Daniel Vilela critica descaso com a Saúde no Entorno

0
1216

O deputado federal e pré-candidato do MDB ao governo de Goiás, Daniel Vilela, criticou nesta quinta-feira, em Águas Lindas, o descaso do governo de Goiás com a Saúde na região do Entorno do Distrito Federal. “A cidade tem um hospital regional que não termina nunca e, para piorar, o governo em março fez uma inauguração parcial: recepção e sala de espera. Mas as portas continuam completamente fechadas para a população.” Em Santo Antônio do Descoberto a situação é ainda pior, lembrou: “Lá a obra começou no início da década passada e ainda não foi entregue.”

O parlamentar passou o dia em visitas e reuniões em Águas Lindas ao lado dos pré-candidatos do MDB ao Senado, deputado federal Pedro Chaves e ex-vereador Agenor Mariano, e do pré-candidato a deputado federal Dr. Lucas Antonietti. Médico e sócio de uma clínica na cidade, Dr. Lucas é um dos empresários que ajuda suprir a demanda por atendimento em saúde, negligenciada pelo governo estadual. “Dr. Lucas se tornou uma personalidade em Águas Lindas por sua boa vontade em ajudar a população”, afirma Daniel Vilela.

O pré-candidato ao governo destacou a necessidade de se usar a tecnologia para agilizar as soluções dos problemas, e citou um exemplo: “Quando caiu uma tempestade em Goiânia que fez com que a Marginal Botafogo praticamente se transformasse num rio, encaminhei na hora um vídeo mostrando a situação para o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, e pedindo a colaboração da Defesa Civil. Ele imediatamente me respondeu que enviaria técnicos na manhã seguinte, e assim o fez. Feita a inspeção, poucos dias depois o ministério liberou R$ 7 milhões para obras emergenciais. Se fosse pedir uma audiência, ele demoraria dois meses para saber o que se passou.”

Daniel Vilela afirma que essa é a dinâmica que o Poder Público precisa adotar. “Tenho insistido no conceito de uma política de resultados, que leve soluções rápidas para a população e seja transparente quanto ao que está sendo feito. É isso que estamos propondo para Goiás e que apresentaremos no nosso plano de governo.”

Gerar renda

O emedebista também falou sobre a necessidade de se investir na indústria e no comércio do Entorno do Distrito Federal, e deu o exemplo de Aparecida de Goiânia. “Quando o prefeito Maguito Vilela assumiu, em 2009, Aparecida tinha cerca de 4 mil Cadastros Nacionais de Pessoa Jurídicas (CNPJs). Quando saiu, em 2016, já eram 40 mil. Isso significa movimentação financeira na cidade, com os cidadãos comprando e vendendo entre si e gerando dividendos para serem investidos ali, em benefícios para a comunidade. Esse passo precisa ser dado aqui no Entorno, com a colaboração do governo estadual.”

Para o parlamentar, o incentivo ao comércio local precisa ser acompanhado de programas de qualificação profissional intensiva, para permitir aumento de renda e qualidade de vida da população. Durante o dia em Águas Lindas, os pré-candidatos do MDB visitaram escolas, três unidades de saúde e o Centro de Pioneiros de Águas Lindas, onde é desenvolvido um programa de inclusão digital bancado com recursos da Embaixada da Suécia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here