Caiado diz que irá resgatar área da saúde em Goiás

0
404
Foto: Divulgação

Em encontro com médicos promovido na última terça-feira, 11, pelo Comitê das Entidades Médicas do Estado de Goiás (Cemeg), o senador Ronaldo Caiado (Democratas) detalhou pontos de seu plano de governo para a área de saúde em Goiás e se comprometeu em a implantar o compliance público como forma de controlar e gerir os gastos públicos com total transparência para os cidadãos.

Ao falar do quanto se sente gratificado por poder contar com o apoio da classe médica em mais uma disputa, Ronaldo Caiado lembrou de sua luta por uma saúde de qualidade e do resgate que pretende fazer na área caso seja eleito, uma vez que a saúde é considerada pela população como um dos principais gargalos da administração estadual.

“Esta campanha não é só para eleger um governador, mas para trazer uma nova maneira de governar. Precisamos resgatar Goiás, que é hoje um dos piores Estados brasileiros do ponto de vista fiscal e com centenas de obras inacabadas, incluindo hospitais regionais que há anos são prometidos e nunca saem do papel”, frisou.

O encontro teve representação de nomes importantes da Medicina em Goiás e no Brasil. Conselheiro por Goiás no Conselho Federal de Medicina, o médico Salomão Rodrigues enalteceu em seu discurso a trajetória de Ronaldo Caiado em favor da saúde e da Medicina do País e afirmou estar empenhado em vê-lo dar um novo rumo para Goiás.

“Tenho certeza de que Ronaldo Caiado vai contribuir muito para o crescimento da Medicina brasileira. A sociedade espera poder contar com uma assistência de saúde de qualidade. Precisamos aqui em Goiás do resgate da Medicina e da valorização de seus profissionais”, afirmou.

Presidente do Sindicato dos Médicos do Estado de Goiás (Simego), Rafael Martinez também reconheceu a luta do democrata no Congresso Nacional. “O senhor provou que defende a área da saúde. Tenho certeza que, se chegar ao governo, o mais importante na sua gestão serão as pessoas”, garantiu. O mesmo afirmou o presidente da Academia Goiana de Medicina, Nilzio Antonio. “Que o senhor continue sempre preocupado com os interesses maiores de nosso Estado”, desejou.

Para o presidente da Associação do Hospitais Privados de Alta Complexidade de Goiás, Haikal Yaspers Helou, Ronaldo Caiado representa a chance de mudança que Goiás espera. “Pela primeira vez em 20 anos temos a chance de mudar de verdade Goiás. Isso nos traz esperança”, afiançou.

O encontro também foi uma oportunidade para os médicos conhecerem os candidatos que buscam fazer a defesa da saúde no Congresso Nacional e na Assembleia Legislativa. Entre os presentes estavam os candidatos a deputado federal Alcides Rodrigues (PRP), Zacharias Calil (Democratas), Alano Queiroz (Novo) e Paulo Daher (Democratas), além do senatoriável Wilder Morais (Democratas), que foi reconhecido pelos médicos como um parlamentar atuante em defesa da classe médica brasileira.

Também presente no encontro, o deputado federal pelo Mato Grosso, Luiz Henrique Mandetta (Democratas) fez questão de conclamar a classe médica a se engajar no processo democrático. “É preciso participar da democracia representativa, seja ocupando uma cadeira ou elegendo alguém que o represente para discutir as questões importantes da área da saúde. Peçam votos para Ronaldo Caiado. Não existe mais política com médico em cima de pedestal. Militem, trabalhem na medida do que é possível”, afirmou.

Propostas

A área da saúde é hoje a que mais preocupa os goianos, como revelou pesquisa Serpes recentemente que mostrou que os goianos a consideram o maior problema do Estado, apontado por 53,1% dos entrevistados.

“O quadro da saúde em Goiás é caótico.  Sou médico e saberei cuidar das pessoas. Vou construir 17 policlínicas, uma em cada região do Estado para que os pacientes possam ter melhores atendimentos e acesso a exames mais complexos. Também vou construir o Hospital do Câncer e do Coração”, garantiu.

Em sua plataforma de governo, Ronaldo Caiado fala ainda no fortalecimento da gestão regional e suporte de equipamentos fundamentais para toda a rede de saúde. Ele afirmou que irá garantir que todos os municípios tenham laboratórios de análise clínica para exames complementares básicos essenciais e que acesso facilitado a equipamentos médicos essenciais, tais como desfibrilador, ultrassom e eletrocardiógrafo.

É ainda compromisso do candidato resgatar para o governo de Goiás os dez hospitais regionais municipalizados, em comum acordo com os municípios, promovendo a reforma e a ampliação dessas unidades

Outra preocupação é buscar alternativas para levar médicos especialistas às regiões mais carentes de Goiás. Para que a população tenha acesso à saúde de boa qualidade, o senador Ronaldo Caiado propõe incentivar a ida de médicos para o interior.

Hoje 67% de médicos moram na capital. Os especialistas são 66,8% e os generalistas são 33,2% dos médicos que atendem em Goiânia. As regiões mais distantes e menos desenvolvidas de Goiás sofrem com a falta desses profissionais.

“Vamos ter a coragem de apresentar um projeto de lei na Assembleia para que os médicos especialistas tenham um complemento salarial como incentivo a ir para interior. Além disso, vamos criar as policlínicas regionais que poderão avançar rapidamente na triagem de pacientes, especialmente os crônicos”, contou.

Segundo consta no plano de governo, a ideia é fazer funcionar, com excelência, os hospitais regionais existentes e minimizar os vazios assistenciais identificados nas regiões do estado para serviços de média e alta complexidade, por meio da ampliação da gestão regional e do aperfeiçoamento e ampliação da rede via parcerias com o terceiro setor. Além disso, serão priorizadas a eficiência e a equidade nas ações e serviços prestados, humanizando e melhorando a qualidade do atendimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here