José Eliton critica “moeda de troca na política”

0
939
Foto: Wagnas Cabral

Durante discurso no Basileu França nesta segunda-feira, onde palestrou, o governador José Eliton (PSDB) condenou práticas partidárias ultrapassadas que visam assegurar espaços nos governos. Afirmando que a sociedade percebe os “tempos tristes da política brasileira” e exige novas práticas políticas, o tucano defendeu que o momento é de uma agenda nacional e estadual muito mais focada em resultados. Frisou considerar ser “triste” os “resquícios de um passado patrimonialista da nação brasileira”.

O governador condenou uma prática ainda na política: “Nós temos o exemplo clássico do que há de mais pernicioso para construir o estado que almejamos: a busca incessante, através do pragmatismo político, pela discussão de ocupação de espaços de governo, para se discutir formação de composições partidárias. Nada mais retrógrado, mais ultrapassado”, criticou.

Foto: Wagnas Cabral

Para José Eliton tal tipo de discussão é para aqueles “que acham que a sociedade não muda, não avança” e não observam “a nova realidade”.  Sobre tal entendimento da ocupação de espaços, o governador alertou: “Aqui em Goiás esta prática será banida, não vamos caminhar neste sentido”, disse. “Aqueles que quiserem se unir, pensar e sonhar um estado melhor, o farão por convicção, não por moeda de troca”, assegurou, dizendo que os governantes têm que ter a coragem de mudar “mesmo que isso tenha ‘efeitos danosos’ do ponto de vista política. ”

Depois, em entrevista coletiva, o governador José Eliton (PSDB) voltou a criticar práticas políticas obsoletas em Goiás e no Brasil. Questionado se suas afirmações eram um recado aos partidos políticos, para o processo eleitoral deste ano, Eliton disse:  “Não, acho que esse é um pensamento que eu tenho muito forte. Não é possível você construir uma base programática, com base em uma política arcaica, do passado, que visa apenas, e tão só, ocupação de espaços”, disse. “Acho que é importante você ter compromissos ideológicos, compromissos com projetos, alicerçado em bases programáticas sólidas”, frisou.

José Eliton assegurou sua meta política: “Quero construir uma base de governabilidade importante, que dê sustentação política – porque no modelo republicano que nós temos é importante – mas, acima de tudo, uma base que dê resultado para as pessoas, que atue em favor dos cidadãos”, enfatizou.  “Com corpo técnico adequado, com estrutura adequada, para que nós possamos construir uma nova política em Goiás”, completou, detalhando o posicionamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here