Governo de Goiás abre inscrição para 2.016 moradias em Valparaíso, Cidade Ocidental e Luziânia

0
255
A meta estabelecida pelo governador Marconi Perillo é para contratação de 30 mil unidades habitacionais até o final de 2018 em parceria com os municípios e a Caixa Econômica Federal

Em parceria com as prefeituras, o Governo de Goiás, por meio da Agência Goiana de Habitação (Agehab), lança nesta quarta-feira, dia 29, vários empreendimentos habitacionais com abertura de inscrições para mais de duas mil moradias contratadas pelo programa Goiás na Frente Habitação nos municípios de Valparaíso, Cidade Ocidental e Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Também será lançado nestes municípios o Goiás na Frente Terceiro Setor – Social, que irá inscrever os interessados em participar dos programas sociais do Governo de Goiás, a exemplo do Renda Cidadã e Cheque Reforma, prioritário para famílias com portadores de necessidades especiais.

A meta estabelecida pelo governador Marconi Perillo é para contratação de 30 mil unidades habitacionais até o final de 2018 em parceria com os municípios e a Caixa Econômica Federal, com investimento superior a R$ 1 bilhão. “Estamos preparando uma agenda intensa de entrega de empreendimentos habitacionais e também abertura de processos seletivos para moradias contratadas nesta nova fase do programa habitacional do Governo de Goiás”, ressalta o presidente da Agehab, Luiz Stival, que acompanhará a abertura das inscrições nestes municípios. Os investimentos para construção das 2.016 unidades habitacionais nestes três municípios chegam a R$ 240,5 milhões nas parcerias fechadas pelo Estado, que aportará R$ 30,2 milhões do Cheque Mais Moradia, o que possibilitará prestações mais acessíveis para as famílias beneficiárias.

A agenda de lançamento dos empreendimentos e abertura de inscrições para as famílias interessadas começa por Valparaíso, às 8 horas, no Ginásio de Esportes do Jardim Oriente. Em Valparaíso são 1008 unidades habitacionais, que serão construídas em diversos residenciais pela parceria Governo de Goiás e Caixa Econômica Federal, contratação direta das construtoras. A contrapartida do Estado para a construção desses moradias no município é de R$ 15,1 milhões em Cheque Mais Moradia. Outros R$ 123 milhões são provenientes do governo federal e de financiamento dos beneficiários.

Em seguida, às 10h30, a equipe da Agehab acompanha a abertura do processo de inscrições para 540 moradias em Cidade Ocidental, na Feira Coberta. As moradias serão construídas em várias etapas do Residencial Buritis, com aporte de R$ 8,1 milhões de recursos do Cheque Mais Moradia, do Governo de Goiás, R$ 12,5 milhões do governo federal e R$ 39,9 milhões de financiamento do beneficiário. O investimento total é de R$ 60,5 milhões na construção dessas moradias.

Em Luziânia, a abertura das inscrições está programada para 14 horas, também com a presença de Luiz Stival, no Centro de Convenções da cidade. O município será beneficiado com a construção de 465 unidades habitacionais, com investimento de R$ 7 milhões do Governo de Goiás e outros R$ 49,9 milhões provenientes do governo federal e do financiamento arcado pelos beneficiários.

A contratação pelo Governo de Goiás das 2.016 unidades habitacionais nesses três municípios que compõem a Rede Integrada de Desenvolvimento do Entorno do Distrito Federal representam investimento total de R$ R$ 240,5 milhões, dos quais R$ 30,2 milhões em Cheque Mais Moradia. Mais 372 unidades habitacionais estão em processo final de contratação nos municípios de Alto Paraíso e Luziânia.

Inscrições nas prefeituras
As moradias destinam-se à famílias com renda de até R$ 2,6 mil, que compõem a nova faixa do programa Minha Casa Minha Vida, denominada faixa 1.5. As inscrições podem ser feitas no site das referidas prefeituras. Mais informações sobre o processo seletivo também nos sites das prefeituras.

Assessoria de Imprensa Agehab.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here