Governo federal anuncia liberação de R$ 253 milhões para o Programa Mais Alfabetização

0
1253
Foto: Divulgação

O presidente da República, Michel Temer, e o ministro da Educação, Mendonça Filho, anunciaram, nesta quarta-feira (28), a liberação de recursos para a implementação do Programa Mais Alfabetização. O investimento será de R$ 523 milhões nos próximos dois anos. A Undime estava presente na cerimônia, realizada no Palácio do Planalto, em Brasília.

Em 2018, serão liberados R$ 253 milhões, sendo R$ 124 milhões de forma imediata para escolas de estados e municípios em todo o país. A segunda parcela será liberada no segundo semestre de 2018, de acordo com o monitoramento e avaliação da execução do programa.

O presidente da Undime Região Centro-Oeste e presidente da Undime Goiás, Marcelo Ferreira da Costa, Dirigente Municipal de Educação de Goiânia, representou a instituição na cerimônia e agradeceu o apoio. “Alfabetizar as crianças na idade certa é um desafio para o nosso país, é garantia de qualidade para a educação no futuro e, para isso, precisamos ter políticas públicas adequadas. Esse importante apoio às escolas, principalmente àquelas mais vulneráveis, trará impacto para que nós possamos pensar a educação que nós queremos para o Brasil”.

“Precisamos melhorar urgentemente o processo de alfabetização. Hoje, mais da metade das crianças brasileiras, ao final do terceiro ano, não sabem ler. Com o Mais Alfabetização, o MEC fortalece o apoio às redes municipais e estaduais, além das próprias escolas, neste grande desafio”, disse o ministro Mendonça Filho. Ainda durante a cerimônia foi assinado termo de compromisso do Mais Alfabetização com prefeitos e secretários de educação.

O programa vai fortalecer e apoiar as escolas no processo de alfabetização dos estudantes no 1º e 2º anos do ensino fundamental. Segundo informações do MEC, 49 mil escolas que atendem 3,6 milhões de estudantes em 156 mil turmas do 1º e 2º anos do ensino fundamental em todo o país aderiram ao Mais Alfabetização.

Para o MEC efetivar a liberação dos valores, é necessário que as escolas que fizeram a adesão estejam com os dados cadastrais completos e atualizados no Simec e sem pendências em prestações de contas anteriores.

Reconhecimento

Durante a cerimônia, professores alfabetizadores e diretores de escolas com 90% ou mais dos alunos com resultados suficientes na Avaliação Nacional de Alfabetização (ANA) em leitura e matemática receberam um certificado de reconhecimento do MEC, assim como prefeitos, secretários e diretores de municípios com 80% ou mais dos alunos com resultados suficientes na ANA. Escolas dos municípios de Barra de Guabiraba (PE), Sobral (CE), Planalto Alegre (SC), Jucati (PE), Linhares (ES), Morrinhos (CE) e Goianésia (GO) foram receberam placas de reconhecimento.

Na oportunidade, o ministro Mendonça Filho divulgou, em primeira mão, o reajuste de 20% para o transporte escolar.

Leia mais: Parceria entre CGU e MEC amplia ensino de ética e cidadania nas escolas públicas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here