Governo de Goiás amplia em 17,3 mil o número de vagas para alunos no Entorno do DF

0
275

Com a entrega de 18 novas escolas no Entorno de Brasília, o Governo de Goiás ampliou em 17,3 mil o número de vagas na região em 2018. Desde janeiro, a administração entregou 18 novas escolas no Entorno, com 12,8 mil matrículas criadas para os turnos matutino e vespertino e outras 4,5 mil para o noturno. “As novas vagas vão ampliar e melhorar o acesso ao ensino em toda a região”, afirma o governador José Eliton.

Inauguradas de janeiro a julho, são todas unidades de Padrão Século 21, sendo uma delas, em Cidade Ocidental, um Colégio Militar. As novas unidades estão localizadas nos municípios de Valparaíso de Goiás, Cidade Ocidental, Santo Antônio do Descoberto, Formosa, Planaltina de Goiás, Cristalina, Novo Gama e Luziânia. As outras duas escolas Padrão Século 21 inauguradas neste ano estão em Aparecida de Goiânia e em Itapuranga.

As escolas Padrão Século 21, com estilo inovador, propiciam um ensino de excelência. Segundo a Secretaria de Estado da Educação, Cultura e Esporte  (Seduce), sua ampla área de convivência estimula a interação entre os alunos e professores e cria um ambiente propício aos estudos. A estrutura física inclui administração, auditório, biblioteca, laboratórios, pátio coberto, quatro banheiros, vestiário, quadra poliesportiva coberta, 12 salas de aula e bloco passarela.

Qualidade

A qualidade do aprendizado na rede estadual de Goiás tem sido destaque nacional. Este ano, a rede pública goiana foi apontada pelo Ministério da Educação (MEC) como líder nacional do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) no Ensino Médio e no Ensino Fundamental II. No Ensino Fundamental I, ficou na 2ª colocação. O estado foi o único a cumprir todas as metas de crescimento estabelecidas.

No Ensino Médio, a nota alcançada por Goiás foi 4,3, superando a projeção do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), que era 4,2. Já no Ensino Fundamental II, a média foi 5,2, ou seja, 0,4 a mais que o estipulado (4,8). No Ensino Fundamental I, Goiás apresenta crescimento de um ponto: o Inep apresentou meta de 5,6, mas a rede estadual goiana fez 6,6. As provas foram realizadas em 2017.

Importante indicador para avaliar o desempenho da aprendizagem no Brasil, o Ideb é calculado de dois em dois anos, a partir dos dados sobre aprovação obtidos no Censo Escolar e das médias de desempenho no Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). Dados do Saeb indicaram a rede pública goiana na liderança nacional em aprendizagem. Goiás alcançou o primeiro lugar em proficiência em Língua Portuguesa e Matemática nas duas fases do Ensino Fundamental (I e II) e terceiro lugar no Ensino Médio no País.

Escolas estaduais inauguradas em 2018 (Fonte: Seduce)

– E. Bairro Cruzeiro do Sul (Valparaíso de Goiás) – Parque São Bernardo. Padrão Século 21
– CEPMG Jardim Dom Bosco (Cidade Ocidental) – Colégio da Polícia Militar de Goiás. Padrão Século 21
– E. Engenheiro Paulo César Vaz de Melo (Santo Antônio do Descoberto) – Parque Estrela D’Alva 16. Padrão Século 21
– CEPI Professora Isabel Christina de Souza Ortiz (Formosa) – Parque Lago. Padrão Século 21
– CEPI Helena Nasser (Formosa) – Parque da Colina. Padrão Século 21
– E. Doutor Dirceu Ferreira de Araújo – (Planaltina de Goiás). Padrão Século 21
– E. Campos Lindos (Cristalina). Loteamento Mansões Marajó – distrito de Campos Lindos. Padrão Século 21
– E. Adelvina Flores Ribeiro (Cristalina). Bairro Rio de Janeiro. Padrão Século 21
– E. Marajó (Valparaíso de Goiás) – Jardim dos Ipês. Padrão Século 21
– E. Gildete Barreto de Lima (Valparaíso de Goiás) – Bairro Pacaembu. Padrão Século 21
– E. Distrito de Santa Rosa (Formosa). Distrito de Santa Rosa. Padrão Século 21
– E. Montserrat (Novo Gama) – Setor Montserrat. Padrão Século 21
– CEPI São Mateus (Cidade Ocidental) – Bairro Mansões de Recreio São Mateus. Padrão Século 21
– CEPI Hélio Rodrigues de Queiroz (Luziânia) – Mansões de Recreio Parque Estrela Dalva VIII. Padrão Século 21
– E. Delfino Oclécio Machado (Luziânia). Distrito Parque Jardim Ingá. Padrão Século 21
– CEPI Osvaldo da Costa Meirelles (Luziânia), Setor São Caetano, em Luziânia. Padrão Século 21
– CEPMG Ely da Silva Braz (Luziânia), Jardim Brasília Sul. Padrão Século 21
– E. Cidade Eclética (Santo Antônio do Descoberto), Fazenda Capão Grosso. Padrão Século 21
– E. Conjunto Valéria Perillo (Itapuranga). Conjunto Valéria Perillo. Padrão Século 21
– E. Michelle Prado (Aparecida de Goiânia). Jardim das Hortênsias. Padrão Século 21

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here