brasil para assistirem ao espetáculo de cantores e artistas de altíssimo nível e qualidade”, observou.
Marconi lembrou que em suas gestões o Cine e o Teatro Pireneus foram restaurados, bem como a Igreja Matriz de Pirenópolis.
Secretária estadual de Educação, Cultura e Esporte, Raquel Teixeira afirmou que Goiás vive hoje os frutos de investimentos continuados na área da cultura.
“Todas as esferas da cultura goiana são reconhecidas nacional e internacionalmente. Em todas as áreas temos tido êxito, graças ao compromisso do governador Marconi”, frisou.
Prefeito de Pirenópolis, João do Léo agradeceu a Marconi pelo carinho, apoio e tamanha dedicação e investimentos em Pirenópolis e na área da cultura. O músico Ricardo Leão fez a apresentação de hoje do festival. Participaram do evento o superintendente de Ação Cultural Nasr Chaul, parlamentares e autoridades políticas da região.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here