Jataí e Niquelândia são inseridos no Internet para Todos

0
1222
Foto: Internet

A senadora Lúcia Vânia (PSB-GO) conseguiu inserir os municípios de Jataí e Niquelândia no programa Internet para Todos lançado pelo governo federal nesta semana em Brasília. O pedido foi atendido pelo ministro da Ciência e Tecnologia, Gilberto Kassab. O programa levará acesso à banda larga por meio de um satélite para locais sem conexão, como nas zonas rurais.

O Internet para Todos foi criado para atender localidades onde não há acesso à internet banda larga, como na zona rural. A conexão será feita por meio de um satélite brasileiro lançado no espaço em maio do ano passado. Ele tem capacidade para levar internet para todo o território do país. Segundo o ministro Kassab, esse é o maior projeto de inclusão social no Brasil. O programa beneficiará bairros distantes onde não há sinal de internet, além de fazendas e escolas rurais.

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

“A chegada do programa em Jataí e Niquelândia beneficiará toda a população, as escolas e o comércio dos municípios. Hoje, com o advento da tecnologia, a internet é fundamental para comunicação, para o trabalho e para a educação”, disse a senadora Lúcia Vânia. Relatório da Unicef aponta que a falta de acesso à internet gera exclusão social. Segundo o estudo “Situação Mundial da Infância 2017: as crianças em um mundo digital”, a internet e as novas tecnologias são capazes de melhorar a qualidade da educação e facilitam a entrada dos jovens no mercado de trabalho.

Segundo o superintendente de Ciência e Tecnologia de Jataí, Walber Leal, o Internet para Todos será importante para atender agricultores familiares e comunidades distantes do centro da cidade, o município já se cadastrou para receber o programa. As comunidades rurais de Niquelândia também serão beneficiadas. No local onde é festa do Muquém, uma das mais tradicionais comemorações religiosas do estado, não há internet e agora passará a contar com conexão banda larga com a chegada do programa.

A previsão do ministério é que os primeiros municípios beneficiados recebam a partir de maio as antenas que permitirão a conexão. A pasta espera que sejam instaladas 200 antenas por dia. Kassab disse que a conexão do satélite vai atender ainda os ministérios da Defesa, para o monitoramento das regiões de fronteira; Educação, para levar internet banda larga as escolas públicas; e Saúde, para instalação de internet em hospitais e postos de saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here