“Quando o político é honesto, o dinheiro do povo rende e as obras acontecem”, diz Ronaldo Caiado em Goianésia

0
935
Foto: Divulgação

Ao lado de prefeitos do MDB e de lideranças de 50 municípios do Vale do São Patrício e regiões próximas, o senador Ronaldo Caiado (Democratas) participou neste sábado (09/06) em Goianésia de mais um encontro do bloco de oposição Unidos para Mudar Goiás. A cidade é comandada pelo prefeito do MDB, Renato de Castro.

Aos presentes ao encontro, Ronaldo Caiado afirmou que o compromisso do político é com o bom uso do dinheiro público para atender às necessidades dos cidadãos. “Quando o político é honesto, o dinheiro do povo rende e as obras acontecem. Político tem de ter humildade e não ter a prepotência de achar que todos têm de se curvar a ele. Governante é funcionário do povo para trabalhar 24 horas por dia. Não é para fazer patrimônio e se enriquecer”, afirmou o democrata.

Neste encontro de Goianésia, todos os prefeitos do MDB que declararam apoio ao senador em março deste ano na Assembleia Legislativa marcaram presença, além do deputado estadual José Nelto (Podemos). Os emedebistas reforçaram o apoio à pré-candidatura do democrata ao governo de Goiás e demonstraram confiança em discutir na convenção do partido a possibilidade de coligação com Ronaldo Caiado.

Em seu discurso, Ronaldo Caiado reconheceu o apoio que sempre recebeu do MDB. “A gratidão é algo que é muito forte em mim. O MDB me deu a mão. Me acolheu na chapa para ser candidato ao Senado. Marchamos juntos. Quando muitos dispersaram no segundo turno das eleições municipais, eu estava lá. Nunca tive outro plano que não fosse Iris Rezende para a Prefeitura de Goiânia”, enumerou.

Ronaldo Caiado também aproveitou o momento para criticar a postura de adversários em alimentar notícias falsas contra ele. “Perderam a compostura. Bateu o desespero e saíram para o jogo sujo das fake news. Querem nos rotular mas sou médico há 43 anos e sempre me dediquei a salvar vidas. Tenho orgulho de entrar no centro cirúrgico e depois reconhecer aqueles que recuperei. É trabalhando com altivez que hoje posso mostrar o que já fiz pelos mais humildes”, afirmou.

Segundo Ronaldo Caiado, sua atuação na política é semelhante à forma como exerce a Medicina. “Eu faço Medicina sabendo o nome do meu paciente e exatamente o que ele tem. É assim que tem de fazer governo, sabendo qual a realidade de cada município. Nós temos de ter uma responsabilidade maior com saúde da população, que espera de nós qualidade no atendimento”, lembrou.

Apoio – Anfitrião da festa, o prefeito Renato de Castro destacou o empenho pela pré-candidatura do senador Ronaldo Caiado ao governo e justificou que a escolha deveu-se, acima de tudo, à sua trajetória sem máculas e de muitos serviços prestados a Goiás.

Foto: Divulgação

“É um motivo de alegria poder ser anfitrião dessa grande festa da democracia. De quatro em quatro anos os políticos têm de renovar sua licença junto à população, através do voto. É a oportunidade de tornar vencedores aqueles que são realmente merecedores. Por isso escolhemos alguém com passado imaculado para disputar o governo de Goiás”, explicou.

O emedebista lembrou que, juntamente com outros prefeitos do MDB, tem comandado um movimento em Goiás de apoio ao democrata e que ainda acredita que seu partido irá unir forças a ele nestas eleições, contrariando as expectativas do atual governo.

“O governo tem usado a mesma estratégia há muitos anos. Faz um governo ruim, chega ao fim do mandato sem credibilidade e usa a estratégia de dividir a oposição para vencer. Ainda tenho fé na união da oposição e acredito que o MDB, meu partido, virá conosco. Queremos trazer a esperança de um futuro melhor”, ressaltou.

Ao usar a palavra, o ex-vereador de Goianésia, Manoel de Castro (MDB), o Fião, também destacou a confiança na seriedade do senador para trazer ao Estado a perspectiva de mudanças positivas. Fião é pai do atual prefeito de Goianésia e importante liderança política do município.

“É com muita alegria que estamos aqui hoje para receber essa multidão de lideranças que vieram trazer apoio a Ronaldo Caiado. Sabemos que nosso futuro governador é solução para consertar Goiás. É por isso que a população está decidida a dar esse apoio. Temos confiança de que o senador administrará o Estado com seriedade. A população está cansada de ser decepcionada e procura uma pessoa séria e ficha limpa. Vamos elegê-lo no primeiro turno”, disse.

Foto: Divulgação

Adib convida Pedro Chaves a ser vice de Ronaldo Caiado

O prefeito Adib Elias (MDB) fez um discurso a favor da união entre o MDB e o Democratas nas eleições deste ano e conclamou o colega de partido Pedro Chaves, que é pré-candidato ao Senado, para compor chapa com Ronaldo Caiado representando toda a região Norte e Nordeste.

“O prefeito de Santa Terezinha, Marcos Cabral, falou que MDB deu oportunidade ao Norte e Nordeste para participar da chapa de Ronaldo Caiado. E aqui eu coloco, acatando a opinião dele, o nome de Pedro Chaves para compor a chapa de Ronaldo Caiado. É assim que se faz política. Com decência, lealdade e companheirismo”, disse Adib Elias.

O prefeito, no entanto, não deixou de comentar as dificuldades enfrentadas dentro do partido. Adib Elias garantiu que ficará na legenda defendendo o posicionamento a favor de Ronaldo Caiado. “Nunca fui encabrestado. Fui decente, leal ao meu partido. Não vou filiar ao Democratas. Não vou sair do MDB porque não tem homem de Jataí que tire alguém que se filiou ao MDB em 1971”, disse.

Aos presentes no evento, Adib Elias falou que irá ganhar na Justiça uma liminar contra a sua suspensão do MDB. “Vou ganhar a liminar  e desmoralizar essa gente. Perdemos as eleições em 1998, realmente. Mas depois perdemos para nós mesmos, por erros do MDB. Colocamos sapato de salto alto. O povo cansou de nós no interior. O MDB apanhou e gostou de apanhar. É a Síndrome de Estocolmo”, comparou.

Ex-presidente da legenda, Adib Elias questionou o que o novo comando da sigla trouxe realmente de renovação. O emedebista lembrou que em seus dois mandatos conseguiu eleger 60 prefeitos nas eleições municipais. A situação, contudo, mudou na atual gestão.

“Disseram que o MDB tinha de renovar. E temos hoje 32 prefeitos do partido. A maioria absoluta vai em poucos dias declarar apoio a Ronaldo Caiado e ao senador Wilder Morais (Democratas)”, garantiu.

Ernesto Roller critica perseguição a prefeitos que apoiam Ronaldo Caiado

Em um discurso em tom de críticas, o prefeito de Formosa, Ernesto Roller (MDB), lamentou que os prefeitos do partido que apoiam Ronaldo Caiado para a disputa estadual estejam sendo vítimas de perseguição.

“Todos sabem que estamos sendo vítimas de um coronelismo dentro do MDB. Tem um coronel de fralda que quer que o apoiemos a qualquer custo e a qualquer preço. Aqui tem prefeitos que enxergam na candidatura de Ronaldo Caiado a redenção desse Estado. Enxergam uma nova política no Estado, em que o governador tenha posição. Em que o governador não jogue para a plateia, mas que trabalhe para melhorar a vida das pessoas”, afirmou.

O prefeito garante que a escolha por Ronaldo Caiado leva em consideração os anseios da população, mas também do partido que o abriga. “Definimos levando em conta o anseio do partido, que há muitos anos deixou o poder exatamente por postura de cúpula que não sabe escutar a base. Política se faz com espírito público, com compromisso de melhorar a vida das pessoas que acreditam  no poder público como instrumento de transformação”, assegurou.

Ernesto Roller também destacou que não há traição à sigla, uma vez que é natural que discussões em torno de nomes ocorram durante o período pré-eleitoral. “Não estamos contrariando MDB porque o partido não deliberou em convenção. Levaremos a proposta de coligação com Ronaldo Caiado. Querer colocar mordaça e cabresto é preciso crescer muito. Estamos acompanhando o anseio do povo de Goiás. Ele não faz acordo com a sacristia, como tem gente fazendo na política em Goiás”, complementou.

Interferência

O deputado estadual José Nelto (Podemos) mencionou em seu discurso a tentativa do atual governo de dividir a oposição. “Fizemos de tudo nestes últimos dois anos para garantir a unidade da oposição. Mas concluímos que tinha gente no MDB aceitando ordens do Marconi Perillo. Diferente de nós, que apoiamos Ronaldo Caiado e que não aceitamos que Marconi Perillo nos dê ordem. Com ele vamos nos acertar nas urnas”, disse.

Durante a sua fala, José Nelto lembrou ainda do momento em que decidiu, junto com prefeitos do MDB, apoiar a pré-candidatura de Ronaldo Caiado ao governo. O movimento repercutiu em todo o Estado e permitiu ao senador angariar importantes apoios no interior e na capital.

“Dia 20 de março foi dia histórico em Goiânia. Esse grupo bateu na mesa e falou que marcharia com Ronaldo Caiado para por fim à corrupção, ostentação e mentiras. Isso que nós queremos. A eleição não está ganha. Essa só depois da apuração. Mas vamos trabalhar para dar a vitória a Ronaldo Caiado no primeiro turno”, garantiu.

Municípios serão tratados com respeito, dizem prefeitos do MDB sobre Ronaldo Caiado

Os prefeitos do MDB que estiveram neste sábado em Goianésia e destacaram a expectativa por um governo que respeite os cidadãos e se que preocupe com as áreas prioritárias da administração, como a saúde e a educação.

Médico assim como Ronaldo Caiado, o prefeito de Rio Verde, Paulo do Vale (MDB), afirmou que a população espera no senador a oportunidade de mudar a realidade da saúde em Goiás.

“A população está cansada de ir aos hospitais e não ter atendimento. Sou médico e sei que maior angústia de uma família é ter um parente doente que não é atendido. Mas com Ronaldo Caiado será diferente. Está nas nossas mãos fazer as mudanças que queremos. Ronaldo Caiado pode contar com Rio Verde e a toda a região Sudoeste”, disse.

A mesma expectativa tem o prefeito de Catalão, Adib Elias (MDB), também médico. “Sou médico e não quero mais ver o povo goiano e suas crianças morrerem por falta de UTI. Ou um idoso morrer por falta de remédio de alto custo. Eu sou Ronaldo Caiado porque quero um Estado melhor. Porque quero um Brasil melhor. O Brasil não vota em ninguém que estiver envolvido em Lava Jato”, afiançou o emedebista.

Prefeito de Turvânia, Fausto Mariano (MDB) destacou a necessidade de os prefeitos se posicionarem neste momento do processo democrático em favor de Ronaldo Caiado. Segundo o emedebista, hoje muitos prefeitos sofrem pressão para apoiar o atual governo em troca de convênios de obras para a população – que nem sempre se concretizam e ficam apenas nas promessas.

“Dizem por aí que prefeitos muitas das vezes não podem ter posição porque tem de aguardar convênios. E aí estamos há 20 anos Goiás nessa situação. Nós prefeitos aqui mostramos que não é bem assim. Prefeito tem de ter posição porque é líder político. São R$ 19,5 bilhões que nosso próximo governador herdará de dívida do atual governo. A saúde está o caos. Marconi Perillo tem sido processado por não ter aplicado o mínimo em saúde. Nós somos prefeitos e sabemos das dificuldades”, testemunhou.

Entorno do DF

Representando o Entorno do Distrito Federal, o ex-prefeito de Luziânia Marcelo Melo reafirmou a sua confiança de que Ronaldo Caiado fará para a região o que o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) não fez em 20 anos.

“Marconi Perillo sempre fez do Entorno seu curral eleitoral. O Entorno manda dizer a Ronaldo Caiado que agora tudo mudou. Nós queremos mudar Goiás com sua presença no governo, realmente olhando para essa região como nenhum olhou. Fazendo obras conjunturais, como você fará com Frejat, pré-candidato ao governo do Distrito Federal, para resolver de vez o problema do transporte do Entorno. Não podemos jogar sujeira para debaixo do tapete”, defendeu.

No discurso, ele mencionou também o problema da segurança pública que o Entorno enfrenta. “É pavoroso ver como a segurança pública está no Entorno. Não há menor condição de sair às ruas. É preciso um governador com mão pesada para resolver o problema”, disse, ressaltando o entusiasmo com que a população tem recebido o nome do democrata. “Essa campanha a cada dia empolga mais. Fiquei surpreso de ver a recepção ao senhor lá. Será um governo sério, transparente, que orgulha as pessoas por ser ficha limpa”, assegurou.

Mais uma vez presente em encontro do bloco Unidos para Mudar Goiás, o senador Wilder Morais mencionou o orgulho de caminhar por todo o Estado ao lado de Ronaldo Caiado. Wilder Morais é pré-candidato à reeleição e um dos senadores que mais contribuiu com recursos para ajudar os prefeitos a administrarem as suas cidades.

“Tenho orgulho de ser político. Nesta eleição teremos oportunidade de separar quem é o político que quer vantagem e quem quer ajudar o povo. Por isso vim para o lado de Ronaldo Caiado. Goiás tem orgulho de dele e o quer como governador”, elogiou.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here