Lúcia Vânia vai acompanhar cumprimento de meta 1 do PNE

0
543
Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) realiza sabatina de indicação para o cargo de diretora da Agência Nacional do Cinema (Ancine). Em pronunciamento, presidente da CE, senadora Lúcia Vânia (PSB-GO). Foto: Pedro França/Agência Senado

A primeira meta do Plano Nacional de Educação (PNE), que trata da universalização da educação infantil na pré-escola para as crianças de quatro a cinco anos de idade e a ampliação da oferta de educação infantil em creches, será a política pública analisada pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal. A presidente do colegiado, senadora Lúcia Vânia (PSB-GO), propôs a avaliação do plano.

A parlamentar goiana avalia que o Brasil está longe de cumprir as metas para a educação infantil. “O que se viu foi uma expansão muito lenta do atendimento na pré-escola: 5% ao ano entre 2012 e 2015”, disse Lúcia Vânia. Para a senadora goiana os objetivos definidos no Plano servem para que os parlamentares, a Comissão de Educação e o Congresso lutem e cobrem pelo cumprimento das metas.

“A promoção da igualdade no acesso à infraestrutura educacional deve constituir a nova fronteira da política educacional brasileira, envolvendo mecanismos de busca alcançar as crianças da primeira infância”, afirmou. A senadora acrescenta ainda que a educação de zero a seis anos de idade é crucial para o desenvolvimento das sociedades futuras. “Precisamos valorizar a educação no nosso País e investir na carreira dos nossos educadores. Somente assim chegaremos ao futuro que queremos”, afirmou a parlamentar.

Sob o comando da senadora goiana, a Comissão de Educação tem realizado diversas ações e audiências públicas para discutir a formação de educadores na primeira infância e mudanças estruturais no ensino. Os três anos de vigência do PNE já foram discutidos pela CE. Na ocasião, especialistas avaliaram que para cumprir as metas do plano o Brasil deve voltar as atenções educacionais para os mais pobres.

A parlamentar goiana também está trabalhando para a retomada de obras em creches paralisadas em Goiás e em todo o país. Obras em Mineiros, Aparecida de Goiânia, Valparaíso de Goiás, Rio Verde e Niquelândia foram retomadas. Lúcia Vânia também está articulando a retomada de obras de quinze unidade de Goiânia e seis de Anápolis.

Em 2017, o Pronatec foi avaliado pela Comissão de Educação. O relatório final apontou falhas na fiscalização e na execução do programa; dados não confiáveis sobre o número de alunos que abandonam os cursos de qualificação; o não alcance de metas e a disparidade de cursos em relação às necessidades do mercado de trabalho. O colegiado realizou audiências públicas e apresentou sugestões de aperfeiçoamento do programa.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here