“O Goiás na Frente é uma agenda da cidadania”, diz José Eliton

0
1130
Foto: Wildes Barbosa

O governador José Eliton afirmou nesta terça-feira (15), em pronunciamento durante o Simpósio de Prestação de Contas do Goiás na Frente, que todas as etapas do programa estão dentro do cronograma e que o encontro, que teve a participação de prefeitos ou representantes de mais de 200 municípios, visa tornar a liberação de recursos ainda mais ágil. “O Goiás na Frente é uma agenda da cidadania”, disse José Eliton.

A iniciativa desta tarde teve como objetivo orientar prefeitos a prestar contas adequadamente dos recursos do programa Goiás na Frente e, assim, propiciar mais agilidade no pagamento aos municípios. “Com a medida, liberamos de maneira mais ágil as demais parcelas do programa Goiás na Frente”, afirmou o governador. “É simbólico realizar o evento aqui no TCE-GO porque demonstra a nossa transparência ao realizar o Goiás na Frente”, observou.

O governador afirmou ainda que o programa é o “grande legado de Marconi Perillo” e que o foco de seu trabalho será sempre “o ser humano”. “Este é um programa referência para o Brasil”, reforçou. Segundo a Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan), que afere periodicamente a execução do programa de governo, 80% do Goiás na Frente estão concluídos ou em andamento.

O Programa Goiás na Frente, lançado no dia 30 de março de 2017, e coordenado pelo governador José Eliton, na época vice-governador do Estado, reúne investimentos da ordem de 9 bilhões, sendo R$ 6 bilhões do governo e R$ 3 bilhões advindos da iniciativa privada, e com alcance a todos os 246 municípios do Estado.

Uma das vertentes do programa é o apoio aos municípios por meio de convênios assinados entre a Prefeitura e a Secretaria de Governo do Estado (Segov). Até o momento, o programa Goiás na Frente tem 303 convênios aprovados junto a 222 municípios. Desses, 231 já foram assinados com 187 municípios. Os convênios aprovados somam R$ 441,3 milhões; e os assinados, R$ 348,6 milhões. O total previsto para investimentos no apoio aos municípios é de cerca de R$ 570 milhões.

Pelos convênios, o governo repassa diretamente aos municípios recursos para investimentos em obras de pavimentação asfáltica, recapeamento, praças públicas e outros equipamentos de lazer, esportes, educação, saúde e outras áreas. “O programa tem números robustos que mostram a seriedade deste que é o maior programa municipalista do Brasil”, disse o secretário de Governo, João Furtado. “Já repassamos mais de R$ 355 milhões em convênios assinados aos municípios”, completou. Ele também reforçou que os prefeitos escolheram por cada obra feita no Estado.

O Simpósio de Prestação de Contas do Goiás na Frente tem como objetivo orientar os prefeitos e suas equipes a prestar contas adequadamente dos recursos do programa Goiás na Frente. “A correta prestação de contas vai propiciar mais agilidade no pagamento dos recursos aos municípios, liberando as demais parcelas o mais rápido possível”, informou o governador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here