Agehab, Caixa e Prefeitura convocam beneficiários do Jardins do Cerrado 10 para assinatura de contrato

0
776
Foto: Sérgio Willian

 

A Agência Goiana de Habitação (Agehab), Caixa Econômica Federal e a Prefeitura de Goiânia convocam as famílias beneficiadas com moradias no Condomínio Ulysses Guimarães – Jardins do Cerrado 10, localizado na região oeste da Capital, para assinar os contratos de financiamento habitacional.  A assinatura será realizada nesta quinta-feira (2/8), das 8h às 18h, no Paço Municipal, situado no Park Lozandes. O Governo de Goiás, por meio da Agehab, é responsável pelo cadastro de 30% das 1.080 unidades habitacionais construídas, com previsão de entrega ainda este mês. Da demanda de 324 moradias, foram aprovados pela Caixa 300 cadastros, sendo que 12 deles ainda não fizeram a vistoria das habitações.

Foto: Sérgio Willian

O presidente da Agehab, Cleomar Dutra, alerta que esses beneficiários que ainda não fizeram a vistoria devem procurar a Prefeitura até a próxima semana, ou será chamado o próximo na lista de espera. Cleomar Dutra reforçou a importância de deixar o cadastro na Agehab sempre atualizado. “Depois que fizer a inscrição, a pessoa tem que acompanhar os chamamentos realizados pela página www.agehab.go.gov.br e também pela imprensa. A Agehab faz de tudo para encontrar esses beneficiários, por telefone e carta, até por redes sociais e aplicativos de mapas, para ninguém perder o direito à moradia. Mas o beneficiário também deve fazer a sua parte”, conclui ele.

Morador do Setor Perim, José Batista de Oliveira, 65 anos, portador do Mal de Parkinson, foi encontrado por uma colaboradora da Agehab por meio de um aplicativo de mapas. Depois de tentar localizá-lo por telefone e carta, a assessora da Agência, Vera Lúcia das Dores, ligou para uma firma que fica na mesma rua onde mora o José Batista. O funcionário encontrou o beneficiário em casa e avisou que a Agehab estava procurando por ele. José Batista correu para a Agência, onde descobriu que poderia perder o direito de receber uma das moradias do Jardins do Cerrado 10. “Na inscrição, informei um telefone fixo que já foi desativado. Sabia que fui sorteado, entreguei os documentos, mas pensei que demorava mais para chamar. Nem sabia que existia essa possibilidade de me procurarem. O sentimento é de gratidão”, disse.

O Governo de Goiás é parceiro do Ministério das Cidades e do Município na construção do residencial. Foram aportados pelo Estado R$ 16,2 milhões para a construção das 1080 moradias, que estão distribuídas em 135 blocos, formando nove condomínios. Os apartamentos são de 43 metros quadrados, com dois quartos, sala e cozinha conjugadas, banheiro social e área de serviço. São dois pavimentos, com quatro apartamentos por pavimento. Cada condomínio conta com um centro comunitário com área de churrasqueira, parque infantil e campo de futebol gramado.

Foto: Sérgio Willian

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here