“Faço a política do respeito, não a política do atraso”, diz José Eliton em Santa Helena de Goiás

0
1826
Foto: Wagnas Cabral

Governador disse que as ações na área da Educação possibilitaram que Goiás saltasse da 16ª posição no Ideb para as primeiras posições. Ele prometeu para amanhã anunciar o valor do piso salarial para os professores

Um conjunto de benefícios sociais, com foco nas áreas de Educação e Habitação, foi entregue hoje de manhã pelo governador José Eliton à comunidade de Santa Helena, no Sudoeste do Estado. Em clima de Copa do Mundo, o governador foi recebido ao som de vuvuzelas por alunos da rede estadual de ensino e beneficiários dos programas sociais do governo, no auditório do da UEG local.

Mesmo enfrentando problemas com o mau tempo, o governador se esforçou para estar presente em Santa Helena, onde assinou atos e entregou benefícios. José Eliton afirmou que Goiás dá exemplo para o Brasil de que é possível enfrentar crises, entregando obras e benefícios. “A crise se abate com maior intensidade nas pessoas mais simples, mais humildes”, afirmou, ao justificar a existência de programas sociais como o Renda Cidadã: “Só sabe o que é crise quem passa dificuldades”.

Em sua fala, disse que faz a “política do respeito”, sem pegar o microfone para falar mal das pessoas, porque “essa é a política do atraso”. Também disse que não faz surpresa pra ninguém: “Meu governo será assim hoje e será assim amanhã”.

Em relação à entrega de computadores, o governador disse que é uma “enorme janela” para o conhecimento. Ações como esta, enfatizou, possibilitaram que Goiás saltasse da 16ª posição no Ideb para as primeiras posições. Ele prometeu para amanhã anunciar o valor do piso salarial para os professores.

Sobre o aeroporto local, explicou que o espaço está sendo entregue ao município. Em primeira mão, adiantou ao prefeito João Alberto que está consolidada a superação de todos os entraves para assinatura do convênio. Reforçou que mesmo sendo o prefeito filiado ao um partido que não faz parte da base do governo tem com ele uma relação institucional de alto nível, porque essa é a filosofia de governo.

Foto: Wagnas Cabral

Na solenidade, José Eliton entregou 84 computadores a 14 escolas da rede estadual daquela regional de Educação, além de kits de Merenda Escolar para duas escolas de tempo integral.

Na oportunidade, assinou ordem de serviço determinando Agência Goiana de Habitação (Agehab) a celebração de convênio com a Associação Amigos do Lar de Idosos São Vicente de Paulo para viabilização da reforma e ampliação da sede da entidade.

Na companhia do presidente da Agehab, Cleomar Dutra, o governador entregou cartões do Renda Cidadã a novas famílias beneficiárias.  Com os novos cartões, Santa Helena passa a contar com 631 famílias atendidas pelo programa, com investimentos da ordem de R$ 67 mil mensais do Governo do Estado.

Na mesma solenidade, o governador José Eliton, ao lado do secretário de Educação, Marcos das Neves, entregou 84 computadores a 14 escolas da rede pública estadual de Santa Helena, Acreúna, Maurilândia, Porteirão e Turvelândia. Até agora, o governo já entregou, por meio da Seduce, 1.806 computadores em 5 regionais de educação, contemplando escolas de 37 municípios, além dos NTEs. Ainda em Santa Helena, foram entregues Kits de Merenda Escolar a 470 alunos dos Centros de Educação em Período Integral (Cepis) Alcides Rodrigues e José Salviano de Azevedo.

O prefeito João Alberto afirmou que o Brasil não passa por um bom momento e as prefeituras vivenciam a crise. Ele apresentou ao governador demandas do município, como a municipalização do aeroporto e o apoio na reforma do Lar de Idosos São Vicente de Paulo e a superação dos entraves para assinatura do convênio do programa Goiás na Frente. “Agradeço a presença do governador que ora abrilhanta a nossa solenidade”, encerrou.

Foto: Wagnas Cabral

Acompanharam o governador em Santa Helena o secretário João Furtado (Segvov), Cleomar Dutra (Agehab), deputado estadual Lissauer Vieira (PSB), os prefeitos Edmar Neto (Acreúna), Itamar Leão (Sanclerlândia), José de Sousa Cunha (Porteirão), Reila Farias (Turvelândia), Edjane Alves (Maurilândia), Joaquim Miranda (Teresina de Goiás) e Paulo Sérgio de Rezende (Hidrolândia), que representou o ex-governador Marconi Perillo, o ex-senador Demóstenes Torres e a ex-secretária estadual de Educação Raquel Teixeira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here