José Eliton defende o meio ambiente e a preservação dos rios goianos

0
452
Foto: Wildes Barbosa

Governador defendeu a transformação do Araguaia numa espécie de “rio escola”, estratégico para a formação do espírito de preservação ambiental dos goianos

O governador José Eliton passou o dia de hoje visitando acampamentos de pescadores e visitantes do rio Araguaia, em Aruanã, em uma cruzada para a defesa da sustentabilidade ambiental e pela preservação dos rios goianos e da bacia do rio Araguaia, uma das mais importantes do Estado.

A primeira atividade de José Eliton hoje de manhã, em Aruanã, foi plantar mudas de árvores típicas da mata ciliar do rio, numa área próxima onde está instalado o batalhão do Corpo de Bombeiros Militar na cidade. Ele foi recepcionado por um grupo de bombeiros e guardas florestais mirins, com os quais tirou fotos e discorreu sobre a importância de preservar o Araguaia que, ao lado do Tocantins e Paranaíba, são os três principais rios de Goiás.

Foto: Wildes Barbosa

O governador parabenizou o Corpo de Bombeiros e o Batalhão Florestal pelo trabalho educativo que desempenham, na perspectiva de formar nas crianças, adolescentes e na população em geral o espírito preservacionista. “Goiás hoje é um Estado referência de desenvolvimento sustentável”, disse Eliton, ao destacar o esforço do governo pela proteção das bacias hidrográficas do estado e de ampliação das áreas de preservação ambiental.

A muda de ipê plantada hoje por José Eliton simboliza o cumprimento da meta estipulada pela Secretaria de Meio Ambiente e Cidades (Secima) de plantar no primeiro semestre deste ano 500 mil mudas de árvores em Goiás e 1 milhão até o final do ano.

Nos acampamentos por onde passou, acompanhado do ex-governador Marconi Perillo, dos prefeitos Hermano de Carvalho (Aruanã), e Carlos Alberto Andrade, do deputado federal Giuseppe Vecci e do estadual Francisco Oliveira, José Eliton defendeu a transformação do Araguaia numa espécie de “rio escola”, estratégico para a formação do espírito de preservação ambiental dos goianos.

Ele almoçou no acampamento dos servidores da Caixa Econômica Federal, onde foi recepcionado pela superintedente da Caixa em Goiás, Marise Fernandes.

Foto: Wildes Barbosa

O rio dos goianos – O rio Araguaia nasce nos municípios de Mineiros (GO) e Alto Taquari (MT) e forma a divisa natural entre Goiás, Mato Grosso, Tocantins e Pará.  Compreende uma das principais bacias hidrográficas do centro-oeste, a bacia hidrográfica Araguaia-Tocantins.

Ele conta com uma extensão total de 2.114 quilômetros. Em seu percurso, seus meandros delimitam juntamente como os do rio Javaés, a maior ilha fluvial do mundo, a do Bananal, onde estão localizados o Parque Nacional do Araguaia e o Parque Indígena do Araguaia.

Foto: Wildes Barbosa

No ano de 2012, o então governador Marconi Perillo sancionou o projeto de lei nº 4 418/11, denominado “Cota Zero”, aprovado pela Assembleia Legislativa. O projeto de autoria do deputados estaduais Frederico Nascimento e Lucas Calil estabeleceu tolerância zero para o transporte de pescado nos cursos d’água goianos que estiverem restritos à pesca esportiva. Uma boa iniciativa para a reposição do estoque pesqueiro.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here