Linha Direta | Indefinição de chapão preocupa tucanos

0
1452

A indefinição sobre a formação de um chapão que comporte todos os partidos da base aliada vem preocupando alguns deputados do PSDB que buscarão a reeleição, além de filiados do partido que buscarão eleger-se pela primeira vez ou voltar à Assembleia. O assunto, que deveria ter sido discutido entre deputados da base e o governador José Éliton em reunião na última semana, ficou para depois, não por falta de vontade de Eliton, que deverá ter trabalho neste assunto pela frente, mas sim por resistência da base, que

Clique aqui para ler a coluna em PDF

quer deixar a discussão para as convenções. Com muitos parlamentares, o PSDB precisará de ajuda de outros partidos para conseguir eleger ao menos o mesmo número de deputados, mas esta intenção vem sendo rechaçada por partidos como PTB, Pros, PSB e PP, que já anunciaram que lançarão chapas puras. Para forçar a adesão dos partidos, parte do PSDB defende que seja imposto aos aliados que a definição a ser tomada em relação a disputa pela Câmara dos Deputados, que deverá seguir com chapão, seja adotada em relação à Assembleia.

“Não tenho mais salário. Não sou mais governador” Marconi Perillo, ao ser questionado do porquê de alguns membros de OS ganharem salário mais alto que o dele

Objetivo

O ex-prefeito de Senador Canedo Vanderlan Cardoso (PP) continua com ideia fixa na disputa pela Prefeitura de Goiânia em 2020. Em conversa com aliados, ele continua apontando defeitos na gestão do prefeito Iris Rezende (MDB).

Adversário?

Tudo indica que, conforme adiantado pela coluna, ele estará firme na disputa pelo Paço. Porém, o empresário pode enfrentar um adversário dentro do próprio partido: Alexandre Baldy, que também considera concorrer a prefeito daqui a dois anos.

Redes

O deputado federal Daniel Vilela (MDB) passou a investir mais em redes sociais nas últimas semanas, tanto em seu perfil pessoal quanto no perfil oficial de seu partido. As postagens, padronizadas, contam com patrocínio.

Lívio

O deputado estadual e ex-emedebista Lívio Luciano, que recentemente se filiou ao Podemos, vem sendo cotado para ser o vice do senador Ronaldo Caiado (DEM). As negociações se iniciaram há algumas semanas e avançaram muito nos últimos dias.

Respaldado?

Quem acompanha a política goiana sabe que Lívio Luciano é primo do prefeito Iris Rezende (MDB) e que não realiza nenhuma movimentação política sem consultar e ter o respaldo do ex-governador goiano. Iris que, recentemente, anunciou apoio à candidatura de Daniel Vilela.

1 Quinteto

O PP, que se fortaleceu na última janela, buscará eleger até cinco deputados federais nas eleições de outubro, dependendo das articulações em torno das candidaturas dos partidos da base aliada neste ano. A previsão é do presidente da legenda Alexandre Baldy.

2 Articulando

A quantidade de parlamentares com chances de eleição dependerá das negociações de Baldy que, recentemente, lançou o nome de sua esposa, Luana Limírio Baldy, como possível nome para a disputa ao Senado na chapa da base aliada.

3 Nomes

Caso não se concretize esta intenção do ministro, Luana poderá concorrer a uma cadeira na Câmara ao lado dos atuais deputados federais Roberto Balestra, Sandes Júnior, Heuler Cruvinel, que veio do PSD, e Professor Alcides, que chegou do PSDB.

Fiel

“O nosso projeto veio para ficar. A nossa pré-candidatura sempre esteve firme e forte, junto com a do senador Ronaldo Caiado, nosso futuro governador”. Palavras de Luiz Sampaio, da base cabalista em Catalão, que almeja disputar uma vaga à Assembleia. Sampaio continua o seu périplo pelo interior, arregimentando lideranças e ajudando a consolidar a frente oposicionista Unidos para Mudar Goiás. Foi ele quem manteve em movimento a bandeira da mudança, durante o período em que Caiado se convalescia de um acidente.

Bloqueio

O ex-prefeito de Anápolis Antônio Gomide (PT) teve seus bens bloqueados pela justiça goiana por irregularidades na obra da Câmara Municipal daquela cidade.

Bloqueio II

Além de Antônio Gomide, quem também teve os bens bloqueados foi o ex-prefeito João Gomes, que deixou o PT para seguir para o PSDB no último ano, após deixar a prefeitura.

Estranho

Aliados próximos do governador José Eliton (PSDB) vêm estranhando a resistência tanto de PP quanto de PSD em anunciar apoio a candidatura do tucano.

Militar

José Eliton que se encontrou com diversos coronéis da Polícia Militar na última semana, demonstrando força junto ao comando da cúpula da corporação.

Praças

Aliados do senador Ronaldo Caiado, entretanto, comemoram o apoio que o democrata tem recebido da tropa da PM, notadamente de soldados, cabos e sargentos.

Engoliram

Deputados estaduais da base aliada não gostaram, mas tiveram que aceitar a redução do valor combinado anteriormente, com Marconi, das emendas parlamentares.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here