Acompanhado de ministros, prefeito Iris Rezende faz novas vistorias em obras na Capital

0
956
Fotos: Jackson Rodrigues

Na manhã desta quarta-feira, 4, o prefeito Iris Rezende, acompanhado dos ministro das Cidades, Alexandre Baldy, do ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, do deputado federal Daniel Vilela, do presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Andrey Azeredo, de vereadores e auxiliares, fez nova visita às obras do BRT Norte/Sul e também às obras de recuperação da Marginal Botafogo, que recebe intervenção em 17 pontos críticos da via.

Iris Rezende voltou a lembrar dos esforços envidados para que a obra do BRT fosse retomada depois de quase nove meses de paralisação e disse que provavelmente até outubro deste ano espera inaugurar o trecho norte da obra, que vai beneficiar cerca de 120 mil pessoas diariamente, moradores de aproximadamente 148 bairros de Goiânia.

De acordo com o cronograma, todo trecho do BRT, de cerca de 21 km, compreendido entre o terminal do Setor Recanto do Bosque, na região Norte de Goiânia, e o terminal Isidória, no Setor Pedro Ludovico, região Sul, deve ser entregue em outubro de 2020, prazo que poderá ser encurtado mediante acordo entre a Prefeitura de Goiânia e o Consórcio do BRT, na hipótese de o município obter recursos extras que lhe permitam antecipar os aportes de sua contrapartida.

Fotos: Jackson Rodrigues

Depois de vistoriar as obras do corredor exclusivo, a comitiva liderada pelo prefeito Iris Rezende seguiu para a Marginal Botafogo, na altura da alça de acesso da Avenida Contorno, no setor Central, onde são realizadas obras emergenciais de recuperação da via. Na oportunidade, o ministro da Integração Nacional, Helder Barballho, reafirmou que os recursos na ordem de R$ 7 milhões, destinados para a recuperação de cerca de 17 pontos críticos da Marginal, estão garantidos e já serão liberados.

As obras na marginal estão sendo realizadas pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Seinfra) e a previsão de conclusão dos trabalhos é de 60 dias. Com os recursos liberados pelo ministério da Integração Nacional será possível recuperar todos os pontos que apresentaram sinais de comprometimento depois das chuvas torrenciais do mês de março.

O prefeito disse, ainda, que depois da fase mais difícil da sua administração, que tem sido a busca do reequilíbrio financeiro da Prefeitura, a cidade vai agora experimentar um novo ciclo de prosperidade e que a população terá a oportunidade de assistir de forma mais clara e real o desenvolver de obras de infraestrutura em todas as partes da cidade. “Fizemos um compromisso com o povo de Goiânia e podem ter certeza que vamos cumprir. Goiânia está voltando a sorrir e vou fazer a melhor administração da minha vida”, garantiu Iris Rezende.

Fotos: Jackson Rodrigues

Além das obras do BRT e da recuperação da Marginal, o prefeito Iris Rezende busca recursos para outras obras de infraestrutura na Capital, como por exemplo, um empréstimo na ordem de US$ 100 milhões junto ao Banco Andino, o que vai viabilizar o projeto para a troca do asfalto de cerca de 600 ruas em 100 bairros da Capital.

Além disso, a Prefeitura aguarda o repasse dos recursos destinados pelo Governo Estadual, dentro do programa Goiás Na Frente, para o início das obras de ampliação do lado leste da Avenida Leste/ Oeste, que vai ligar Goiânia, a partir da Praça do Trabalhador, a Senador Canedo, cidade da região metropolitana. O projeto está orçado em R$ 70 milhões, dos quais R$ 35 milhões devem ser bancados pela própria Prefeitura de Goiânia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here