“Daniel propõe a extinção de cargos que não existem”, afirma Jalles

0
1528

Em entrevista à Rádio Sagres 730, nesta quinta-feira (23), o deputado Daniel Vilela, candidato do MDB a governador de Goiás, apontou algumas de suas metas para a gestão estadual. Porém o coordenador político da campanha do governador Zé Eliton (PSDB), Jalles Fontoura, afirma que Daniel não conhece a realidade do Estado e propõe ações que já foram feitas pela atual gestão.

Na entrevista, Daniel falou em extinguir órgãos que já não existem no Estado. “Iremos promover a redução de uma série de órgãos que hoje existem apenas para serem cabides de empregos no Estado. Temos um grupo até hoje que paga os salários para o VLT, um projeto que foi descartado há dois anos”, disse Daniel.

Jalles Fontoura rebate a declaração e afirma que Daniel está seguindo a linha de Ronaldo Caiado (DEM) e disseminando fake news. “Daniel mostra que não conhece o Estado e faz referência a cargos que estão existem há anos. O Grupo do VLT foi extinto em abril de 2017 por meio de uma lei. Ele está propondo algo impossível de realizar e tentando enganar a população com informações falsas”, disse. O Grupo do VLT foi extinto em 2017, pela Lei n. 19.621, de 07 de abril de 2017 artigo 7.

Daniel também disse que fará uma reforma administrativa com a redução de muitos cargos comissionados, mas ao mesmo tempo o candidato afirmou que vai criar pelo menos mais duas secretarias, a do Agronegócio e a da Indústria e Comércio, gerando mais gastos para o Estado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here